Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

Mais um boi de piranha na caçada a Lula

Por Luis Edmundo

14 de janeiro de 2017 : 16h21

Espiando o poder: análise diária da grande imprensa

Foto: Dida Sampaio/Estadão

Por Luis Edmundo Araujo, colunista do Cafezinho

O sujeito aí de cima, Geddel Vieira Lima, é a bola da vez nas edições deste sábado da mídia corporativa familiar. As manchetes do Estado e da Folha de São Paulo mostram mais uma das denúncias contra ele conhecidas desde muito antes, durante e, agora, depois de sua participação no governo Temer. A notícia também ganha a capa do Globo, que na manchete, porém, prefere gritar o avante às hostes da privatização. Colunistas dão graças por Geddel não fazer mais parte do governo, outros sugerem que é hora de acelerar a “tucanização” do Planalto onde o PMDB permanece acuado pelo arsenal que Eduardo Cunha, preso desde outubro, começa a mostrar. E se os ex-aliados trapalhões da grande mídia começam a ser descartados (como o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, exposto hoje na capa da Época), no editorial o Globo ataca o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva com as generalidades de sempre.

“Lula se defende na Justiça com ataque político”, diz o título do editorial que o Globo publica menos de 24 horas depois de o Portal Metrópoles dar a notícia de que “setores do PT articulam o lançamento da candidatura” do líder petista à “Presidência da República na próxima sexta-feira”. A plataforma de campanha para o terceiro mandato de Lula no comando do País prevê que ele, caso eleito, revogue imediatamente “todos os feitos do governo Michel Temer”.

Inclui-se nesse pacote a PEC do Teto nos gastos públicos, as reformas trabalhista e da Previdência e todo o ajuste fiscal defendido pelo jornal e pela grande mídia em geral. Para evitar tamanha “tragédia” aos seus interesses, o Globo parece confiar ainda na tropa de choque do Judiciário, mais precisamente em um “herói” específico, mesmo que aliados seus nessa guerra, como a Veja, deem sinais de que o objetivo final não está mais tão perto assim.

No site da revista da editoria Abril, o coordenador da Operação Lava Jato na Polícia Federal, o delegado Maurício Moscardi Grillo, afirma que hoje “os elementos que justificariam um pedido de prisão preventiva não são tão evidentes”. O delegado diz ainda que “foi um erro ter levado o petista para depor no Aeroporto de Congonhas porque acabou permitindo a ele passar uma imagem de vítima”. O Globo não quer saber de nada disso e sem criticar nem condução coercitiva nem divulgação ilegal de conversas gravadas também ilegalmente, apenas confia em Moro e cia.

“Se considerarmos a relativa rapidez com que o juiz Sérgio Moro, de Curitiba, emite sentenças, quase sempre confirmadas, também com presteza, pelo Tribunal de Porto Alegre, os prognósticos são negativos para o ex-presidente”, diz o Globo, em seu editorial que não cita, por óbvio, o apoio internacional que Lula recebeu na seção de cartas do jornal britânico The Guardian, de parlamentares, sindicalistas e acadêmicos do Reino Unido.

“Depois do processo não democrático e ilegal no qual a presidente Dilma Rousseff foi removida por 62 senadores, revertendo o voto de 54 milhões de cidadãos, há uma campanha sem precedentes para difamar a figura do ex-presidente Lula”. Assim começa a carta em que o grupo No Coup in Brazil, formado por vários membros da esquerda britânica e de forte participação do sindicalismo, denuncia a “tentativa de ‘julgamento pela mídia’ para que o ex-presidente não participe do processo político”.

A carta publicada ontem pelo Guardian afirma ainda que “durante as investigações os promotores não conseguiram encontrar nada contra Lula” e que “apesar disso, ele continua sendo sujeitado a arbitrariedades, o que levou a investigações por parte da ONU devido a preocupações sobre a restrição de seus direitos”. Entre as diversas, repetidas derivações da palavra lulopetismo, talvez a mais presente em seus editoriais, o Globo ignora isso, assim como passa ao largo, assoviando para o alto, de qualquer referência às últimas pesquisas que mostram a liderança e o crescimento constante de Lula numa eventual corrida presidencial.

“Desde o início, os advogados partiram para uma defesa política do ex-presidente” começa dizendo o editorial do jornal carioca para em seguida contar que ele, o “lulopetismo”, “começou a esculpir a farsa da perseguição política que Judiciário e Ministério Público moveriam contra Lula. Claro, com apoio das ‘elites’, refletido na cobertura da imprensa profissional”. O Globo cita também os “textos supostamente técnicos para tentar provar a tese da ‘perseguição’” e responde a tudo de maneira bem sucinta, dizendo que toda essa argumentação, de tanta gente no Brasil e pelo mundo, tudo isso não passa de “enorme balela”. E pronto.

Pode até ser essa, quem sabe, a tese a ser considerada pelos desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4a Região (TRF-4), que corrobora 99,9% das decisões de Moro, ao analisarem a ação movida pelo ex-presidente Lula contra o juiz, por abuso de autoridade. “Moro contrata sua mulher para defendê-lo em ação de Lula”, diz o título da página interna do jornal carioca, sobre a matéria mostrando que Rosângela Maria Wolff de Quadros Moro “é quem consta como advogada” do caso. Em cima, na mesma página o Globo diz, na matéria ilustrada pela foto ao lado, que o procurador-geral da República Rodrigo “Janot quer terceiro mandato e causa reação entre procuradores”.

Sobre o caso entre Moro e Lula, a matéria fala que “os advogados de Lula pediram a condenação do juiz a uma pena de dez dias a seis meses de detenção”, e que entre os motivos para isso foram citados “a condução coercitiva do ex-presidente, a busca e apreensão de bens de Lula e a interceptação de ligações realizadas, além da divulgação do conteúdo dos diálogos.” Mas a ação só irá a julgamento se for aceita pelo desembargador Sebastião Ogê Muniz, do TRF-4.

Por falar em escutas, clandestinas ou não, elas ressurgem no caso em que “Cunha e Geddel lideravam desvios na Caixa”, como afirma a PF e o Estadão na manchete, que é a mesma na Folha de São Paulo e só não é no Globo por conta do avanço das privatizações. “Oito estados começam a privatizar o saneamento”, afirma o jornal carioca em tom de mãos sendo esfregadas, para embaixo, numa quase manchete, dar a notícia sobre Geddel.

O texto começa dizendo que “o ex-ministro Geddel Vieira Lima, que teve o sigilo bancário, fiscal e telefônico quebrado pela Justiça, é suspeito de integrar ‘uma verdadeira organização criminosa’ para facilitar a liberação de empréstimos da Caixa a empresas em troca de propina”. Mais adiante vêm os diálogos, as trocas de mensagens que continuam a fazer a festa da grande mídia, quando, “em uma conversa, Geddel brinca com Cunha, quando questionado por ele sobre um negócio relativo à empresa J&F Investimentos, holding que controla a JBS/Friboi”

“‘Ta resolvido Ta na pauta do CD (Conselho Deliberativo) de terça. Vc tá pensando que eu sou esses Ministros q vc indicou? Abs (sic)’ escreveu Geddel, em 29 de agosto de 2012.” E “Cunha respondeu a mensagem com “Ok. rsrsrs”. O Estadão destaca em vermelho o valor de R$ 4,3 bilhões. “liberado no período em que Geddel foi vice-presidente da Caixa às 4 maiores empresas investigadas pela PF – JBS e a holding J&F, Bertim e Marfrig.”

Também com chamada na capa, a “Coluna do Estadão” anuncia que “preso desde outubro, Eduardo Cunha começou a mandar recados a antigos aliados”, e que “se constatar que foi ‘abandonado’, pode aceitar discutir a delação premiada”. E a coluna Painel, assinada por Paulo Gama na Folha, conta na nota “Novo queridinho”, que “há no Planalto quem queira pedir ao chanceler José Serra uma premiação ao diplomata e ex-titular da Cultora, Marcelo Calero, por ter feito as denúncias que apearam o então ministro Geddel Vieira Lima da Secretaria de Governo”.

Na nota seguinte, “Cara a cara”, a coluna afirma que “se o peemedebista ainda estivesse no Planalto, a operação da PF desta sexta (13) teria mandado a crise de volta para o palácio.” Para Jorge Bastos Moreno, do Globo, porém, não muitos motivos para comemorações no Planalto, porque “as ações do ex-ministro Geddel Vieira Lima são apenas uma das pontas de um novelo que pode, pela extensão, enrolar algumas importantes personalidades da República”.

“Um governo devagar, quase…” é o título da nota que abre a coluna de Moreno, na qual ele acredita que as denúncias podem “transformar a demorada substituição do personagem em questão pelo tucano Antonio Imbassahy no início de uma reforma ministerial mais ampla”. O colunista continua revelando que “conversas aqui e acolá, nenhuma delas republicanas, mantidas entre um ex-assessor do presidente e um dos inquilinos do Planalto, ameaçam vir à tona e derrubar mais gente”.

E o próximo alvo pode ser Alexandre de Moraes, a julgar pela capa da revista Época, do grupo Globo, que mostra a foto do ministro da Justiça, no cargo ainda mesmo depois de tantas trapalhadas, em cima da inscrição: “o homem errado no lugar errado”.

Luis Edmundo

Luis Edmundo Araujo é jornalista e mora no Rio de Janeiro desde que nasceu, em 1972. Foi repórter do jornal O Fluminense, do Jornal do Brasil e das finadas revistas Incrível e Istoé Gente. No Jornal do Commercio, foi editor por 11 anos, até o fim do jornal, em maio de 2016.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

53 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

José Ferreira

16 de janeiro de 2017 às 12h21

A Globo, manipula seus pupilos como laranjas, pra depois jogar no lixo.

Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

16 de janeiro de 2017 às 12h20

FILIPE COSTA: A Dilma formou-se em 1977 na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Talvez algum militar da época tenha vendido o diploma para ela. Vai no Comando do Exército e denuncia isso. Eles vão gostar de saber isso.

Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

16 de janeiro de 2017 às 12h15

FILIPE COSTA:
In which school did you learn English?
In which university did you study engineering?
Or are you a joke?

En el que la escuela ha aprendido a hablar español?
En el que la universidad a estudiar ingeniería?
O usted es una broma?

Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

16 de janeiro de 2017 às 11h55

SONIA GOMES diz: ” Este Cafezinho tem treta com o Lula”.

Sonia, fale mais à respeito dessa afirmação. Mas, antes, deite no divã.

Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

16 de janeiro de 2017 às 11h53

“LULA se defende na justiça com ataque político”.
Mas, se as acusações contra ele são políticas, como é que ele deve se defender? Ou será que se ele apresentar um powerpoint ele é inocentado? O Groubo só escreve essas barbaridades por que ainda tem quem leia esse lixo e não pensa, aceitando tudo sem um mínimo de análise lógica. É de doer a burrice dessa gente.

Responder

Hilário Sousa

16 de janeiro de 2017 às 09h12

Eu me pergunto, as vezes, o que é que está faltando para o povo brasileiro sair desse transe. Gente, acorde, a história urge a necessidade se repetir.

Responder

Cynthia

15 de janeiro de 2017 às 14h08

Uai, mas gente, a Friboi não é do Lulinha?!?

Responder

Edem

15 de janeiro de 2017 às 13h51

Esse blog é de esquerda sim e lê quem quiser. Agora a pig é que fica tentando disfarçar que é de direita. Ou melhor acho que nem disfarça mais.

Responder

Katia Waldemarin

15 de janeiro de 2017 às 12h58

E tem gente que ainda nao entendeu…

Responder

Sonia Gomes

15 de janeiro de 2017 às 11h44

Esse cafezinho, tem treta com Lula.

Responder

Edson Valadares

15 de janeiro de 2017 às 10h55

Vamos quebrar a Globo…

Responder

paulo tasso motta

15 de janeiro de 2017 às 07h55

Esses mercenários sacripantas e da mídia sabuja devem ser detidos e punidos literalmente

Responder

Erga Omnes

15 de janeiro de 2017 às 06h22

Reformas e mais reformas que geram redução do poder aquisitivo do povo, para suprir valores inestimáveis roubados do povo para o enriquecimento dos políticos e seus familiares . Vergonha e revolta do povo que não aceita esta realidade: o dinheiro do seus esforços no trabalho enriquece ilicitamente milhares, e você morrerá trabalhando em busca de sonhos inatingíveis, porque lhe roubam .

Responder

Lilian Cristina Guimarães

15 de janeiro de 2017 às 01h45

#RedeGloboGolpista

Responder

Davi Junior

15 de janeiro de 2017 às 01h36

Não é preciso mais nada dizer!!!

Responder

Silmar Alcarria MArtins

15 de janeiro de 2017 às 01h29

Todas as vezes que no cerco aperta na quadrilha dos golpistas, o Pig sai com alguma notícia pra desviar as atenções. Tá muito manjado isso!Arranja outra que essa não tá colando mais!

Responder

Renato

14 de janeiro de 2017 às 22h10

Mischell deveria se tocar e jogar a toalha enquanto dá tempo. Todo mundo está vendo que a merda vai chegar nele a qualquer momento, é só um da quadrilha perceber que vai mofar na cadeia, por anos a fio, que vai abrir o bico em troco da “famosa delação premiada que vocPes sempre aplaudiram”. Vaza Mischell, a fossa entupiu e a merda tá subindo, o fedor já está insuportável. Pára com essa nova decoração no Palácio do Planalto e volta para o Alto de Pinheiros em São Paulo, e se encastela, porque a sua hora está chegando. OBS: Vossa Excelência é o topo da cadeia, e se for preso não vai ter quem delatar. Se delatar o STF, quem irá homologar a delação? É, amigão da onça, o negócio para o seu lado não é animador e nem favorável.

Responder

Kleber Pimentel

15 de janeiro de 2017 às 00h05

Estão caindo um a um…

Responder

Claudio Alves

14 de janeiro de 2017 às 23h20

Engraçado que quando aparece algum delito deles volta o foco no lula o corruptos sem moral.

Responder

João Marcelo Brazão Protázio

14 de janeiro de 2017 às 22h56

Reza safado … tua hora vem a galope !!!

Responder

Paulo Cesar Alvarez

14 de janeiro de 2017 às 22h17

Pq espancam e prendem o trombadinha e o pichador? E ele não? É só uma dúvida…

Responder

Camilo França

14 de janeiro de 2017 às 18h41

Não há frase mais incisiva que a proferida pelo senhor Eugênio Aragão ao sentenciar que quem tem juízo faz com a cabeça e quem não o tem faz com os punhos. Ao cunhar tal expressão, ele esvaziou toda e qualquer possibilidade de se esperar desse cidadão, Alexandre, algo mais consistente…

Responder

Hugo Hermida

14 de janeiro de 2017 às 20h25

“No site da revista da editoria Abril, o coordenador da Operação Lava Jato na Polícia Federal, o delegado Maurício Moscardi Grillo, afirma que hoje “os elementos que justificariam um pedido de prisão preventiva não são tão evidentes”. O delegado diz ainda que “foi um erro ter levado o petista para depor no Aeroporto de Congonhas”

Responder

Bruno Hirsch

14 de janeiro de 2017 às 20h18

Tem que prender logo… Brasil ta cansado já

Responder

Álvaro Campos

14 de janeiro de 2017 às 20h08

Rapaz a criatividade do ocafezinho é uma coisa inacreditável. Teria emprego fácil na Disney.

Responder

Maurilio Costa

14 de janeiro de 2017 às 19h55

Ixiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, mais um processo contra Lula..

Responder

Carmizeth Carmi Ferreira Marinho

14 de janeiro de 2017 às 19h36

É sempre alternado, quando falam de corrupção de outro, lá vem o caso Lula e assim os crimes do PSDB vai passando.

Responder

Hannibal de Sousa

14 de janeiro de 2017 às 19h28

Filipe Costa (foto do analfabeto funcional abaixo). Certamente é um milagre que você ao menos consiga ler a página do Cafezinho, uma vez que escrever não sabe. Afinal, você foi incapaz de redigir corretamente um texto de cinco linhas sem destruir o belo idioma de Manuel da Nóbrega – algo que se exige lá pelo sexto ano do ensino fundamental. Volte para a escola e termine o primário antes de passar vergonha na internet. :)

Responder

Genaina Venancio

14 de janeiro de 2017 às 19h27

Obrigado

Responder

Laerson da Silva

14 de janeiro de 2017 às 19h11

esse safado participou de todos os governos!!!! lula, dilma e tmer… È melhor o cafezinho fechar de vez

Responder

Filipe Costa

14 de janeiro de 2017 às 18h45

Tem q começar por aí né manin … n tem político bom, infelizmente n temos… mas essa página aqui é a representação deles. Só querem por lenha na fogueira para colocarem no poder dnovo o outro lado, que tirando Lula, não fizeram porcaria nenhum, mas mesmo Lula, deixou o partido abusar do poder.. e disso meu amigo, não precisamos

Responder

Filipe Costa

14 de janeiro de 2017 às 18h43

Por favor, excluam essa página… só representa interesses próprios … de tipos como esse o governo está cheio! N perco nem meu tempo lendo as matérias pq já sei q se trata de uma tentativa de lavagem cerebral, maaas ainda sigo porque uma ooou outra serve para alguma coisa, mas outros 99% é … os outros representam beeem o governo Brasileiro

Responder

    Hannibal de Sousa

    14 de janeiro de 2017 às 19h29

    Filipe Costa (foto do analfabeto funcional acima). Certamente é um milagre que você ao menos consiga ler a página do Cafezinho, uma vez que escrever não sabe. Afinal, você foi incapaz de redigir corretamente um texto de cinco linhas sem destruir o belo idioma de Manuel da Nóbrega – algo que se exige lá pelo sexto ano do ensino fundamental. Volte para a escola e termine o primário antes de passar vergonha na internet. :)

    Responder

    Orlando Pereira C Filho

    14 de janeiro de 2017 às 21h06

    Ela está de costa para a forma correta da escrita. É a cara do golpe

    Responder

    Marco Aurélio Novaes

    15 de janeiro de 2017 às 01h04

    Foda-se. Alienado. Se quer compartilhar sua idiotice, escolha outro lugar.

    Responder

    Filipe Costa

    15 de janeiro de 2017 às 02h51

    Foram 13 anos desse governo q apoiam q me educaram

    Responder

    Filipe Costa

    15 de janeiro de 2017 às 02h59

    Hannibal de Sousa desculpe! Vc entendeu oq foi escrito? Então ótimo, esse foi o meu recado senhor da língua. Admito q meu português n é dos melhores, assim como meu inglês e espanhol. Talvez eu deveria ter dedicado mais no estudo desta ao invés das outras, quem sabe!? Mas vem pensa melhor comigo, vc votou na Dilma… Quem é vc para criticar o meu português? Por um acaso lembra dos discursos com cálculos dela?? Haha às vezes oq eu me dediquei a matemática para virar engenheiro, ela se dedicou ao português para virar presidente, pq o diploma de economia ela deve ter comprado …

    Responder

    Filipe Costa

    15 de janeiro de 2017 às 03h01

    Marco Aurélio Novaes vc leu? Obrigado por sua pobre observação, dignas de meu mais nobre desprezo

    Responder

      Gil

      16 de janeiro de 2017 às 10h33

      EU QUERO LULA PRESIDENTE DE NOVO, esta mídia direitista, com este bando de corruptos que estão no poder, jã passou da hora de tomar seu rumoo.

      Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina