03.04 Coletiva do Ministro da Saúde

Rio de Janeiro - Manifestantes chegam em frente à Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro(ALERJ) para protestar contra as medidas de austeridade do governo estadual. (Tânia Rêgo/Agência Brasil)

Investimentos estrangeiros concentram-se na privatização do transporte, água e eletricidade

Por Miguel do Rosário

30 de agosto de 2017 : 17h50

O Brasil no mercado das almas

A Folha publica hoje uma reportagem sobre empresas brasileiras, vendendo às pressas seus mais valiosos ativos, por causa da Lava Jato. Tudo é visto como positivo, inclusive a virada nos investimentos. Antes, o capital internacional vinha, em sua maioria, para a indústria. Hoje, vem para o setor de serviços públicos: eletricidade, transporte, tratamento de água.

“Os serviços captaram 66% desse total, bem acima do atraído pela indústria (28%) e pelo agronegócio (6%).Há apenas dois anos, quando os ingressos estrangeiros no setor produtivo estavam no mesmo nível, a indústria ficou com a maior parte desses recursos (60%), e os serviços captaram apenas 30%”, diz a matéria.

Um outro trecho da matéria mais desinforma do que informa:

“Por país, o ranking do Banco Central mostra que os EUA responderam por 27% das transações ocorridas até julho, seguido por um grupo curioso que reúne Países Baixos, Ilhas Virgens Britânicas e Luxemburgo”.

A matéria não informa as mudanças nessas participações sobre o ano anterior. A observação sobre um “grupo curioso” dos Países Baixos, Ilhas Virgens e Luxemburgo não me parece muito informativa. Um dos entrevistados pela matéria diz uma coisa igualmente “curiosa”:

Andrade diz que esses países se encontram no topo da lista porque oferecem, legalmente, benefícios fiscais para que empresas transitem por eles. São lugares de passagem, mas acabam entrando no levantamento do BC como a origem dos recursos.

O tal Andrade usou palavras delicadas para se referir a paraísos fiscais, onde se concentra o grosso do dinheiro sujo no mundo, que ali encontra maneiras de ser “lavado”.

O “feirão” Brasil, então, será uma ótima oportunidade para que esses recursos, hoje em risco por causa do aumento do cerco internacional à lavagem de dinheiro, sejam legalizados.

Não creio, porém, que será muito vantajoso para o Brasil ser comprado por grupos internacionais especializados em lavagem de dinheiro.

O Cafezinho foi atrás dos números.

Como se vê, os EUA elevaram em 165% o volume de investimentos no Brasil, fazendo sua participação, que era de 13,7% em 2016, saltar para 27% em 2017.

França e Itália também elevaram seus investimentos no país.

Abaixo, a tabela mostra que setores, especificamente, estão atraindo o interesse dos investidores.

O grosso é o setor de serviços, que respondeu por 66% dos investimentos. Mas o setor de serviços é amplo: inclue tecnologia, entretenimento, etc. Mas nada disso interessou aos estrangeiros.

O interesse deles se concentrou no serviço público de transporte, eletricidade e água. 53% dos investimentos estrangeiros em serviços foram destinados para esses três setores.

São áreas onde há monopólio (ou seja, não há concorrência) e, com um pouco de lobby, pode-se elevar as tarifas até o limite do suportável pelo povo sem produzir revolta popular.

É uma situação fortemente favorável à corrupção, porque teremos setores privados, desesperados por lucro, tomando conta de serviços essenciais cujos preços são determinados pelo setor público.

 

 

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Luiz Carlos P. Oliveira

31 de agosto de 2017 às 08h31

Belo discurso. Mas incriminou o PT no final. Você se deu conta de que é exatamente contra tudo isso que nós, progressistas, lutamos? Esqueceu que o projeto do PT para o pré-sal era para aplicar os recursos oriundos desse para a saúde e a educação? O PT não errou, apenas foi massacrado por um congresso corrupto. Tão canalha que o perdedor das últimas eleições (no qual você deve ter votado) pediu recontagem de votos, alegando fraudes, só para “encher o saco do PT”, como ele mesmo confessou. A irresponsabilidade desse canalha foi a “faísca” para tudo o que essa verdadeira quadrilha que está no poder faz ao Brasil. Destruição total de nosso patrimônio natural.

Responder

Reginaldo Gomes

30 de agosto de 2017 às 21h45

Tem que fazer como o Requião falou . :
” Enquadrar o investimento estrangeiro no artigo 180 DO CÓD. PENAL(RECEPTAÇÃO)

CP – Decreto Lei nº 2.848 de 07 de Dezembro de 1940

Art. 180 – Adquirir, receber, transportar, conduzir ou ocultar, em proveito próprio ou alheio, coisa que sabe ser produto de crime, ou influir para que terceiro, de boa-fé, a adquira, receba ou oculte: (Redação dada pela Lei nº 9.426, de 1996)

Pena – reclusão, de um a quatro anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 9.426, de 1996)

Responder

Paulo L Maia

30 de agosto de 2017 às 21h10

Responder

Paulo L Maia

30 de agosto de 2017 às 21h10

Responder

    Carlos

    30 de agosto de 2017 às 20h12

    Isso mesmo e COMPLETANDO POSTO DE NOVO:
    Primeiro,o conceito:TODA A RIQUEZA REAL VEM DA TERRA.TODO O RESTO É DERIVADO.
    Agora a constatação: É impossível imprimir dinheiro infinito num mundo finito.
    Dado que a indústria financeira,mera prestadora de serviços,virou protagonista deste mundo o que temos no momento quer acreditem ou não,quer aceitem ou não é um “MAR GIGANTESCO” de papéis perseguindo os recursos ( a riqueza real ).
    Promessas não serão cumpridas.Os protagonistas estão correndo para transferir “todo o papel pintado” e sem lastro EM COISAS REAIS!
    Colocaram e o mundo aceitou que lobos tomassem conta dos galinheiros.
    Isto não passa no JN e nunca passará.
    Tudo já foi privatizado,tudo e há muito tempo.Usaram a ferramenta > o lobby.
    O que estão a fazer agora é formalizar ,na marra,as posses.
    A corrupção é pândemica.Governos são apenas sombras das corporações sobre a sociedade.
    Capitalismo se foi.O que temos agora é “capitalismo de compadrio” que antecede o retorno ao feudalismo.

    “Dê-me o controle da moeda de uma nação e não me importo com quem faz suas leis”.
    Barão de Rothschild.
    “O mundo não será destruído por aqueles que praticam o mal mas por aqueles que os assistem sem nada fazer”.
    Einstein.

    Estão PRIVATIZANDO OS LUCROS E SOCIALIZANDO OS PREJUÍZOS.
    O que foi Globalizado > miséria e fraudes.
    Nota importante:
    O FED (Federal Reserve = BC Americano) tem de FEDERAL apenas o nome.
    A maioria dos “bem informados” americanos sequer sabem disto:
    O FED é uma instituição PRIVADA fundada em 1913.
    Uma panelinha de uma dúzia de bancos detém o todo poderoso FED!
    Uma instituição privada EMITE o dinheiro americano. Uma instituição privada DETÉM O MONOPÓLIO DA MOEDA DE RESERVAS INTERNACIONAIS.
    Se o governo americano precisa de dinheiro ele emite títulos da dívida e o FED IMPRIME A P…. DO DINHEIRO! Vejam o tamanho da MERDA.
    Então vai-se conclusão óbvia:
    Dinheiro = dívida
    Dívida = dinheiro
    Obama conseguiu em 10 anos fazer o que todos os outros levaram 200 anos para fazer.
    Em 200 anos os EUA atingiram $10 trilhões em dívidas e no “governo” de Obama a conta saltou praticamente a U$20 trilhões.
    Mas esperem um minuto, ainda não acabou.
    Além deste número deve-se considerar OS PASSIVOS a descoberto e aí a “porca torce o rabo”. Passivos a descoberto são as dívidas sem garantias e assim eles tem um montante INACREDITÁVEL > mais de U$ 100 trilhões em faturas a pagar, alguns estudiosos alegam que pode passar de 150 tri.
    É disparada a nação “soberana” que mais deve no mundo e matematicamente é insolvente. Nunca será pago de volta.
    E todo o sistema centralizado dos BC’s mundo afora estão executando desta forma.
    Vou quebrar o galho ,principalmente dos “irmãos gêmeos > petralhas e coxinhas” e não vou entrar no assunto acerca dos “DERIVATIVOS”.Isso é grande,muito grande.
    Estima-se a dívida global em U$217 trilhões. Pesquisem o PIB global e façam as contas. Todos INSOLVENTES.
    Então dado que:
    TODA A RIQUEZA REAL VEM DA TERRA. TODO O RESTO É DERIVADO.
    Entendo agora o que significa Petrobrás e todas as reservas brasileiras (e com clareza. Não precisa desenhar).
    E o nióbio, onde 11 em cada 10 que questiono sabe sequer o que é Nióbio.
    Entendo agora a pressa em permitir a compra de terras por estrangeiros.
    Entendo agora a criminosa lei de migração do pilantra Aloísio Nunes.
    Entendo agora o corte de gastos por 20 anos.
    Entendo agora cortes na defesa e estrangulamento das Forças Armadas.
    Entendo agora porque o Almirante e Físico Nuclear Othon Pinheiro de 77 anos foi condenado a 43 anos de prisão.
    Entendo agora porque atacam o BNDES, Banco do Brasil e CEF.
    E a lista vai longe…………………………………………………………………………………………
    E NÃO VOU ENTENDER, dado que nunca votei no PT, que algum abestado rotule isto de Lulismo ou algo do gênero. Meu desejo (usando o português claro) é que eles se danem, pois pavimentaram o caminho, quer seja deliberada ou ingenuamente, para este governo diabólico que aí está.
    Não se trata de rótulos aqui, trata-se de algo muito maior que tudo isso e tem nome: BRASIL.
    Fumaça e espelhos é isso o que temos. Nós vamos ficar segurando o saco.
    Se quero comprar ativos baratos tenho que arrumar um jeito em desvalorizá-los!
    Dado que tenho o as máquinas de impressão e as tecnologias,então deixa comigo.Vou jogar merda no ventilador!
    Tv é para nos entreter. Intoxicação ideológica para nos dividir.
    A arte da guerra: DIVIDIR PARA MELHOR CONQUISTAR.
    O PRÉ-SAL FOI A MAIOR DESCOBERTA DO SEGMENTO NO MUNDO NOS ÚLTIMOS 20 ANOS!
    A INDÚSTRIA DO PETRÓLEO DE XISTO em breve estará em lágrimas.Será um banho de sangue.
    Tomemos JUÍZO ,deixemos de preguiça mental e tenhamos a coragem de PROCURAR ONDE ESTÁ A CAUSA.

    Responder

Deixe uma resposta