O Cafezinho

sexta-feira

20

outubro 2017

19

COMENTÁRIOS

Confirmado: o corpo é de Santiago Maldonado. A dor se multiplica entre os latino-americanos. Leia a primeira carta divulgada pela família

Escrito por , Postado em Tulio Ribeiro

Infelizmente a família de Santiago Maldonado confirmou que o corpo é do ativista.

Uma tristeza para toda América Latina e uma vítima provável deste que arruína a Argentina com políticas que retiram do povo a possibilidade de viver dignamente.

“Pudemos olhar o corpo e reconhecemos as tatuagens de Santiago”, declarou seu irmão Sergio. Foram 78 dias de angústia desde que a Gendarmeria invadiu a comunidade mapuche na cidade de Esquel.

Agora Maurício Macri ,sua ministra da segurança Patricia Bullrich e seu grupo de ação “Gendarmería” podem ser acusados de levar literalmente a vida de um Jovem. Sergio Maldonado, ainda reafirmou que a hipótese da família é que a “Gendarmería” é a responsável.

A carta, publicada agora, pela família de Maldonado:

“O corpo encontrado no rio Chubut é de Santiago”.

A incerteza sobre o paradeiro terminou. O calvário de nossa família começou no mesmo dia que soubemos do seu desaparecimento e não terminará até obter justiça.

Muito pouco podemos dizer sobre nossos sentimentos ante a confirmação da identidade de santiago: esta dor não conhece palavras.

As circunstâncias da descoberta do corpo nos geraram muitas dúvidas. Acreditamos que este momento é de avançar com firmeza na investigação e deixar trabalhar sem pressões o juiz Gustavo Lleral. Precisamos saber o que aconteceu a Santiago e quem são os responsáveis por sua morte. Todos. Não só os que lhe retiraram a vida, mas também os que por ação ou omissão colaboraram pelo encobrimento e prejudicaram o processo de busca.

Estávamos certo ao reclamarmos da inércia, ineficácia e parcialidade do Juiz anterior na tramitação de nossa causa. Não tivemos explicação da negativa do governos diante do oferecimento da colaboração de especialistas da ONU, de comprovada experiência internacional. Ninguém pode tirar da nossa cabeça que podiam ter feito muito mais e mais cedo ainda.

Aos meios de comunicação,as organizações sociais, organizações de direitos humanos, grupos, as pessoas que tem nos acompanhado nas marchas por Santiago, pedimos que sigam reclamando por justiça, com mais força que nunca e em paz. As forças políticas que façam o maior esforço para apoiar e garantir todas as ações que nos ajude encontrar a verdade e conseguir a justiça.

A morte de Santiago não deve ser motivo para divisões ou lances de oportunistas. Ninguém tem direito sobre a dor desta família, para estes pedimos respeito.

(notícia em atualização)

sexta-feira

20

outubro 2017

19

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 COMENTÁRIOS

  1. Viviane
  2. Rodolfo Miguel Serra
  3. Pascualet
  4. HOCUS POCUS
  5. Marcelo Magalhães
  6. Andréa Rosana Fetzner
  7. João Junior
  8. wilson de souza rocha
  9. a.ali
  10. Zibinho Meireles
  11. Victor hugo
  12. enganado
  13. Viviane
  14. Helton
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com