Boulos na Carta Capital (ao vivo!)

FBI assume controle da Lava Jato no Brasil!

Por Miguel do Rosário

08 de fevereiro de 2018 : 11h16

Bem, a gente avisou. Todos aqueles seminários no Wilson Center, em Washington, deram nisso.

Bob Fernandes informa que, na última terça, FBI fez reunião com autoridades do governo federal e empresários, em São Paulo, a portas fechadas, sem acesso da imprensa, para discutir a… Lava Jato.

A minha teoria está cada vez mais confirmada: o Brasil está sob controle militar (via serviços de inteligência e departamentos de justiça/estado) dos Estados Unidos.

Grandes empresas brasileiras como Embraer, Petrobrás e Odebrecht tem funcionários do governo americano dentro de suas diretorias.

A imprensa noticiou esta semana que a Eletronuclear, a estatal federal que cuida da produção nacional de energia nuclear, está em crise financeira, sem dinheiro para adquirir matéria-prima (urânio).

Para isso Marcelo Bretas, o jagunço armado da Globo, prendeu e condenou o almirante Othon…

Aqui no Cafezinho, mostramos que a Eletrobrás, estatal que controla a Eletronuclear, pagou R$ 400 milhões para a Hogan Lovells, grande lobista norte-americana que tem, entre seus clientes, petroleiras e empresas do setor nuclear dos Estados Unidos.

Bob Fernandes observa que, antes de Lula, a Polícia Federal não tinha dinheiro. Delegados e funcionários da PF recebiam recursos do governo americano, que também fazia um filtro de quem podia trabalhar na instituição.

O controle americano sobre nossa Polícia Federal, na era tucana, era vergonhoso. Pós-golpe, ou melhor, pós-Lava Jato, o problema volta com muita força. A Lava Jato celebrou, ilegalmente, sem mediação da diplomacia brasileira, nem do Ministério da Justiça, inúmeros acordos com o governo americano.

E dá-lhe prêmio para Sergio Moro via instituições controladas ou sob a esfera de influência do Departamento de Estado!

E agora, pós-golpe, o governo formado com ajuda da Lava Jato é inteiramente submisso aos interesses norte-americanos, vide a decisão do presidente da Petrobras, Pedro Parente, de pagar R$ 10 bilhões a investidores estadunidenses, o que é um valor superior ao lucro anual da estatal.

Esses R$ 10 bilhões também vão para conta do que a Lava Jato nos roubou.

Lava Jato, Globo e governo Temer, unidos em torno do golpe, formam uma só entidade, cujo único objetivo é sugar o sangue do povo brasileiro e alimentar a elite mais egoísta e retrógrada do planeta.

Ao final, os crimes apurados pela Lava Jato são infinitamente menores do que os crimes praticados pela própria Lava Jato.

Os engenheiros, ao menos, construíam refinarias, hidrelétricas, termoelétricas, estradas, ferrovias, metrôs, pontes, linhas de transmissão, plataformas de petróleo, usinas e submarinos nucleares, gerando tecnologia, desenvolvimento e milhões de postos de trabalho.

Os mandarins da Lava Jato provocaram um rombo muito maior e a única coisa que fizeram foi acumular auxílios moradia…

Assista ao vídeo!

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Fabio A. Mazzarino

13 de fevereiro de 2018 às 15h29

Gostaria de convidar o autor, Miguel do Rosário, a apontar quais são os funcionários da diretoria da Embraer que trabalham para o governo norte americano.

Para ajudar envio o link com os dados que devem ser disponibilizadas por todas as S.A.s, com o corpo diretivo da empresa:
https://ri.embraer.com.br/show.aspx?idCanal=Wmucb8uR4UfOplaP3iV3nQ==

Aguardo sua resposta, ou a remoção da afirmação feita no quarto parágrafo

Responder

    Miguel do Rosário

    13 de fevereiro de 2018 às 16h16

    Com todo o prazer, confira esse link.

    No Estadão

    Embraer será vigiada por americano

    Alexandre Rene, do escritório Ropes&Gray, passará três anos monitorando a empresa
    2.9k

    Josette Goulart, Impresso

    27 Janeiro 2017 | 08h22

    O Departamento de Justiça dos Estados Unidos (DoJ) definiu na terça-feira, 24, que o advogado Alex Rene, do escritório americano Ropes&Gray, será o monitor externo da Embraer. Rene vai vigiar a fabricante de aviões pelos próximos três anos, fiscalizando as regras de compliance que serão implantadas na companhia. Sua função também é reportar qualquer novo indício de corrupção que encontre.

    A empresa brasileira fechou em meados do ano passado um acordo com as autoridades americana e brasileira para evitar ser processada por casos de pagamentos de propina para obter contratos de venda de aviões em países da América Central e Ásia, entre 2007 e 2011. O caso foi descoberto há seis anos e somente no ano passado teve um desfecho. A multa estipulada foi de US$ 206 milhões, cerca de R$ 680 milhões.

    Responder

      Fabio A. Mazzarino

      13 de fevereiro de 2018 às 17h01

      Companheiro. Alex Rene não faz parte da diretoria da Embraer. Gostaria q vc me apontasse aonde no organograma empresarial é possível econtrar o nome deste senhor.

      Além disso, pelo que vc está afirmando o advogado Alex Rene trabalha para o governo americano. Acredito que a própria Ropes & Gray se sentiria afrontada ao saber que vc está afirmando que um de seus funcionários, advogado, monitor externo e auditor, trabalha para o governo norte americano.

      Gostaria também de aproveitar a oportunidade e solicitar que aponte os funcionários do governo norte americano que fazem parte da diretoria da Petrobrás. Tenho outro link pra vc:
      http://www.petrobras.com.br/pt/quem-somos/organograma/

      Responder

Antonio

08 de fevereiro de 2018 às 23h11

Station Unation of Puerto Rico del Sour.

Responder

José Carlos Damaceno

08 de fevereiro de 2018 às 15h37

INFELIZMENTE O JORNALISTA TEM RASÃO POIS ESTAMOS MESMO NOS TORNANDO UM CURRAL DOS ESTADOS UNIDOS COMO NOS VELHOS TEMPOS ANTES DO LULA.

Responder

Guilherme

08 de fevereiro de 2018 às 11h48

Sem falar nos traficantes de drogas (e armas) que esculacham todos os dias as comunidades carentes, mas toda essa tecnologia de espionagem eletrônica certamente tem como prioridade…os movimentos sociais.

Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com