Boulos em Recife

Anticomunismo tosco: o vermelho do PT seria um "sinal de alerta", segundo a campanha de Bolsonaro

Bolsonaro se entrega no primeiro programa eleitoral do 2º turno

Por Pedro Breier

12 de outubro de 2018 : 23h59

A candidatura Fernando Haddad abriu seu primeiro programa eleitoral do 2º turno denunciando a onda de violência fascista dos últimos dias. Foi acertada a exibição do vídeo de Bolsonaro falando em “metralhar a petralhada”. Tornou evidente a conexão do discurso de ódio do candidato com o surto de ataques.

Depois da denúncia, o programa focou-se nas realizações de Haddad no Ministério da Educação e na prefeitura, bem como nas propostas. A aparição pontual de Lula indica que a campanha deve mesmo focar mais em Haddad, embora não deixando Lula de lado.

Haddad ainda mencionou as fake news do Whatsapp, além de fazer a defesa da democracia em mais de um momento.

Foi um bom programa o da candidatura do PT. É provável – e recomendável – que o PT explore, nos próximos dias, a fuga de Bolsonaro dos debates.

O programa de Jair Bolsonaro iniciou de forma grotesca: “denunciando” o Foro de São Paulo. As teorias malucas do Olavo de Carvalho atingiram um público inédito, hoje.

Logo no começo do programa, uma fala de Lula é reproduzida como se fosse algo extremamente grave. O ex-presidente diz que a esquerda de todos os países que participaram do Foro chegou ao poder. Só isso. Uma simples constatação de Lula é pintada como algo perverso. Bizarro.

Logo na sequência, o locutor manda um “Cuba é o país mais atrasado do mundo”, o que é uma evidente mentira descarada, vide, para ficar apenas em um exemplo, na medicina avançadíssima do país.

O programa explorou as prisões de petistas feitas pela Lava Jato e, logo após, mergulhou num anticomunismo alucinado, criticando até a cor vermelha. É positivamente ridículo dizer que o PT, um partido de centro esquerda moderado, tem alguma coisa a ver com comunismo. O triste – e trágico – é que muita gente acredita nessa baboseira.

Não faltou o momento família, uma tentativa de humanizar o candidato. Ele falou bastante sobre a relação com sua filha. O alvo é o voto feminino, grande dificuldade de Bolsonaro.

Sobraram referências ao combo Deus, família e pátria, típico de movimentos autoritários de direita.

No final, Bolsonaro simplesmente se entrega:

Precisamos sim de políticos honestos e patriotas. E, mais do que tudo, um governo que saia do cangote da classe produtora.

O candidato fala em “classe produtora” se referindo aos empresários.

Repararam no mais do que tudo?

O governo “sair do cangote dos empresários” significa a retirada de direitos trabalhistas para que a taxa de lucro dos empresários se mantenha ou cresça, mesmo durante a crise. Essa é a receita da direita para ajudar os (grandes) empresários: rebaixar as condições de vida dos trabalhadores.

Sobre o drama dos trabalhadores brasileiros, que sofrem com o desemprego e a queda na renda por causa da crise, Bolsonaro não deu uma palavra. Zero.

O PT propõe aumentar o poder de compra da população e fazer a roda da economia girar, o que ajuda os pequenos e médios empresários ao mesmo tempo em que melhora a vida dos trabalhadores.

Não é evidente qual é a melhor proposta para o país?

 

 

Pedro Breier

Pedro Breier, colunista d'O Cafezinho, é formado em direito mas gosta mesmo é de jornalismo. Nasceu no Rio Grande do Sul e hoje vive em São Paulo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

56 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Carlos Augusto Rodrigues da Silva

18 de outubro de 2018 às 10h41

Matéria vagabunda, desespero total dessa midia podre, perderam o resto de vergonha na cara………..vão trabalhar, vão procurar matérias pois essa fatura já era……………# BOLSONARO 2018

Responder

Deusdedit Leal da Silva

15 de outubro de 2018 às 15h18

Vergonhoso o seu artigo Pedro?
Você esta defendendo o indefensável? Larga do pé do Bolsoonaro, vendo as pesquisas você sabe que a esquerda que você defende tanto já era. O cafezinho é sim puxadinho da folha de são paulo, carta capital, afilhado da Monica Bérgamo , da Miriam Leitão e da Cristina Lobo. Sinto muito se a saúde de Cuba é como vocês falam la já teria descoberto a cura para todas as doenças incuráveis no mundo..

Responder

    Emerson Almeida

    16 de outubro de 2018 às 17h37

    Não, a esquerda não vai acabar. Bolsonaro está fazendo uso de votos lulistas mas só por um mandato. Vai ver daqui a pouco tempo…

    Responder

Jessé Oliveira Guimarães

14 de outubro de 2018 às 18h02

Miguel, comentário de duas linhas passa. Se faço um comentário maior, quase sempre é barrado. E eu não digo impropriedades.

Responder

Fernando

13 de outubro de 2018 às 21h07

Tem algum na poupança? Então tire tudo e bote embaixo do colchão. Vem chumbo grosso por aí.

Responder

vinicius

13 de outubro de 2018 às 13h26

que praga mais odienta que são os seguidores do facínora. acusam todos que discordam de comunistas. Não reconhecem as declarações e as atitudes perpetradas por seus seguidores, assassinatos e espancamentos, perseguições e humilhações morais. Caças às bruxas. Desenhos de suásticas em locais públicos. Nunca nem sequer chegaram a ler o programa de governo feito no Word da campanha do deputado. Que tempos são esses! Os adolescentes, eu passo um pano, estão na onda do oba-oba, e é até lamentavelmente compreensível. Mas marmanjos e marmanjas! Uau! Que encalacrada que vivemos. Escuta, imbecil assalariado que segue o facínora, tua vida vai piorar, vai sentir no BOLSO.

Responder

vinicius

13 de outubro de 2018 às 13h18

eita, a trupe do facínora está rondando o Cafezinho como nunca. Está incomodando os burrinhos manipulados que seguem o deputado vagabundo com trinta anos de carreira e nada feito. A coisa está feia!

Responder

Francisco Junior

13 de outubro de 2018 às 12h21

O que me impressiona é essa visão distorcida de mundo que os defensores do PT tem…
Toda essa histeria coletiva só deixa claro o intuito de perpetuação no poder.
Não deu certo com a esquerda, agora aceitem o fato de que boa parte da população brasileira quer apostar em outro caminho. #17

Responder

    mariocinelli

    13 de outubro de 2018 às 14h33

    Vai nessa aí, mané! Violência, autoritarismo, mentiras, entreguismo, miséria, mais desemprego, tortura, violação de direitos humanos…. depois não reclame, será muito tarde. HADDAD 131! Fora fascistas de merda

    Responder

Hudson

13 de outubro de 2018 às 12h05

Alguém já viu algum eleitor do Bozo saber de alguma das propostas dele? E das “impressionantes” realizações em sua “brilhante” carreira de 30 anos no legislativo?

O que tem de formiga votando em tamanduá…

Responder

ari

13 de outubro de 2018 às 11h42

Uma das virtudes da Besta – se é que posso falar em virtude – é dizer tudo o que vai fazer. Matança, tortura, perseguição a minorias, etc. Seu vice falou em golpe há poucos dias. E mais: “vou acabar com o ativismo”, lembra? Alguém já viu um político em campanha rejeitar apoio de líderes de pesquisas em importantes estados ?. Ditadores não precisam de políticos. Comumente os desprezam. Não me surpreenderia se alguma coisa muito grave estiver sendo planejada para daqui a pouco tempo. Vejo que muito comentaristas olham para a Besta como apenas mais um governo de direita. Não é. Olhem para o que acontece nas Filipinas

Responder

Leandro Oliveira

13 de outubro de 2018 às 11h05

Pedro, são os empresários que geram empregos. O governo pode tentar criar um anti ciclo criando incentivos, etc, mas a conta sempre vai chegar.

Responder

    Pedro Breier

    13 de outubro de 2018 às 15h45

    Sim, Leandro, mas o governo tem papel central na criação de empregos também, fazendo políticas anticíclicas nos períodos de crise, por exemplo. O problema do Bolsonaro – e da direita em geral – é que o projeto deles pra resolver a vida dos empresários é deixar o desemprego alto e, consequentemente, os salários menores. Ou seja, alguns poucos se safam da crise e a esmagadora maioria da população come o pão que o diabo amassou. Um projeto de centro esquerda como o do PT trata a questão de maneira bem diferente: aumentar o poder de compra da população (com a valorização do salário mínimo, por exemplo), gerar empregos (realizando obras de infraestrutura, por exemplo) e, assim, ativar a economia. Se a população está empregada e com uma renda digna, aumentam as vendas, o que é bom para os empresários também. Percebe a diferença? A direita resolve o problema dos (grandes) empresários às custas da dignidade do resto da população, enquanto a esquerda tenta resolver o problema de todo mundo.

    Responder

      isma ju

      13 de outubro de 2018 às 20h03

      AUMENTO DO SALARIO MINIMO ?? QUANTO UNS 30 REAIS ??
      EMPREGO P POPULAÇÃO ?? DE PEDREIRO OU ENCANADOR ??
      DINMHEIRO CIRCULANDO ??
      VAI TIRAR O IPI DOS CARROS GELADEIRAS E FOGÃO DE NOVO ??

      KKK

      BABOSEIRAS.. O PT É UM ENGODO !!.. NADA MAIS
      LULA É UM ESTELIONATARIO COMO TAL .. ILUDIO BANDO DE POBRES COM MIGALHAS..
      CHORAM OS EMPREGOS DE PEDREIRO..
      O FIES É UMA FRAUDE COM OS COFRES PUBLICOS !!.. FRAUUDE PRO WALFRIDO DO MARES GUIA LUCRAR .. O DONO DA KROTON..
      FRAUDE
      ATE O BOLSA FAMILIA É FRAUDE..
      O FORO D SAO PAULO FOI ALICERÇADO NO BNDS..
      O BOOLSONARO IRA ACABAR COM TUDO Q O PT FEZ,, TOMARA DEUS..
      E LOGO DILMA E OS FILHOS DO LULA NA CADEIA.. AI O BRASIL VOLTA A TER PAZ.
      ATE LA .. EFEITOS COLATERAIS EXISTEM.

      Responder

      Lucas

      14 de outubro de 2018 às 19h09

      A esquerda DIZ que tenta resolver os problemas de todo mundo, mas no longo prazo isso não funciona.
      Vejamos, vc falou em valorização do salário mínimo, mas quem paga o salário mínimo? É o patrão. Se ele for obrigado a aumentar os salários sem um retorno proporcional nos seus negócios o que acaba acontecendo são demissões, simples assim. Logo, uma boa notícia pode se transformar numa má notícia.
      Vc falou em o governo investir em obras de infraestrutura para poder assim contratar empresas que empregarão pessoas que, empregadas e recebendo salário consumirão e etc. É a famosa roda da economia girando. Só que há 2 problemas aí: o governo atualmente está sem dinheiro, em déficit, logo, como investir? O segundo, até quando isso poderia durar? Obras ficam prontas, e depois disso o que fazer? Não há sustentabilidade suficiente para vivermos unicamente com o proveniente do mercado interno.
      Conclusão óbvia: não há como escapar da lei da oferta e da demanda. É um erro achar que resovendo-se a vida dos empresários, os pobres trabalhadores ficarão a mingua. Tudo começa no empregador/empresário/empreendedor. Excesso de proteção trabalhista é uma das coisas que mais estimula demissões e automação. Precisamos é de uma onda de liberalismo econômico e desburocratisação no Brasil.

      Responder

Lucas

13 de outubro de 2018 às 10h31

Eu votarei em Bolsonaro e não quero q O Cafezinho saia do ar. É importante haver espaço para o contraditório. É importante haver espaço de manifestação para todos.

Responder

    Paulo

    13 de outubro de 2018 às 11h10

    Sim, embora radicais à esquerda e à direita não o desejem.

    Responder

      Lucas

      13 de outubro de 2018 às 14h30

      Radicais de qualquer estirpe são indesejáveis.

      Responder

    Jessé Oliveira Guimarães

    14 de outubro de 2018 às 17h10

    Vai ser difícil, amigo, Permita-me falar assim. Bolsonaro e a antítese da liberdade de imprensa.

    Responder

Joel PinGuim

13 de outubro de 2018 às 08h06

Achei que o Cafezinho também fosse tirar férias

Responder

Roque

13 de outubro de 2018 às 07h52

Pedrinho, sua vovó preparou o todynho… Pode tomar e voltar para a cama, e não esqueça de trocar a fralda.

Responder

    Cléber Silva

    13 de outubro de 2018 às 12h25

    Kkk, pior que é isso mesmo.Esse não engana, filhinho de políticos, vive numa bolha de purpurina.

    Responder

Carlos Roberto Honorio da Silva

13 de outubro de 2018 às 06h51

Nem sempre as urnas são a voz de Deus. Nesse caso as urnas representam claramente a voz do DEMÔNIO. E o pior. EM NOME DE CRISTO, como as CRUZADAS.

Responder

    Paulo

    13 de outubro de 2018 às 11h09

    O inferno são os outros, né Carlos?

    Responder

jureba

13 de outubro de 2018 às 01h56

pena mais um site comprado pelo PT…

Responder

    Carlos Roberto Honorio da Silva

    13 de outubro de 2018 às 07h01

    Não é o primeiro e não será o ultimo. Eu te posso indicar mais uns 20. Ainda bem que existem espaços lúcidos onde se é possível adquirir cultura política como aqui.

    Responder

Robôs

13 de outubro de 2018 às 01h41

Basta ver a hora das respostas dos pró-Bolsonaro para contatar que o Cafezinho está “sob observação”, isto é, incomodando muita gente: os que perceberam que o Miguel pode virar muito voto cirista para o Haddad. Pelo andar da carruagem, o Miguel vai ter que trabalhar 24 hs e todos os dias até o segundo turno! Haja cafeína rsrsrs

Responder

G

13 de outubro de 2018 às 01h29

Caraca, achei que já tinha lido muita baboseira, mas esse texto conseguiu superar tudo. Não tem cabimento a ignorância do escritor, PT centro esquerda? Defendendo tudo que defende, todas as ditaduras de extrema esquerda e você vem dizer que é centro esquerda? Falar de Deus, família e pátria é ser autoritário??? Autoritarismo é querer regular imprensa, controlar o STF, tomar o poder (que é diferente de ganhar uma eleição né?), isso é autoritarismo, defender valores perdidos pela sociedade é o mínimo que um presidente deve fazer. Aí vem o final arrasador, falar que tirar o governo do cangote da classe trabalhadora é tirar direitos trabalhistas. Você sequer leu o programa do Bolsonaro, ele quer tirar esse Estado que nos sufoca com impostos, impedindo os pobres de comprar, de usufruir da pouca renda que recebemos e você vem dizer que ele quer beneficiar os empresários com isso? Se você quer um Estado no nosso cangote, vamos continuar com esses abusos que o Estado realiza, roubando o pouco que lutamos pra conseguir.

Responder

    Jessé Oliveira Guimarães

    14 de outubro de 2018 às 17h55

    Utoritário é defender a tortura, é dedicar voto ao Coronel Brilhante Usltra que colocava ratos vivos na vagina de mulheres sob tortura, é dizer que fecharia o Congresso, é dizer que a deitadura deveria ter matado 30.000 pessoas. Falar em Deus e Família é uma estratégia atual. O que sempre falou durante sua vida congressual é o que conta.

    Responder

Bolsonaro

13 de outubro de 2018 às 01h24

17 Bolsonaro presidente . vão visitar o lula e vote no Guilherme bolos…..

Responder

    FRANCISCO MARQUES

    13 de outubro de 2018 às 01h46

    O Jornalista só falou o que a grande mídia não fala se fosse por isso a grande mídia também tem lado, aqui ele apenas mostrou o lado que não é visto nem comentado é assim que se faz democracia escultando os dois lados e o PT é um partido como outro qualquer para julga-lo teria que julgar todos os outros e bousonaro foi quem disseminou o ódio ao qual ele mesmo provou do seu próprio veneno…

    Responder

    Adilson Adolpho

    13 de outubro de 2018 às 09h07

    Quando não se tem argumentos fala besteira. Normal isto nos eleitores do bozoasno. Verdadeiros anticristo como seu líder o luciferbozo.

    Responder

ivison junior

13 de outubro de 2018 às 01h18

como vim parar nesse site porcaria? mds. #B17

Responder

    Carlos Roberto Honorio da Silva

    13 de outubro de 2018 às 06h54

    É que você provavelmente estava pisoteando em merda e tentando sair dela, e viu esse lugar limpinho e veio para cá. Mas se não gostou, pode voltar lá para onde você estava.

    Responder

    Jessé Oliveira Guimarães

    14 de outubro de 2018 às 17h24

    Vai ver você pensou que eram memes e fakes do Whatsapp.

    Responder

Lucas

13 de outubro de 2018 às 01h18

Essa página já deveria ter saído do ar. Totalmente PTista e alienado o autor do texto. Rídiculo!

Responder

    Carlos Roberto Honorio da Silva

    13 de outubro de 2018 às 06h52

    Não sai do ar não. Nós mantemos ela.

    Responder

    Jessé Oliveira Guimarães

    14 de outubro de 2018 às 17h46

    Como crítica ao artigo, seu comentário foi muito singelo Eu acho que você pode ser esforçar mais, e elaborar algo mais substancioso.

    Responder

Paulo

13 de outubro de 2018 às 01h16

“É positivamente ridículo dizer que o PT, um partido de centro esquerda moderado, tem alguma coisa a ver com comunismo”. Meu Deus! Se o PT não tem a ver com o comunismo, que por sinal prega em seus Estatutos, expressamente, quem teria? Os nanicos PC do B e PSOL, que não têm nenhuma representatividade?

Responder

    Carlos Roberto Honorio da Silva

    13 de outubro de 2018 às 06h42

    O PT é um partido SOCIALISTA DEMOCRÁTICO como em Portugal, como na França, como na Suiça, como na Dinamarca, como na Finlândia, como na Suécia. Tem foco no HOMEM, no Ser Humano e não no Capital. Isso é diferente do SOCIALISMO pregado na União soviética, em Cuba ou na China e muito menos na Venezuela. Se Lula quisesse tomar o poder como na Venezuela o teria feito ou tentado em 2010, mas Lula repudiou essas tentativas. É um democrata.

    Responder

      Rosa

      13 de outubro de 2018 às 10h40

      Carlos, gosto que você tenha paciência para explicar para esses brasileiros que pouco conhecem de política e ideologia. Continue assim, precisamos de mais gente como você. Uns milhões como você. Por que há milhões na escuridão do não-saber.
      Nós temos um ideal que defendemos, mas esses que votam no Fascismo, não tem ideal. Só ódio mesmo. Mas, muitos estão querendo aprender sobre a esquerda. Percebo isso. Eles não entendem o fenômeno PT. Estão completamente perdidos. Eles seguem o ódio, porque é a linguagem fácil de entender. Mas, nem todos gostariam de seguir o ódio. Gostaria de entender e seguir um ideal, bonito, humanista como o nosso. Acontece que fizeram a cabeça deles, e quando não lemos, diz a frase, que somos obrigados a acreditar no que o outro fala.

      Responder

        Paulo

        13 de outubro de 2018 às 11h06

        Rosa, fale por você! Meu voto é nulo. Quem defende aborto e censura à imprensa (esta em Cuba e na Venezuela, por exemplo) não é humanista!

        Responder

      Paulo

      13 de outubro de 2018 às 11h03

      “Não se pode perder de vista o dado mais importante para entender o que se passa no país nos últimos anos: o PT é um partido comunista. O comunismo está na genética do partido, assim como está na alma de seus fundadores e dirigentes. Apesar dos malabarismos verbais públicos, das declarações orais e escritas que sempre tentaram dissimular e ocultar as reais intenções do partido, bem como os contorcionismos ditados pela conveniência política da correlação de forças de determinados momentos, o PT nunca deixou de ser um partido comunista.

      Seus fundadores e dirigentes principais sempre foram defensores apaixonados do regime cubano, assim como defendiam com ardor o regime soviético enquanto esse existia. E quando um petista não é stalinista ou castrista convicto, trata-se de um trotskista ferrenho. E hoje todas essas variantes convergem para o bolivarianismo. A quase totalidade dos petistas nunca esconderam seu antiamericanismo e o ódio visceral que nutrem por Israel. Esses mesmos petistas também não escondem a devoção cega à ditadura socialista chavista venezuelana que está literalmete matando seu povo de fome. O PT é um partido comunista, ponto. E é com esse dado da realidade que devemos fazer a luta política.

      O comunismo que o PT sempre defendeu e defende e que sempre esteve no partido desde sua origem, se expressa naquilo que o partido é hoje: a versão brasileira do chavismo venezuelano ou do bolivarianismo, que por sua vez nada mais é que o nome dado à nova estratégia de guerra política empreendida pelo movimento comunista no continente latino-americano, sob a coordenação do Foro de São Paulo, que o próprio PT ajudou a fundar.

      O chavismo venezuelano destruiu o país vizinho: trouxe miséria e pobreza, corrupção generalizada do estado, índices estratosféricos de violência e criminalidade e de inflação. O chavismo venezuelano trouxe uma ditadura aliada ao narcotráfico e ao terrorismo islâmico, trouxe o fim das liberdades civis e democráticas, trouxe a censura e o fim da liberdade de imprensa e o fim da liberdade de expressão dos cidadãos nas redes sociais. O chavismo trouxe prisões sem ordem judicial, trouxe a polícia bolivariana a serviço do regime de ditadura, que atira para matar em manifestantes e opositores. O chavismo trouxe perseguição a gays!

      O chavismo trouxe tudo isso, porque o socialismo e o comunismo são exatamente isso. E é exatamente isso que o PT defende e apoia com entusiasmo: a ditadura socialista comunista venezuelana, pois ela expressa a natureza do regime político e social com que todo comunista, e por extensão todo petista, sempre defendeu. O comunismo na sua versão bolivariana trouxe para o povo venezuelano hoje exatamente aquilo que o PT já está trazendo e irá trazer para o Brasil amanhã, caso esse partido corrupto comunista e bolivariano permaneça no poder em nosso país. É preciso tirar os petistas do poder hoje para que amanhã o nosso país não se torne outra ditadura venezuelana em escala continental.”

      Fonte: Crítica Nacional

      Quanto à alegação de que Lula “teria tomado o Poder, em 2010, se quisesse”, não seja ingênuo, Carlos! Lula não dispunha dos meios militares pra isso, diferentemente do que ocorre na Venezuela, em que uma elite esquerdista cooptou, através da corrupção, as FFAA.

      Responder

        Jessé Oliveira Guimarães

        14 de outubro de 2018 às 17h40

        Eu não sou petista, mas acho que sei o que ela falou. Lula estava estava no auge da preferência popular, e poderia ter tentado um terceiro mandato, como outros presidentes da América Latina fizeram, só que não quis. Entendo que este foi o sentido de” tomar o poder”.

        Responder

          Paulo

          15 de outubro de 2018 às 22h42

          Talvez ele tenha falado nesse sentido, mesmo, Jessé. Mas, de qualquer forma, acho que Lula não dispunha dos “meios” para tanto. 3º mandato é ditadura, é continuísmo, ainda que se possa dourar a pílula…

          Responder

Leandro

13 de outubro de 2018 às 01h12

olha o desespero !! matéria totalmente petista ,que vergonha , dia 28 ta chegando , só vai dar bolsonaro . Matérias assim que traz mais gente pro lado da verdade !

Responder

Ana

13 de outubro de 2018 às 01h07

Viva Bolsonaro. A melhor opção para o Brasil. Dicas com quem andas que te direi quem és. Partidário de criminoso não dá.

Responder

    Carlos Roberto Honorio da Silva

    13 de outubro de 2018 às 06h48

    Bolsonaro, tem vários problemas. Não está preparado. Não tem instrução. Não é como o Lula que teve tempo por várias eleições de estudar a fundo os problemas Brasileiros. A Unica coisa que sabe fazer é discurso de ódio que agrada uma parte dos revoltadinhos. Sua administração será um desastre completo, e talvez isso seja necessário para o povo amadurecer e sentir saudades do tempo do PT se o país sobreviver ao NAZIFASCISMO.

    Responder

    João Ostral

    13 de outubro de 2018 às 10h55

    Poderias explicar o patrimônio de 15 mi da família Bolsonaro, o honesto deputado federal por 26 anos?
    https://arte.folha.uol.com.br/poder/2018/01/12/o-patrimonio-dos-bolsonaro/

    Responder

Douglas

13 de outubro de 2018 às 01h04

O cara que escreveu isso é ptista e comunista. Não deve ser levado a sério. Parei de ler logo no início. Péssimo. Deveria ser censurado, como o pt propõe.

Responder

    Carlos Roberto Honorio da Silva

    13 de outubro de 2018 às 06h49

    Ao que eu saiba ainda vivemos em um país que tem liberdade de imprensa. AINDA.

    Responder

      Lucas

      13 de outubro de 2018 às 10h29

      E assim continuará sendo.

      Responder

    Oblivion

    13 de outubro de 2018 às 09h17

    Parece que esse é teu problema, caro Douglas, parar de ler logo no início. Por que somente quem é muito ignorante no assunto acha que pt tem alguma coisa de comunismo. O que de semelhança tem entre os governos Lula e Dilma com China e antiga urss? Talvez o que tu chamas de comunismo (distribuição de renda, resistência a retroceder nas leis trabalhistas, etc) foi resultado de uma política bem estar social acanhada. Te recomendo ler o que foi o bem estar social no pós guerra na Europa ocidental e como é hoje nos países nórdicos, ex. Noruega.

    Responder

Dudu Oliveira

13 de outubro de 2018 às 01h00

Que matéria absurda, vocês tomaram um lado ao escreverem isso, e o lado é o do petismo. Vocês vão ter a resposta que merecem logo logo, nas urnas.

Responder

    Ultra Mario

    13 de outubro de 2018 às 01h10

    Como assim “vocês vão ter a resposta”?

    As políticas do Bolsonaro por acaso só serão aplicadas para os petistas?

    Você não precisa trabalhar pra se sustentar? Vida boa hein querido.

    Responder

    Carlos Roberto Honorio da Silva

    13 de outubro de 2018 às 06h58

    Prezado. Esse site, o cafézinho sempre teve ideologia e opinião política. Inclusive contrariando o PT porque apoiou o CIRO, mas como se viu o CIRO ficou em 3º lugar e já manifestou sua opinião #ELENÃO que agora beneficia HADDAD. Portanto é obvia a linha ideológica do espaço. Por sinal eu voto HADDAD Presidente 13.

    Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com