Live do Cafezinho: como trazer a classe média de volta para campo progressista?

Paes, Martha e Freixo lideram pesquisa no Rio

Por Redação

16 de outubro de 2019 : 15h15

O Paraná Pesquisas divulgou há pouco sondagem eleitoral, feita com 1.002 eleitores, entre os dias 11 e 15 de outubro, sobre as intenções de voto para as eleições municipais no Rio de Janeiro, capital, em 2020.

O ex-prefeito Eduardo Paes lidera a corrida, com 27% das intenções de voto, seguido da deputada estadual Martha Rocha, com 17%, e Freixo, com 14%.

O atual prefeito Marcelo Crivella vem em quarto lugar, com 13%.

O instituto também pesquisou a aprovação do prefeito, e descobriu que 72% dos cariocas desaprovam a sua administração; mesmo entre evangélicos, 56% o desaprovam; entre católicos, a desaprovação a Crivella chega a 79%; entre pessoas sem religião, 86% o desaprovam.

Na tabela de “potencial eleitoral”, o melhor desempenho é de Eduardo Paes: 16,5% dos entrevistados afirmaram votar nele “com certeza”, e mais 33,6% disseram que “poderiam votar nele”; no total, o potencial de voto ficou em 50,1%; a rejeição de Paes é de 48,8%.

Martha Rocha igualmente tem um bom potencial, com 8,4% de votos “com certeza” e 37,3% de votos possíveis, totalizando um potencial de 45,7%; a pedetista tem rejeição relativamente baixa, de 40,5%.

Freixo tem 8,4% de votos “com certeza” e mais 27% de votos possíveis, totalizando 35,4% de votos em potencial; a rejeição ao psolista, porém, é relativamente alta, de 60,1%.

Vale destacar ainda a fortíssima rejeição ao prefeito Marcelo Crivella, de 70%, a qual, se permanecer assim, inviabiliza a sua reeleição.

A aprovação do governo de Jair Bolsonaro entre cariocas é de 50%, contra 45% de desaprovação.

O governo Witzel é aprovado por 48% e desaprovado por 47%.

Abaixo os gráficos da pesquisa.

 

 

     

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

10 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Braulio Santos Melo

17 de outubro de 2019 às 15h56

Crivella foi o pior prefeito que já existiu no Rio, 3 anos de governo e ainda reclama do anterior.
Foi provado agora que o governo foi entregue pelo Paes com as contas em dia…
Freixo eh o candidato do CV afinal o PSOL pertence a ele…
Martha Rocha tem como decréscimo o PDT, partido que sempre apoiou o PT(menos nas ultimas eleições, porem no congresso eh agregado ao PT) ..
Qualquer coisa q venha do antro da corrupção (PT) o carioca renega..

Creio q o Paes leva essa com a mão nas costas, não q seja ótimo, mas a comparação do governo dele com o Crivella faz com q o Carioca se agarre ao Paes.

Fora desses somente se o PSL LANCAR UM CANDIDATO ai sim deve levar … O apoio do Presidente contará muito nessa eleicao

Responder

Oscar

17 de outubro de 2019 às 13h31

Nossa, que forçação de barra. É a primeira vez que vejo três pessoas com números diferentes liderarem uma pesquisa. O sujeito cita três (?) líderes n só para incluir o queridinho Marcelo Freixo. Se Freixo, o preferido dos esquerdistas caviar da zona sul estivesse na décima posição, o título seria ” Freixo e mais nove lideram as pesquisas ” . Líder, gostemos ou não dele, é Eduardo Paes . E só !

Responder

Marcos

17 de outubro de 2019 às 08h42

Engraçado é que apesar de ter sido lançado o nome de Brizola Neto pelo PC do B ele não consta na pesquisa, porque será?

Responder

Jardel

17 de outubro de 2019 às 00h16

Se tem alguém que fez alguma coisa pelo Rio de Janeiro essa pessoa é o Freixo, que colocou dezenas de milicianos na cadeia e corre risco de vida por isso.
É um cara que tem muita coragem. Muito diferente de Crivela e Paes que NADA fizeram até agora.

Responder

Jaqueline

16 de outubro de 2019 às 22h57

Povo brasileiro desgraçado Eduardo paes roubou horrores e deixou a cidade com obras largada Freixo defensor de assassinos pedófilos sequestradores e curruptos PSOL partido de ganguester .. que esses eleitores morram de câncer em menos de uma semana pra não votar e por a nação com a bandidagem pois o governo do tem gente podre e maioria ex BBB ex jogador de futebol ex ator pornô ex comediante e tudo que é lixo por simpatia do povo otario

Responder

    José Carlos

    17 de outubro de 2019 às 12h14

    Concordo plenamente. Pobres cariocas. Terem de escolher entre corruptos, inúteis ou figuras bizarras…
    Preocupante o futuro da Maravilhosa..

    Responder

Paulo

16 de outubro de 2019 às 21h00

Como está embolado ainda pode mudar muita coisa mas se o resultado você esse hoje Paes seria eleito e o Bolsonaro sofreria uma derrota no Rio.
É muito difícil Freixo vencer mas seu eleitorado já serve para frear a extrema-direita.
Agora o “menos pior” é torcer pela velha direita conservadora e corrupta para frear o fascismo.
A esquerda deveria lançar um manifesto pelo voto útil na centro-direita contra qualquer candidato apoiado pelo governo , nos lugares onde a vitória não for possível , evidentemente.

Responder

NeoTupi

16 de outubro de 2019 às 20h48

As entrelinhas da pesquisa:
Estranhei a Deputada estadual Martha Rocha despontar com 17%, se ela ainda é pouco conhecida e não foi uma das mais votadas em 2018 (teve 48 mil votos, ficando em vigésimo lugar), enquanto Rodrigo Amorim que foi o mais votado em 2018 com 140 mil votos aparece com 1,8%.

Aí olhamos a espontânea e Martha tem apensa 0,6% (número coerente para quem ainda é desconhecida e 76% dos eleitores não tem candidato ainda, e Paes tem só 5% também).

Conclusão: ela é a única na pesquisa com o título de “Delegada”. É grande o risco do eleitor estar confundindo ela com a bancada da bala, e essa intenção de voto vir dos apoiadores de Bozo e Witzel.
O PDT pode capitalizar com essa oportunidade, mas a não ser que ela dê uma guinada à direita, o mais provável é que a maioria desses votos vão para o candidato de extrema-direita alinhado com o discurso bolsonarista e de Witzel sobre segurança e ordem (o próprio governador entrou na campanha de 2018 como zebra irrelevante e acabou vitorioso ao assumir-se como candidato da extrema-direita).

Na minha leitura a pesquisa indica que provavelmente Crivella fica fora do 2o. turno, Paes estará no segundo turno contra Freixo ou o candidato da extrema-direita. Mas ainda estamos há um ano da eleição, e até lá Bozo e Witzel na metade do mandato e se a economia continuar parada, devem estar mais desgastados e mais impopulares. É possível que haja um refluxo do voto na extrema-direita. Isso pode beneficiar Martha como 3a. via ou facilitar para Freixo ampliar sua votação para além da esquerda.

Responder

Marcos Videira

16 de outubro de 2019 às 19h57

Acho que ainda é muito cedo para pesquisa. Mas…
Entendo que numa eleição o resultado depende da soma de dois vetores: votos a favor e votos contra.
Por exemplo: os votos contra o PT, apontados nas pesquisas, elegeram Bolsonaro. Sei que o PT não pode aceitar isso, mas o fato é que a rejeição ao PT (inclusive a Lula) sempre foi enooooorme.
Nessa pesquisa, combinando os dois vetores, entendo que a candidata Delegada Marta Rocha é que possui o melhor resultado: (1) maior percentual de possíveis eleitores (37,3%); (2) menor percentual de rejeição (40,5%).

Responder

Deixe uma resposta