Live do Cafezinho: bate papo com o cineasta cearense Wolney Oliveira

Na crise, TJSP vai premiar desembargadores em até R$100 mil para participarem de julgamentos

Por Gabriel Barbosa

11 de agosto de 2020 : 15h22

Enquanto o estado brasileiro está em situação falimentar, o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) decidiu que vai dar prêmios de até R$100 mil para desembargadores baterem o martelo em processos durante a pandemia.

Atualmente, o salário de juízes e desembargadores no estado de São Paulo é de R$35.462,22 que somando com os benefícios pode chegar R$56 mil.

De acordo com o Tribunal, o objetivo da decisão é desafogar o acervo de 120 mil processos que estão pendentes de julgamento no território paulista e que por isso vai premiar cada desembargador para fazer aquilo que é de seu métier.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Paulo

11 de agosto de 2020 às 22h07

Passou da hora de uma “Lava-Toga” pras Justiças estaduais. Podem começar dos concursos de ingresso, chegando aos vencimentos despropositados. E, em relação à magistratura como um todo, passou da hora de acabar com os 60 dias de férias. Uma vergonha que só se mantém pelo corporativismo descarado…

Responder

Jorge Juca

11 de agosto de 2020 às 19h15

Puta cara, que notícia podre. Não é por nada não, mas o judiciário brasileiro é o pior do mundo, disparado. Como nossos juízes são podres.

Responder

Guedes

11 de agosto de 2020 às 17h11

O Brasil realmente não é para amador.

Responder

chichano goncalvez

11 de agosto de 2020 às 15h28

Por essas e outras tantas, que continuo coma minha campanha: ” Eleições já para juizes , em todas as entrancias, inclusive para supremos e etc. ” Acho que nunca teremos, mas não custa sonhar.

Responder

Deixe uma resposta