Live do Cafezinho: balanço dos partidos de esquerda

Em sabatina na Veja, Martha Rocha dá chinelada em Bolsonaro e acena para Benedita

Por Redação

30 de outubro de 2020 : 15h35

Nesta sexta-feira, 30, a candidata a prefeita do Rio de Janeiro pelo PDT, Martha Rocha, foi sabatinada na Veja pelos colunistas Dora Kramer, Ricardo Rangel e o repórter Ricardo Ferraz.

Horas antes da sabatina, a pedetista foi mencionada pelo presidente Jair Bolsonaro no programa eleitoral de Marcelo Crivella (Republicanos) que tenta a reeleição no Rio.

“Um lá, que é de um partido X, o tal do Ciro Gomes falou que, se ela ganhar, vai ser o chefe da Casa Civil dela. Terrível, né”

Ao ser questionada sobre a menção do presidente, Martha respondeu:

“Queria só dizer para ele que meu nome é Martha. Martha Rocha. E que o meu sobrenome não é Queiroz. Eu não sou ‘essa aí’. A gente tem um nome, uma trajetória da qual a gente se orgulha muito”

Na sequência, Martha desabafou sobre a enxurrada de fake news contra sua candidatura, que segundo ela, contém traços de misoginia.

“Tenho muita dificuldade de lidar com as pessoas fazendo questão de fazer fake news, fazendo questão de ter conduta misógina, fazendo questão de desqualificar. Eu não tenho muita facilidade de fazer de conta que isso não aconteceu”.

Em outro momento da entrevista, a pedetista acenou para a candidata Benedita da Silva (PT) que também disputa a Prefeitura do Rio contra Eduardo Paes (DEM), líder nas pesquisas.

“Queria deixar o meu abraço à Benedita da Silva e registrar a minha alegria ao ver seis mulheres concorrendo ao cargo de prefeita. Isso demonstra essa trajetória que nós, mulheres, fizemos, entendendo que lugar de mulher também é na política”

Após a fala, a colunista Dora Kramer perguntou se o gesto foi inspirado na reaproximação entre o vice-presidente Nacional do PDT, Ciro Gomes, e o ex-presidente Lula (PT), e se isso poderia indicar uma aliança entre os dois partidos na capital fluminense.

“A referência à Benedita da Silva é referência pela sua trajetória. Nós somos adversárias políticas, desejamos o mesmo lugar [cargo de prefeita], mas não somos inimigas. Aliás, as mulheres dão um belo exemplo da sua conduta política porque as questões importantes são tratadas sempre de forma suprapartidária”

Assista a sabatina completa!

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alexandre Neres

30 de outubro de 2020 às 17h52

Mandou bem a Martha Rocha

Responder

Deixe uma resposta