Live do Cafezinho (19h): que segurança pública que queremos?

Dino defende carteirinha de esquerda pro Ciro

Por Redação

03 de dezembro de 2020 : 15h35

Nesta quinta-feira, 3, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), voltou a defender na Revista Fórum uma frente com a experiência do ex-presidente Lula (PT) e o vice-presidente Nacional do PDT, Ciro Gomes. Segundo Dino, o objetivo dessa iniciativa é fortificar uma alternativa ao presidente Jair Bolsonaro.

A declaração do comunista é um contraponto da afirmação feita pelo ex-prefeito Fernando Haddad (PT) que colocou Ciro Gomes na mesma “faixa” do governador de São Paulo, João Doria (PSDB) e do apresentador Luciano Huck, ambos ocupantes da centro-direita.

“É falacioso dizer que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o PT acabaram. Assim como também é errado achar que Ciro Gomes não é importante nesse processo”

Na sequência, Dino também disse que as campanhas de Guilherme Boulos (PSOL) em São Paulo e de Manuela D’Ávila (PCdoB) em Porto Alegre foram positivas para a juventude e que podem servir como um ponto de partida para uma aliança contra o bolsonarismo.

“Essas lideranças novas têm que se somar aos mais experientes, como Lula e Ciro. Ninguém descarta as antigas lideranças em lugar nenhum do mundo. Temos que, eventualmente fazer prévias entre nós. Temos que mobilizar a sociedade e ver quem ganha. Eu faço campanha para qualquer um do nosso campo. É importante isso para proteger o país. Nós não aguentamos mais quatro anos de bolsonarismo”

Assista a entrevista completa!

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

10 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Luciano Fernandes

07 de dezembro de 2020 às 15h50

Ciro Gomes Presidente. Urgente!!! Rio grande, RS

Responder

Belchior Medeiros

04 de dezembro de 2020 às 14h07

Em 2022 Ciro chegará ao segundo turno com a frente de centro esquerda formada por PDT/PSB/REDE E PV.
No segundo turno todo apoio, seja de esquerda, centro ou mesmo a direita anti bolsonaro será bem vindo. Se algum apoio deste vier já no primeiro turno, melhor será ainda.
O importante é que todos concordem com a implantação do PND para superar a crise econômica que o afeta o Brasil.
Abraço
Belchior Medeiros

Responder

Raul

03 de dezembro de 2020 às 21h39

E o Arialdo Pinho e o Beach Park são de esquerda também?

Responder

Marco Vitis

03 de dezembro de 2020 às 20h10

Na minha terra diríamos que Rovai (dono do site Forum) é uma puta véia. Aproveitou a crítica política amigável que Ciro fez a Dino para tentar arrancar algum tipo de resposta que isolasse Ciro Gomes. Não deu certo e a puta véia foi pra cozinha do puteiro fazer um chá de camomila.
A derrota eleitoral do PT neste ano, previsível, exceto para os fanáticos, foi um choque de realidade. Para uns, como Jaques Wagner, deu o fato necessário para defender publicamente a urgência da mudança no partido. Para outros, como Haddad, parece que teve efeito contrário: foi procurar ovos no galinheiro do vizinho. Francamente, dar a Ciro Gomes o mesmo valor político que Huck revela uma disparatada confusão mental.

Responder

Fábio

03 de dezembro de 2020 às 18h59

Caro DINOssauro, não há a menor necessidade de se unirem esses mofados integrantes da política nacional (Dino , Lula , Ciro e mais qualquer esquerdista que queira se juntar ao grupo) para derrotar o bolsonarismo. O bolsonarismo já está derrotado , e é pelos eleitores, assim como o lulismo o foi . Não precisamos de velhas raposas e nem do bolor esquerdista para derrotar Bolsonaro.

Responder

carlos

03 de dezembro de 2020 às 18h31

Como vc vai exigir carteira de esquerda, de uma pessoa, que literalmente nasceu politicamente no PDS e ainda por cima uma sublegenda, aí depois que terminou o mandato de governador, foi estudar em Harvard e pode de esquerda, eu acho que ele está mais pra mágico, do que pra esquerda, coitado do PDT, de Brizola e Dercy Ribeiro, na verdade ele é um político gilette, corta dos dois lados.

Responder

    Ricardo

    04 de dezembro de 2020 às 02h44

    Brizola aquele que Lula atacou e usou de escada pra subir?

    Responder

Alan C

03 de dezembro de 2020 às 18h10

Dino é muito bem intencionado, mas nesse assunto específico ele é bem intencionado além da conta. Ciro jamais se juntará a Lula pra 2022, ele próprio já disse isso, as diferenças são muito maiores que as semelhanças.

Responder

    Ricardo

    04 de dezembro de 2020 às 02h45

    Ai o Ciro aumenta as chances de ter meu voto.

    Responder

José Carlos Oliveira Marques

03 de dezembro de 2020 às 17h17

Eu acho que o povo não aguenta mais os desatinos de Jair Bolsonaro e o faz de conta de certas lideranças, que sempre coloca o Lula a frente de qualquer movimento, como se ele fosse o dono do mundo. É sempre bom lembrar, que, o PT fez em 2018, lançando um candidato fraco que perdeu para Jair Bolsonaro.

Responder

Deixe uma resposta