Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Apavorado com a CPI, Pazuello deve ir depor com a farda do Exército

Por Redação

18 de maio de 2021 : 18h48

Nesta quarta-feira, 19, acontecerá o depoimento mais esperado na CPI da Pandemia, do ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. De acordo com a Veja, Pazuello não quer repetir o comportamento acuado e nervoso de Ernesto Araújo nesta terça-feira, 18.

Pazuello despachou a ajuda de assessores que iriam treinar suas respostas na CPI e disse nos bastidores que pretende depor diante do colegiado envergando a túnica verde oliva, o fardamento oficial do Exército Brasileiro.

Chocados com a decisão do general, os assessores tentaram convencer o ex-ministro para não usar a farda. De imediato, Pazuello lembrou que há uma regra na caserna sobre como o militar deve se vestir em eventos oficiais e que é preciso mostrar para os senadores que o general não é um ex-ministro de quinta categoria.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

dcruz

19 de maio de 2021 às 15h03

Esse é o típico caga na saquinha seja ela verde-oliva ou não.

Responder

Tony

19 de maio de 2021 às 09h23

Farda ou fralda?

Responder

Alexis Souza

18 de maio de 2021 às 23h30

De farda ou sem, Pançuelo não passa de um frouxo, fujão que envergonha o Exército. Sua incompetência no Ministério da Saúde é incomparável

Responder

carlos

18 de maio de 2021 às 22h24

Nota 10 para o meu filho que honrou a farda durante 1 ano no exército enquanto teve colega dele que manchou a farda pois usava droga lá dentro e ousou até assaltar só que se deu mal.

Responder

Paulo

18 de maio de 2021 às 19h37

Que patético! Envergando ou envergonhando a farda do Exército de Caxias?

Responder

Oblivion

18 de maio de 2021 às 19h37

Muito engraçado… É ou não o país da piada pronta? E ainda dizem q não levarão desafro pra casa… O povo q leve as lembranças daqueles entes queridos q se foram… Os desempregados q levem as contas pra casa (aqueles q ainda as tem… ) E eles , depois de apoiar um verme incompetente e patético nas eleições, não tem nem a capacidade de assumir seuserros.

Responder

Deixe um comentário