Cafezinho & Cinema: conversa com Ducca Rios, diretor de Meu Tio José

Governador do AM pede ao STF para não comparecer a depoimento na CPI

Por Redação

09 de junho de 2021 : 09h50

O governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), um dos poucos gestores estaduais aliados de Jair Bolsonaro, enviou um pedido de habeas corpus preventivo ao Supremo Tribunal Federal (STF) com o objetivo de não comparecer ou ficar em silêncio durante seu depoimento à CPI da Pandemia no Senado Federal.

Os membros da comissão aprovaram o requerimento de convocação do primeiro governador a prestar depoimento diante do colegiado e Lima está agendado para quinta-feira, 10. A data inicial seria apenas para o dia 29, mas após uma operação da Polícia Federal no Amazonas na semana passada, que apura possíveis desvios de recursos da Saúde, o depoimento foi antecipado.

No pedido enviado a Suprema Corte, o advogado Antônio Nabor Areias Bulhões alega que a convocação de Wilson Lima é inconstitucional. Ele usou como justificativa a “regra de não intervenção federal nos estados”.

Bulhões também sustenta que caso Lima compareça a CPI é reservado “o direito ao silêncio, vale dizer, o direito de o paciente não responder a indagações sobre as matérias que são objeto de investigações criminais e de não ser indagado sobre elas como tática perversa de exposição e execração do convocado, como se tornou prática cruel e corriqueira em CPIs no Congresso Nacional”.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe uma resposta