Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Lula diz que não acredita na terceira via

Por Redação

01 de fevereiro de 2022 : 09h59

Na manhã desta terça-feira, 1, o ex-presidente Lula (PT) concedeu entrevista ao Show do Antônio Carlos, na Rádio Tupi do Rio de Janeiro, e disse que se baseando nas pesquisas eleitorais, não acredita na viabilidade de uma terceira via nas eleições deste ano.

Além disso, o líder progressista também mandou um recado para o ex-juiz Sérgio Moro, pré-candidato do Podemos. “Não acredito em terceira via e não acredito que o [Sergio] Moro tenha muito futuro na política”, declara.

Lula continuou com suas críticas ao ex-juiz que foi declarado parcial pelo Supremo Tribunal Federal (STF) nas condenações da Lava Jato. “Eu sinceramente de vez em quando fico pensando se devo falar do Moro ou não, porque ele é uma figura insignificante. É um deus de barro que foi construído para me prejudicar”.

O ex-presidente falou das dúvidas sobre a relação de Moro com órgãos dos EUA durante o processo de impeachment de Dilma Rousseff (PT), na prisão de Lula e na eleição que levou a vitória de Bolsonaro em 2018.

“Vamos esperar o que vai acontecer com esse cidadão, que na minha opinião tem uma ligação no mínimo duvidosa com a CIA e o Departamento de Justiça dos EUA”.

Assista a entrevista completa!

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alexandre Neres

01 de fevereiro de 2022 às 23h41

EdsonLuiz. me mata de rir. Cometeu um ato falho bisonho. Defendendo FHC como impoluto, apesar da pista de avião que a Camargo Correia construiu ao lado da sua fazendola só para que ele usasse. Mas FHC é príncipe, tem origem nobre, tem ascendência de milico de alto coturno, não recende a povo. Quem não se lembra do famigerado diálogo da Vaza Jato quando Delta sugeriu que FHC fosse investigado para ao menos a Lava Jato parecer imparcial, ao que o Russo rebateu de plano, na condição de comandante da força-tarefa: não, não podemos causar melindres, até porque FHC é um aliado. Este é o naipe de juiz que EdsonLuiz. defende com unhas e dentes. Para ele, como FHC não foi investigado, é limpo. Como o processo do serra se perdeu nos grandis escaninhos, apesar dos milhões de dólares mandados pra fora do país junto com a filha, também tá safo. É esta a Justiça de compadrio e da Casa-Grande, feita sob medida para perseguir adversários políticos. Diga aí EdsonLuiz., tu prefere a Federação do progressista Cidadania, aquele colosso, com o PSDB ou com o Podemos? Mas, hein?

Responder

Paulo

01 de fevereiro de 2022 às 23h22

Não é que ele não acredite, é que ele teme…

Responder

Netho

01 de fevereiro de 2022 às 16h16

Lula não acredita no Mensalão.
Lula não acredita no Petrolão.
Lula não acredita em Palocci.

Responder

Carlos da Costa

01 de fevereiro de 2022 às 14h53

Moro, não serve mais para nada já cumpriu a sua missão que era tirar o Lula das eleições e não vai concorrer para Presidência e sim outro cargo.

Responder

EdsonLuíz.

01 de fevereiro de 2022 às 13h23

O PT em campanha!
Lula em campanha!

Nunca diz nada, nunca um programa. Só agride, só ataca.

Isso que Lula e os lulistas fazem é que é atacar! Isso é que é atacar!

Melhor para a política é quando o sujeito diz o que ele pensa que é um problema importante, diz o que ele pensa que é a solução a ser feita, e discute sobre o que acha que seus adversários estão errados quanto àquilo. A crítica pode ser radical! Só não é conveniente que sejam ataques! Muito menos acusar o adversário que está criticando, discutindo, mostrando, acusá-lo de atacar, quando é o adversário que está sendo atacado pelo lulismo.

As “Telas171” do PT atacam o tempo todo; mas o tempo todo as “Telas171” do PT estão dizendo que são os outros que estão atacando.

O esquema de comunicação do PT usa tanto esses termos bélicos, como os termos ‘atacar’, ‘deu uma invertida’, quando alguém está argumentando com fatos, com dados. E quando você vai verificar, o que a pessoa está fazendo é esclarecer e não atacar. Mas os lulistas dizem assim: “fulano está atacando!”; “fulano ataca!”.

Mas isso que o esquema lulista faz é uma tática suja, de se antecipar, impingindo ao outro o que de fato é ele, o esquema lulista, que faz.

E quem é jovem não viu nada do que eles são capazes!

Quem é jovem nem imagina os ataques destrutivos, e sempre com mentiras, do PT contra os melhores quadros da política.

Você deve estar se perguntando: “Contra quem?

Contra Fernando Henrique Cardoso;
Contra Mário Covas;
Contra Marina Silva;

E se abre, a nível nacional e regional, o vilipêndio lulista.

E não eram ataquezinhos não, era artilharia muito grossa, muito agressiva e muito mentirosa!

Já gente do fedor, mas que deveria ser criticada com dados, com fatos, como Romero Jucá, Eduardo Cunha, Eunício Oliveira, Paulo Maluf…

A lista desse tipo de gente e seus partidos também é interminável. E o PT se calava e se cala sobre esses e sobre seus partidos, o PL, o PP, o Republicanos, …

Só que o PT, enquanto engordava, ia engordando toda essa gente junto. E na mesma festa!

Aí aparece um petista e diz: “Mas o PT criticava estes, sim; e com a mesma raiva!”.

Sim, chegou a criticar! Mas sempre para encurralar o sujeito ignóbil e denunciar suas falcatruas, e de forma bem agressiva mesmo! Agredia, na verdade, não criticava! Agredia até o sujeito ficar encurralado e aceitar se aliar a Lula e ao PT. Depois que o sujeito se aliava ao PT e a Lula, a aporrinhação contra ele acabava, o ignóbil era “inocentado” e ele, Lula e o PT podiam se esfregarem e beijarem na boca.

Depois, esses políticos sacanas e seus partidos eram integrados e participavam do butim junto com o PT, recebendo pedaços de Petrobrás, de Ministérios, de Caixa Econômica, de Banco do Nordeste…

Ao fim, após Mensalão, Petrolão, Aloprados, Dinheiro na Cueca e tantos outros escândalos, todos viram, menos os que quiseram ficar cegos para as falcatruas do lulismo, que o PT, na sua parte mais lulista – não importando se esses lulistas fazem discurso de radical e ficam dizendo “Eu sou de esquerda”, “Eu sou de esquerda”, “Eu sou progressista”, como se isso fosse dar a eles uma espécie de atestado de bons antecedentes – todos viram que o que eles fazem chega a ser pior do que aqueles que eles juntam para beijarem na boca e fazerem a mesma coisa.

Depois, quando convém, eles atacam os cafajestes de novo, mas só quando convém atacar para lulistas parecerem limpos e não envolvidos com corrupção e com captura das empresas e de órgãos públicos em geral.

E assim o PT, na sua parte lulista (alguns usam a tática de dizer:”Eu sou petista, mas não sou lulista”, só que você vê que eles ficam por ali defendendo Lula, quando deveriam é defender que o PT se limpasse de suas sujeiras, se afastasse de gente suja, inclusive dos próprios petistas sujos e, principalmente, não parassem de jogar sujeira em gente limpa como Fernando Henrique Cardoso e Marina Silva.

E depois, quando covém novamente?

Depois, quando convém novamente, o PT lulista se abraça e beija na boca por dias e noites inteiras novamente com essa gente do tipo Roberto Jefferson, Romero Jucá, Michel Temer, Eunício, Sérgio Cabral…

E roubam!… E não expulsam seus corruptos!… E não se limpam!…

Responder

    EdsonLuíz.

    01 de fevereiro de 2022 às 13h32

    Corrigindo:
    …e, principalmente, parassem de jogar sujeira em gente limpa, como Fernando Henrique…

    Responder

Sebastião

01 de fevereiro de 2022 às 11h26

Deixa cada um fazer o que quiser, Lula. Eles estão no direito deles e você no seu. É da política fazerem esse jogo. Eles vão desacreditar de você, e você deles.

Agora, só pra refrescar sua memória. Você disse que não acreditava que Bolsonaro seria eleito, e foi. O que fará você ser eleito, é justamente a lembrança do povo brasileiro, na época que você foi presidente.

Podem espernear corrupção, ditadura, ou o que seja. Mas, a prosperidade do povo brasileiro em seu governo, que vai te eleger.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador de Minas Gerais O Xadrez para Governador de São Paulo O Xadrez para Governador do Rio de Janeiro Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro