Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Imagem: Divulgação

Aliança regional entre PT e MDB no Nordeste isola a pré-candidatura de Simone Tebet

Por Gabriel Barbosa

19 de abril de 2022 : 21h52

Com a tendência de polarização entre o ex-presidente Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PL), não há perspectivas animadoras para a pré-candidatura de Simone Tebet (MDB) ao Planalto.

Ainda que sua candidatura seja levada a cabo pela executiva nacional do MDB, a figura triunfante já está sendo o ex-presidente Lula. Tanto é que os caciques do partido já estão fechando seus acordos com o ex-presidente.

Na região Nordeste, que representa 27% do eleitorado e onde Tebet precisaria penetrar com mais afinco, o petista já tem praticamente todos os diretórios do MDB no seu arco de alianças.

Vejamos o caso da Bahia, onde por articulação do senador Jaques Wagner, o MDB de Geddel Vieira Lima indicou o nome do presidente da Câmara de Salvador, Geraldo Júnior, para ocupar a vice na chapa de Jerônimo Rodrigues (PT) ao governo baiano.

Por ser o estado mais populoso e importante da região, o caso da Bahia é um típico exemplo de “rifagem” da pré-candidatura de Tebet a presidência.

Em Alagoas, o MDB controlado pelo senador Renan Calheiros é declaradamente lulista. Vale ressaltar que o próprio Renan tem sido o principal cacique emedebista que está articulando o apoio da legenda a Lula já no 1° turno.

Outro estado relevante para o líder progressista é o Piauí. Por lá, o candidato oficial do PT é o ex-secretário da Fazenda e Planejamento, Rafael Fonteles. Braço direito de Wellington Dias, que vai se candidatar ao Senado, Rafael terá como vice de chapa o presidente da Assembleia, Themístocles Filho (MDB).

O acordo teve as bençãos do senador e ex-ministro da Saúde, Marcelo Castro, manda chuva do MDB no Piauí, e do próprio ex-presidente Lula. Por sua vez, o próprio Marcelo Castro ainda tem evitado falar abertamente sobre o assunto. Em um podcast do MDB, o congressista disse que a “nossa candidata é Simone Tebet”.

No Ceará, estado vizinho, o ex-presidente do Congresso e cacique do partido, Eunício Oliveira, tem preparado o MDB cearense, nos últimos seis meses, para mergulhar de cabeça na campanha de Lula.

Nas eleições deste ano, é mais provável que Eunício seja candidato a deputado federal, mas o emedebista tem sido encorajado pelo próprio Lula a sair como postulante a governador.

Na semana passada, Eunício organizou um jantar na sua residência, em Brasília, que reuniu os principais caciques do MDB com o líder progressista.

Na Paraíba, o senador Veneziano Vital do Rego (MDB) lançou sua pré-candidatura ao governo estadual e tem intensificado o nome de Lula na campanha. O emedebista paraibano esteve com o ex-presidente no jantar organizado por Eunício.

Outra liderança regional do MDB fechado com Lula é o deputado federal Walter Alves. Cacique do diretório estadual do partido no Rio Grande do Norte, o parlamentar é o nome preferido do ex-presidente para assumir como vice na chapa de Fátima Bezerra (PT), que vai concorrer a reeleição para o governo potiguar.

O nome cotado para assumir o lugar de Walter Alves na Câmara dos Deputados e do controle do MDB do RN é o de seu pai, o ex-senador Garibaldi Filho.

Já em Pernambuco, o MDB local tem dito publicamente que está apoiando a pré-candidatura de Tebet, mas é sabido que o deputado federal Raul Henry (MDB-PE) mantém diálogo com interlocutores de Lula.

Em nota enviada ao O Cafezinho, a Executiva Nacional do MDB disse que os acordos com o PT no Nordeste “são alianças históricas, e todas foram dialogadas com a direção nacional, e não há nenhum conflito interno em relação a isso”. O partido também destacou que 20 dos 27 diretórios emedebistas estão com Simone Tebet.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Pós-graduando em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Francisco*

20 de abril de 2022 às 15h37

Tem quem desenxabido e tapado por natureza, conforme extensas laudas de exíguo conteúdo e caudalosas platitudes, cá publicadas, cujo canal de retorno se existente, certamente entupido, impede-o de sequer desconfiar o tanto quanto revela-se quixotescamente ridículo, redundantemente quadrado e profundamente raso, no que escreve e pensa abafar, bem mais que miss na hora da coroação, mas não.

Desentupido o canal de retorno, mesmo permanecendo o desenxabido em questão tapado, desconfiaria que a então ‘injustiçada’ Marina, patrocinada pela classe dominante como coadjuvante de Aécio, após acidente a ser ‘esclarecido’, desconstruída em menos de mês na campanha eleitoral para presidente, era e permanece sendo uma política frágil, que desmancha-se no ar, bastando para comprovar isto, contrasta-la a outro político, que submetido a metódica, extensa e incessante campanha de destruição na base do ‘custe o que custar’, sem par em nossa história, por mais de 7 anos e ainda a ocorrer, por parte da classe dominante através dos braços, midiáticos, jurídicos, políticos, militares e religiosos, com manjado suporte do ‘Norte’ enrascado na geopolítica, que mesmo tendo sido ‘preso’, por mais de 500 dias, para impedirem que retomasse o poder em 2019, ora, não impedido, lidera a campanha para presidente, para retoma-lo democraticamente em 2023, através do supremo julgamento pelo tido “inimigo interno” da classe dominante, o soberano povo brasileiro.

“PT Nunca Mais”, lembra?
Narrativa sem fato é fake, desmancha-se no ar.

Simples como clips.., para quem tem olhos de ver, cabeça de pensar e isenção para julgar.

Responder

Alexandre Neres

20 de abril de 2022 às 10h55

Belo trabalho, Gabriel!

Mapeou o Nordeste e demonstrou por ‘a+b’ que o MDB tá com Lula.

Simone Tebet foi cristianizada. Também pudera. O que se esperar de uma candidata que tece os mais rasgados elogios a Temer? Além disso, agora se porta como uma lavajatista timidamente arrependida, com críticas leves e suaves à Força-Tarefa que corrompeu o sistema judicial e quebrou empresas nacionais, ao tempo que propiciou polpudos ganhos para seu chefe (Homem-de-Ferro?) nos Isteites.

A Frente Ampla que abriga progressistas, liberais e conservadores em favor da democracia vai se desenhando. Do outro lado, os extremistas e aqueles foram açulados que nem cães pela imprensa dita profissional para atacar o PT sob o mote da corrupção. Qualquer pessoa que tem conhecimento mínimo sobre o assunto no decorrer da história sabe que o problema do Brasil é estrutural e que no governo do PT foi dada uma autonomia muito grande aos órgãos de controle para combater crimes da espécie, só que as corporações houveram por bem se aliar às elites do atraso, fazendo um pacto por cima, destruindo a democracia e erigindo o desgoverno Bolsonaro.

Em tempo, tendo em vista que a imprensa fomentou e surfou nas ondas lavajatistas, quando elas morreram na praia pelas ilegalidades perpetradas, por que não fez o devido mea-culpa? O partido político é submetido ao escrutínio popular e no ano mais difícil da sua existência o PT obteve 45% dos votos no segundo turno em 2018.

Seria melhor que conservadores e os cães que foram açulados e hoje estão babando por aí, atacando diuturnamente o PT enquanto poupam o desgoverno Bolsonero que está corroendo a democracia e a cultura brasileiras, ao menos deixassem de querer se travestir como progressistas.

Responder

EdsonLuiz.

20 de abril de 2022 às 10h00

Eunício, Fidel R$51 Milhões Vieira Lima — isto só em pilhas no apartamento…
Aí está a “frente ampla” de Lula de que Randolfe Rodrigues tanto fala.

O senador Randolfe Rodrigues, depois de sair de forma oportunista do PT para o PSOL, no momento de vaca magra do PT, e de do mesmo modo oportunista largar o PSOL e ir para o Partido Rede que Marina Silva conseguiu construir com seu grupo com muita dificuldade, pensando em surfar no potencial de Marina Silva e de seu partido, que o PT e seu Marqueteiro destruiu com mentiras grossas na televisão (vocês se lembram, dos ataques mentirosos do PT contra Marina Silva?), agora o senador Randolfe está falando em Frente Ampla com o corrupto Lula.

A Frente Ampla de Lula que Randolfe articula é ampla assim : Rede, PCdoB, PV, Eunício Enrolado Oliveira, Gedel R$R$R$51.000.000,00 Vieira Lima…

E por aí vai!

Frente ampla!?
Coitado do Brasil.

Aliás, por que Lula fala em consertar a economia, se foi ele que estragou?
O merda do jair bolsonaro estragou muita coisa, mas a economia quem foi estragando tudo de novo, desde o 2º mandato de Lula, foi o PT. Em 2013 o povo já havia percebido que a economia estava estragada e parou o Brasil durante meses, e continuou fazendo pressão até tirar a Dilma e o PT. Pena que o merda do bolsonaro foi quem soube se aproveitar da raiva do povo e ganhou as eleições, mostrando que, por ora, a qualidade do eleitor brasileiro é esta: Lula, Dilma, bolsonaro… Lula de novo, junto com Gedel, Randolfe, Eunício…

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador da Bahia O Xadrez para Governador de Minas Gerais O Xadrez para Governador de São Paulo O Xadrez para Governador do Rio de Janeiro Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes