Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Imagem: Divulgação

Capitão Wagner (UB) e Roberto Cláudio (PDT) lideram disputa no Ceará, diz pesquisa

Por Redação

30 de agosto de 2022 : 20h44

O Invox Brasil divulgou na noite desta terça-feira, 30, sua pesquisa presencial de intenção de voto para o governo do Ceará que mostra a polarização entre as candidaturas de Capitão Wagner (União Brasil) e Roberto Cláudio (PDT). A margem de erro é de 2,4 pontos e a contratante foi a TV Cidade Fortaleza.

Na espontânea, Wagner lidera com 16% enquanto que RC aparece na segunda colocação com 10%. O candidato do PT, Elmano Freitas, registra 7%. Brancos e nulos 5% e Indecisos, 52%. O ex-governador Camilo Santana (PT) e o ex-presidente Lula registraram 3%, cada.

Na estimulada, o candidato do União Brasil aparece com 37% das intenções de votos contra 26% de RC. Já Elmano fica na terceira colocação com 16%. Brancos/Nulos 9% e Indecisos, 8%. Zé Batista (PSTU) e Chico Malta (PCB) com 1%, cada.

Na disputa de segundo turno, CW e RC ficam empatados com 44% dos votos. Brancos e nulos são 8% e Indecisos, 4%. Por outro lado, Capitão venceria Elmano com 20 pontos de vantagem, por 53% a 33%. Brancos e nulos 10% e Indecisos, 4%. Além de Wagner, RC também vence o petista, com uma margem ainda maior, de 27 pontos, 53% a 26%.

A Invox Brasil ouviu 1601 eleitores entre os dias 24 e 28 de agosto de 2022. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o código CE-06454/2022. O nível de confiança é de 95%.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

marco

31 de agosto de 2022 às 07h56

A estratégia de deixar Ciro Gomes sem palanque nas eleições tem o efeito colateral de deixar o Pt sem o governo alguns Estados que seriam favas contadas.
A petezada vai ficar sem as boquinhas, vão morrer de inanição.

Responder

carlos

31 de agosto de 2022 às 07h55

Desta vez vai dá capitão wagner, se não prestar com 4 anos de pois riramos através do voto tal e qual o mandrião do Planalto , bolsonaro vai ser expulso do Palácio após a malandragem que cometeu.

Responder

Deixe um comentário