Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Pasadena ainda funciona! Alô Petrobrás, não vai dizer nada?

Por Miguel do Rosário

21 de março de 2014 : 18h10

 

E não é que, nesse tempo inteiro, nem governo nem Petrobrás deram uma informação essencial para se entender o imbróglio envolvendo a compra da refinaria de Pasadena? Ela ainda funciona!

Pesquisei os relatórios financeiros da Petrobrás de 2006 até 2013, e em todos encontrei a informação de que a refinaria ainda está operando e refinando milhares de barris diariamente.

Abaixo, as fotografias que tirei de trechos do relatório que citam a refinaria. Nos primeiros, de 2006, ficamos sabendo que a Petrobrás previa investir bilhões no exterior. Era a estratégia da empresa para fazer frente à falta de novas jazidas no Brasil. Os EUA eram o principal foco da empresa naquela época, com destaque para a refinaria de Pasadena.

Num outro relatório, a Petrobrás informa que previa investir US$ 2 bilhões em Pasadena, para adaptá-la ao refino de óleo pesado produzido no Brasil.

Observe que, no primeiro ano como sócia da Astra na refinaria, a Petrobrás informa que ela processou 90,8 mil barris diários. O que é uma marca ótima para uma refinaria que, dizia-se, tinha capacidade máxima estimada em torno de 100 mil barris.

Em seguida,  Petrobrás informa que a sua capacidade de refino de petróleo em instalações no exterior aumentou de 129 mil barris diários, para 214 mil barris, de 2005 para 2006, devido à aquisição de Pasadena.

Os relatórios dos anos seguintes continuam dando notícia das atividades em Pasadena.

Por que a Petrobrás não divulga um mísero gráfico com a produção da refinaria de Pasadena nos últimos anos? O blog da Petrobrás não traz uma informação sobre o assunto. O post de hoje fala apenas da abertura de vagas para “jovem aprendiz” em Sergipe, o que é muito interessante e emocionante, mas não diz nada sobre o ataque especulativo e político que a empresa está sofrendo na grande mídia.

A empresa tem um prédio inteiro, milhares de funcionários e um orçamento de milhões exclusivamente dedicados à área de comunicação e relações públicas, e quem tem de fazer a defesa da companhia é um blogueiro sujo preocupado se terá dinheiro para comprar uma garrafa de vinho para beber com sua esposa à noite?

E os anúncios da Petrobrás vão todos para Globo e Veja, que trabalham dia e noite contra a empresa e contra o governo que a controla.

Oh, vida dura!

 

ScreenHunter_3527 Mar. 21 17.42

ScreenHunter_3528 Mar. 21 17.43

ScreenHunter_3529 Mar. 21 17.46

ScreenHunter_3530 Mar. 21 17.49

ScreenHunter_3531 Mar. 21 17.52

ScreenHunter_3532 Mar. 21 17.53

ScreenHunter_3533 Mar. 21 17.54

ScreenHunter_3534 Mar. 21 17.55

Pasedena-300x208

Refinaria de Pasadena. Fonte: Blog Fatos & Dados

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Rodolfo Vasconcellos

22 de março de 2014 às 12h59

Miguel, na verdade a Petrobras já respondeu, em meados de 2012. Pra provar que estão tentando requentar esta suposta “polêmica”.

http://fatosedados.blogspetrobras.com.br/2012/12/17/pasadena-resposta-a-revista-veja/

Responder

Marcelo

21 de março de 2014 às 21h09

Miguel, mais um exemplo da péssima política de comunicação dos governos do PT.

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?