Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Deputada Alice Portugal foi atacada pelo secretário-geral da Mesa da Câmara (Foto: Luis Macedo/Agência Câmara)

Machismo ao vivo na TV Câmara! Ex-assessor de Aécio e ex-lobista da Globo agride deputada federal!

Por Miguel do Rosário

20 de maio de 2014 : 22h49

Mais um caso de machismo odioso na Câmara dos Deputados. Por sorte, a blogosfera tem representantes lá dentro da casa que ajudam a repercutir essa violência. Assistam e comentem!

 

Deputada é atacada por secretário-geral da Mesa da Câmara

Um fato inédito e inusitado na história do Congresso Nacional ocorreu nesta terça-feira, 20 de maio de 2014.

Por Rogério Tomaz Jr, no blog Conexão Brasília Maranhão.

Enquanto fazia um discurso de protesto contra o encerramento abrupto de sessão solene em homenagem aos 90 anos da Coluna Prestes, a deputada federal Alice Portugal (PCdoB-BA) foi atacada pelo secretário-geral da Câmara, Mozart Vianna, que se dirigiu com o dedo em riste contra a parlamentar para negar a responsabilidade da Secretaria-Geral pelo episódio que gerou a reclamação de Alice Portugal.

O comportamento agressivo do funcionário da Câmara é chocante até mesmo para os padrões ultramachistas do Parlamento brasileiro. Assista ao vídeo e confira.

Nunca é demais lembrar que o Brasil fica atrás de mais de CEM países no ranking da participação de mulheres no poder Legislativo nacional.

Em janeiro de 2012, estávamos situados exatamente na posição 116, MUITO ATRÁS de Ruanda (#1), Cuba (#3), África do Sul (#7), Argentina (#17), Tanzânia (#18, junto com Espanha), Uganda (#19), Afeganistão (#34), Sudão do Sul (#36), Bolívia (#37), Iraque (#38), Vietnã (#43), Quirguistão (#48), Paquistão (#52), Uzbequistão (#52), Cazaquistão (#74), Emirados Árabes Unidos (#75), Vemezuela (#77), Albânia (#82), Coreia do Norte (#83), Gabão (#88) e muitos outros. O ranking completo de 2012 está aqui: http://www.ipu.org/pdf/publications/wmnmap12_en.pdf

Afinal, o funcionário da Câmara – que, entre 2011 e 2013 foi assessor do senador Aécio Neves (PSDB-MG) e consultor da ABERT, entidade que faz o lobby da Rede Globo – teria essa atitude contra um deputado homem?

É, amigo… ser mulher na política não é para qualquer uma… se isso acontece no Congresso Nacional, diante dos olhos do País, com transmissão ao vivo, imagine o que não acontece Brasil afora…

Parabéns à Alice Portugal por não aceitar o desrespeito injustificável!

E parabéns também ao sempre combativo Amauri Teixeira (PT-BA), que protestou na mesma hora contra o abuso de Mozart Vianna.

Deputada Alice Portugal foi atacada pelo secretário-geral da Mesa da Câmara (Foto: Luis Macedo/Agência Câmara)

Deputada Alice Portugal foi atacada pelo secretário-geral da Mesa da Câmara (Foto: Luis Macedo/Agência Câmara)

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

19 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Luisa

20 de junho de 2014 às 08h23

Que mulher baixa. Tipo de gente que faz show para ser reeleita.

Responder

Clemilson Gama Silva

21 de maio de 2014 às 18h39

é simples demite o troglodita e manda ele ir para o ufc. . . quero ver ele levantar o dedo lá . . . k k k . . .

Responder

Graça Camelo

21 de maio de 2014 às 18h16

Triste.

Responder

henrique de oliveira

21 de maio de 2014 às 14h19

Qual a novidade? nazistas são assim mesmo?

Responder

Vixe

21 de maio de 2014 às 11h50

Demissão sumária desse VAGABUNDO.

Responder

Ana Carla Valle Mello

21 de maio de 2014 às 14h21

É extremo o desrespeito cometido por um funcionário da câmara federal que, agressivamente,com dedo em riste,quase no rosto da deputada Alice Portugal, interrompeu-lhe o pronunciamento em plenário. Isto é inadimissível. O presidente dessa sessão, ao não restituir à parlamentar o devido tempo dela suprimido pelo inadmissível e intolerável episódio, também avilta o Congresso Nacional. Aguardamos exemplar punição ao agressor , que deveria ser no mínimo a exoneração do cargo que ocupa e ao conivente presidente dessa já famigerada sessão que sequer devolveu a palavra à deputada.

Responder

tom

21 de maio de 2014 às 11h10

ah se fosse o secretário do lula que tivesse cometido esse despaldério ! o que aconteceria com ele e o presidente hein miguel ?

Responder

Rafael Soares

21 de maio de 2014 às 11h41

Desrespeito total, mas infelizmente isso sempre ocorre na Câmara, esse não foi o 1º e nem será o ultimo.

Responder

Rafael Soares

21 de maio de 2014 às 11h41

Desrespeito total, mas infelizmente isso sempre ocorre na Câmara, esse não foi o 1º e nem será o ultimo.

Responder

Rosalba Tovar

21 de maio de 2014 às 06h20

E a câmara vazia! Trabalha gente!!

Responder

CICERO DE LIMA E SOUSA

21 de maio de 2014 às 00h46

SE FOSSE COM UMA MULHER DA PARAIBA, ELE IA VER O QUE É BOM PRA TOSSE

Responder

jacó

21 de maio de 2014 às 00h09

Demissão por justa causa desse mequetrefe que é um desqualificado tem tanta gente qualiificada para a função mais infelizmente a zelite brasileiras contratam serviçais.

Responder

Anibal Paz da Silva

20 de maio de 2014 às 23h52

Que o esposo desta deputada, acerte as contas com esse filhote da ditadura.

Responder

    Miguel do Rosário

    20 de maio de 2014 às 23h57

    Ela não precisa da proteção de esposo. É uma mulher aguerrida que sabe se defender sozinha.

    Responder

    Miguel do Rosário

    20 de maio de 2014 às 23h58

    E tem apoio de todos os brasileiros, homens e mulheres, que rechaçam o machismo, a covardia, e a truculência, sobretudo dos que não sabem respeitar o jogo democrático.

    Responder

Katarina Peixoto

21 de maio de 2014 às 02h27

Taqueopariu. Troço depre.

Responder

Katarina Peixoto

21 de maio de 2014 às 02h27

Taqueopariu. Troço depre.

Responder

enganado

20 de maio de 2014 às 23h07

Se esse machão tentasse apontar o dedo para o rosto que mamãe beijou, eu ia moer esse pau mandado do Aébrio até a última gota. Não duvidem!

Responder

Ob-cerva Lima

21 de maio de 2014 às 01h59

Estão ultrapassando todos os limites…tem que ter um basta nisto!

Responder

Deixe um comentário