Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Dezembro de 2015, o mês em que a direita brasileira provou que não defende a educação

Por Redação

06 de dezembro de 2015 : 04h13

no Consciência.Blog.Br

Atualizado em 05/12/2015 às 00h19, com adição do Instituto Liberal e do IL de São Paulo

De vez em quando a direita brasileira, por meio de algumas páginas, usa discursos do tipo “Queremos mais educação”, “A educação vai transformar o Brasil” e outras supostas defesas do ensino básico e universitário. Mas dezembro de 2015 tem sido um mês em que o pessoal formador de opinião desse lado do espectro político no Brasil mostrou que na verdade não está nem aí para a situação dos alunos de escolas públicas brasileiras.

O quase total silêncio perante as ocupações e protestos promovidos pelos estudantes de escolas estaduais de São Paulo ameaçadas de fechar pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) evidencia isso. Digo “quase total” porque, dentre centenas de postagens ao longo dos quatro primeiros dias deste mês, pouquíssimas mencionaram as ações estudantis – mas, pasmem, todas eram postagens contra os estudantes.

Foram investigadas 32 páginas de direita bastante representativas no Facebook, incluindo páginas de políticos, formadores de opinião aclamados, partidos, páginas de “politização contra corrupção”, ONGs “liberais” e páginas assumidamente conservadoras. São fanpages com uma enorme penetração na parcela da opinião pública brasileira que se identifica mais com ideias e crenças de direita.

Foi vasculhado o histórico de postagens dessas páginas entre a meia-noite do dia 1º de dezembro e as 9h30 da manhã do dia 4, intervalo de tempo no qual as ocupações continuaram se expandindo e os protestos estudantis nas avenidas de São Paulo capital se espalharam.

Das 32 páginas pesquisadas, 25 prestaram o mais absoluto silêncio omisso perante as ações dos adolescentes em SP. Apenas sete mencionaram em alguma postagem as manifestações, tendo sido um total de treze postagens, todas elas criticando os alunos ou pessoas que apoiam as ações deles.

Abaixo está a lista de páginas que pesquisei para escrever este artigo, e quantas postagens cada uma delas dedicou às ações estudantis:

 ***

Partidos políticos e representantes seus com posições claramente de direita:

PSDB: zero

Democratas: zero

Solidariedade (partido): zero

PMDB Nacional: zero

Partido Novo: zero

Aécio Neves: zero

Paulinho da Força: zero

***

Formadores de opinião de direita:

Rachel Sheherazade: zero

Reinaldo Azevedo: zero

Rodrigo Constantino: zero

Luciano Huck: zero

***

ONGs “liberais”

Instituto Millenium: zero

Estudantes Pela Liberdade: zero

Instituto Ordem Livre: zero

Instituto Liberal: uma única postagem, contra os estudantes

Instituto Liberal de São Paulo: duas postagens, contra os estudantes

***

Entidades e páginas de “politização contra corrupção”:

Movimento Brasil Livre: zero

Vem Pra Rua Brasil: zero

TV Revolta: Uma única postagem, contra os estudantes

Movimento Contra Corrupção: Duas únicas postagens (esta e esta), ambas contra os estudantes

OCC – Organização de Combate à Corrupção: zero

Folha Política: zero

O Brasil Acordou: zero

Mobilização Patriota: zero

Povo Brasileiro: zero

***

Páginas assumidamente conservadoras

Canal da Direita: uma única postagem, contra os estudantes

Jovens de Direita: cinco postagens, todas contra os estudantes

Vem Pra Direita Brasil: zero

Direitas Já: zero

Movimento Endireita Brasil: zero

O Reacionário: uma única postagem, sem dar nenhum posicionamento sobre as ações dos estudantes, mencionando-os apenas para criticar a deputada Jandira Feghali, do PCdoB

FORA PT: zero

Obs.: Não foi pesquisada a página Revoltados On Line, por ser de extrema-direita. Apenas páginas de posturas não consideradas extremistas (mesmo que muitas sejam de fato absurdas) foram vasculhadas.

Piada pronta: capa da página do PSDB no Facebook mostra manifestante tucano pedindo “mais educação”, enquanto governo do PSDB em São Paulo bate em quem realmente pede pelo mais básico direito de estudar

Discussão dos resultados

Fica muito evidente que a direita brasileira, desde os liberais até os conservadores não extremistas, não está nem aí para a educação. Nesse histórico de quatro dias pesquisado, não houve uma postagem sequer defendendo alguma maneira que se acredite que poderia melhorar o ensino escolar no Brasil – nem mesmo, por exemplo, a privatização e terceirização das escolas públicas.

O silêncio foi quase completo, sendo quebrado com raridade apenas para achincalhar o movimento dos estudantes paulistas. As páginas não dão a mínima para o fato de que o que aqueles jovens estão reivindicando é o mais básico direito de estudar. Suas reivindicações, até o momento, sequer englobam a construção de novas escolas públicas e o aumento dos investimentos em educação. Têm sido simplesmente a preservação do seu direito à educação, por meio da revogação da “reorganização” que vem impor o fechamento de quase cem escolas no estado de São Paulo.

Destaca-se também a completa omissão perante o recrudescimento da repressão policial contra os jovens, tanto nas escolas ocupadas como nas ruas. Absolutamente nada se falou sobre a decisão do gabinete da Secretaria de Educação de declarar guerra literal aos estudantes, nem sobre as diversas violações aos Direitos Humanos, à Constituição, ao Estatuto da Criança e do Adolescente e a decisões da Justiça, recorrentemente protagonizadas nesse contexto por uma das polícias mais violentas do planeta.

Uma razão para tal mudez é o fato de que Geraldo Alckmin, mesmo sendo um dos maiores inimigos da educação pública no Brasil, é do PSDB, partido que tem tomado posições clara ou implicitamente de direita. É um partido aliado das páginas que foram pesquisadas, compartilha com elas o fanático desejo pelo impeachment da presidenta Dilma Rousseff e o compadreado ideológico. Portanto, é de se esperar que tais fanpages protejam tucanos, por mais autoritários, antidemocráticos, antipopulares e repressores que sejam – tendo sido isso visto também no final de abril.

Também foi tumular o silêncio perante o show de autogestão que os estudantes têm dado nas escolas ocupadas, promovendo a organização interna que, ao longo de anos, o Estado e a diretoria têm se recusado a fazer. Os únicos momentos em que a atuação deles foi mencionada foi de maneira negativa, para acusá-los de não criticarem o governo federal e serem mancomunados com movimentos sociais e partidos.

Essa segunda “acusação”, se muito, se aplica a apenas alguns jovens. E mesmo assim, não há nenhum demérito em ser filiado a partidos ou coletivos de luta, sendo isso na verdade o mais justo exercício da cidadania democrática e constitucional. A oposição de algumas das fanpages de direita mencionadas aos estudantes por causa desses banais motivos deixa claro o quanto essas páginas são avessas aos mais fundamentais valores democráticos, sejam estes da democracia direta ou da representativa.

O que se viu nessas páginas, ao invés, foi um foco quase exclusivo à abertura do processo de impeachment contra a presidenta Dilma, além de alguns ataques periféricos a outros nomes do PT, como Lula e Delcídio do Amaral, e alusões críticas à crise econômica. Ficou muito evidente que a intenção da direita brasileira é manipular a opinião pública, de modo que esta acredite piamente que os problemas causados por petistas são os únicos males vigente no Brasil, e usá-la como massa de manobra para retirar de vez o PT do poder e transferi-lo ao PMDB de Michel Temer, um potencial futuro presidente ainda mais conservador e antipopular do que Dilma.

É notável, aliás, que tais ataques a Dilma e ao PT, na maioria das vezes, são munidos de uma linguagem muito raivosa, agressiva, incitadora do ódio político e da irracionalidade. Combinando essa apologia incitatória ao ódio com o total descaso perante o movimento democrático estudantil em São Paulo e a repressão militar por ele sofrida, fica transparente, de tão claro, que a direita brasileira odeia a democracia e a usa apenas para fins demagógicos: manipular o povo em torno de conveniências particulares de seus representantes políticos e formadores de opinião.

Nessa história toda, fica fortemente evidente que a direita no Brasil não se importa com a educação escolar das crianças e dos adolescentes. E por tabela, não dá a mínima para os mais basilares valores democráticos. Para ela, o povo é apenas uma massa a ser controlada, marionetizada e manipulada, de modo que reivindique acriticamente, sem pensar, o que seus representantes mais antidemocratas querem. Fica lógico por quê esse descaso para com a educação: a ignorância das pessoas interessa politicamente para os direitistas engajados.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

354 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Lucas Figueira

10 de dezembro de 2015 às 12h53

Eu sei bem o por quê deles não se importarem com a educação PÚBLICA brasileira. Ninguém quer um aluno de escola pública “roubando” a vaga do seu filhinho nas universidades públicas. Poxa, isso é injusto! O papai e a mamãe pagou cursinho, escola particular, os pais dos alunos de escola pública “não pagam” nada. Cadê a meritocracia?!

Responder

Lucas Figueira

10 de dezembro de 2015 às 12h53

Eu sei bem o por quê deles não se importarem com a educação PÚBLICA brasileira. Ninguém quer um aluno de escola pública “roubando” a vaga do seu filhinho nas universidades públicas. Poxa, isso é injusto! O papai e a mamãe pagou cursinho, escola particular, os pais dos alunos de escola pública “não pagam” nada. Cadê a meritocracia?!

Responder

Americo Alvim

07 de dezembro de 2015 às 16h01

Esta foto é sinônimo de educação???

Responder

Clésio Ramos

07 de dezembro de 2015 às 13h15

PSDB de direita? Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk obrigado por alegrarem meu dia

Responder

Clésio Ramos

07 de dezembro de 2015 às 13h15

PSDB de direita? Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk obrigado por alegrarem meu dia

Responder

Claudio Akira Ueno

07 de dezembro de 2015 às 12h42

MERECE SER PRESO!!!!I IMPEACHMENT DE ALCKMIN, CADEIA PARA ELE, ESSE SECRETÁRIO DA EDUCAÇÃO, OS POLICIAIS EM ABUSO DO PODER E DEVOLVAM NOSSO DINHEIRO!!!!!!!

Responder

H. Romeu Pinto

07 de dezembro de 2015 às 10h21

Alguém poderia me explicar desde quando o PSDB é de direita?

Responder

Adilson Tenorio

07 de dezembro de 2015 às 11h27

Vamos abrir os olhos em 2018 o sr Alckmin sera o provavel candidato tucano ao planalto , sao tao burros que sabotam a propria candidatura .

Responder

Adilson Tenorio

07 de dezembro de 2015 às 11h27

Vamos abrir os olhos em 2018 o sr Alckmin sera o provavel candidato tucano ao planalto , sao tao burros que sabotam a propria candidatura .

Responder

Rocha Rocha

07 de dezembro de 2015 às 11h18

vamos combinar, o governado de sp, do psdb. junto com o pmdb, MOSTRARÃO, COMO ELES QUEREM GOVERNAR O BRASIL, OU SEJA SEM DIALAGO, SO NA PORRADA, VAMOS PENSAR.

Responder

Rocha Rocha

07 de dezembro de 2015 às 11h18

vamos combinar, o governado de sp, do psdb. junto com o pmdb, MOSTRARÃO, COMO ELES QUEREM GOVERNAR O BRASIL, OU SEJA SEM DIALAGO, SO NA PORRADA, VAMOS PENSAR.

Responder

Francisco Bezerra

07 de dezembro de 2015 às 11h08

Que postagem absurda! Kkkkkk A Direita brasileira não se importa com a Educação… Mas que Direita? Considerar PSDB de direita é muita ignorância..

Responder

Messias Fabio

07 de dezembro de 2015 às 11h02

Kkkkkkkkkkk
O PSDB agora é partido de direita.

Responder

Lucas Flavio Flavio

07 de dezembro de 2015 às 11h02

OS ESTUDANTES PAULISTANOS, CONSEGUIRÃO DESMASCARAR O PSDB.E PMDB, ELES REVELARÃO COMO ELES QUEREM GOVERNAR O BRASIL, SOU SEJA REGIME MILITAR DE NOVO, SEM DIALAGO, SO NA PORRADA.

Responder

Joel Silva

07 de dezembro de 2015 às 09h58

Apoia se você puder pagar por ela!!!

Responder

Marcelo Maico

07 de dezembro de 2015 às 01h05

Esquerda de merda… Esse esquerdista do Geraldo Alckmin é um bunda mole. Interrompeu uma medida que os EUA fez na década de 70 e em Barueri já funciona a muito tempo de forma exitosa. Mas, ainda estamos reféns desses vagabundos.

O sistema cognitivo desses imbecis é tão preguiçoso que os tornam como os petistas, futuros inscritos no bolsa familia e comedores de pão com mortadela em protestos “em pró da democracia”

Responder

Marcelo Maico

07 de dezembro de 2015 às 01h05

Esquerda de merda… Esse esquerdista do Geraldo Alckmin é um bunda mole. Interrompeu uma medida que os EUA fez na década de 70 e em Barueri já funciona a muito tempo de forma exitosa. Mas, ainda estamos reféns desses vagabundos.

O sistema cognitivo desses imbecis é tão preguiçoso que os tornam como os petistas, futuros inscritos no bolsa familia e comedores de pão com mortadela em protestos “em pró da democracia”

Responder

Wellington Gomes

06 de dezembro de 2015 às 23h31

Cafezinho buceta

Responder

Henrique Moraes

06 de dezembro de 2015 às 23h10

À esquerda corta 9 Bi e ainda tem que ler isso? É piada de mau gosto! Site comprado!

Responder

Henrique Moraes

06 de dezembro de 2015 às 23h10

À esquerda corta 9 Bi e ainda tem que ler isso? É piada de mau gosto! Site comprado!

Responder

José Antônio Santos De Aviz Aviz

06 de dezembro de 2015 às 22h54

eles não tão nen aí com ó povo brasileiro…

Responder

José Antônio Santos De Aviz Aviz

06 de dezembro de 2015 às 22h54

eles não tão nen aí com ó povo brasileiro…

Responder

Roberto Andrade Costa

06 de dezembro de 2015 às 22h35

É claro que não! A classe mais abastarda não gosta da educação pública de massas. Se esta melhora, aumenta a concorrência por profissões, posições na sociedade mediante concursos público e maiores salários. Ela, classe abastarda, se vê ameaçada com uma melhoria da educação das massas e ela quer essa massa distante dela. Ainda pensam como no período anterior a 1889, ela é a “casa grande” e a massa é a “senzala”, manter a distância é um mecanismo para evitar a ameaça a sua reprodução.

Responder

Roberto Andrade Costa

06 de dezembro de 2015 às 22h35

É claro que não! A classe mais abastarda não gosta da educação pública de massas. Se esta melhora, aumenta a concorrência por profissões, posições na sociedade mediante concursos público e maiores salários. Ela, classe abastarda, se vê ameaçada com uma melhoria da educação das massas e ela quer essa massa distante dela. Ainda pensam como no período anterior a 1889, ela é a “casa grande” e a massa é a “senzala”, manter a distância é um mecanismo para evitar a ameaça a sua reprodução.

Responder

Océlio Teixeira de Souza

06 de dezembro de 2015 às 22h34

E os 10 bilhões cortados pela presidente???

Responder

Océlio Teixeira de Souza

06 de dezembro de 2015 às 22h34

E os 10 bilhões cortados pela presidente???

Responder

Dorival Siqueira

06 de dezembro de 2015 às 21h10

QUANDO FALTA OQUE VENDER ? ELE QUER VENDER AS ESCOLAS

Responder

Dorival Siqueira

06 de dezembro de 2015 às 21h10

QUANDO FALTA OQUE VENDER ? ELE QUER VENDER AS ESCOLAS

Responder

Antonino Barros

06 de dezembro de 2015 às 19h48

Quem tem menos de 51 anos de idade nao sabe na pratica o que e essa DIREITA do Brasil. Eles nao medem esforço pelo poder. Ate matar eles sao capazes. CUIDADO.

Responder

Ricardo Neri

06 de dezembro de 2015 às 18h38

Direita nem esquerda e nem o centro!

Responder

André Castro

06 de dezembro de 2015 às 18h36

Esquerda e direita, vamos deixar isso de lado e saber realmente o q foi feito pela educação desse país! !
Uma merda! A isso se resume a educação do país, e o governo alckimim tem uma das melhores educações do país, quem são os PTRALHAS !! Fora Dilma! !!

Responder

    Antonino Barros

    06 de dezembro de 2015 às 19h53

    Enuanto o Governo Gederal abre Universidades e Escolas Tecnicas os PSDBostas querem fechar. Isso e o que voces chamam de Governo?

    Responder

    Antonino Barros

    06 de dezembro de 2015 às 19h56

    Federal e nao Gederal.

    Responder

Paulo Sergio Verne

06 de dezembro de 2015 às 18h33

O Brasil está nessa posição porque a maior parte dos estudantes de hoje não quer saber de estudar, e quando vão à escola fazem tudo menos estudar, os professores de hoje perderam o estimulo, não tem mais autonomia numa sala de aula, quem manda são os alunos que fazem o que bem entender, e quando uma professora toma alguma atitude está arriscada a apanhar dos alunos e até de seus pais. Na minha época, as escolas eram mais precárias, porém mais rígidas, nela se aprendia a ser educado e a ter cultura, hoje não, educação se adquire em casa, e cultura nas escolas, isso quando os alunos estão a fim de aprender.

Responder

Vera Lu Cruz

06 de dezembro de 2015 às 18h31

Gás de pimenta, porrada, bomba e tiro em cima de estudantes !!!Pode ??? Em SP parece normal. Quero ver quais professores ainda continuarão votando no PSDB depois dessa. Pq desde Mário Covas os professores e estudantes são mal tratados. Mas uma grande parte de professores, que se consideram elite, ou inteligentes tem votado sistematicamente nos tucanos. É verdade, sim !!!

Responder

Paulo Alves Monteiro

06 de dezembro de 2015 às 18h21

Na próxima eleição quando um partido de direita ( PSDB , DEM …. ) colocar no programa de governo , educação , desconfie , eles estão mentindo !!

Responder

Jandir Alves

06 de dezembro de 2015 às 18h20

Ehhh PTralhada tá chegando o fim !

Responder

Paulo Gatti Jr.

06 de dezembro de 2015 às 18h18

ué não foi o PT que cortou verba da educação? cada uma viu!

Responder

Ricardo Edmundo Cecconello

06 de dezembro de 2015 às 18h15

A TODOS OS CATÓLICOS, PROTESTANTES, E DEMAIS HOMENS DE BEM DO BRASIL

CARTA PÚBLICA QUE DOM ORVANDIL BARBOSA ESCREVEU PARA A PRESIDENTA DILMA ( De utilidade para todos os brasileiros de bem)

“Senhora Presidenta Dilma Roussef,

A senhora é a pessoa que mais tem poder de mobilização. Ao libertar-se de uma presidência burocrática e tímida a senhora encontrará na unidade de nosso povo as forças para romper e esfarinhar o golpe sujo.
A senhora tem o poder de convocar cadeias de rádio e televisão para chamar o povo. Ninguém tem essa privilegiada prerrogativa. Use-a a nosso favor, querida Presidenta Dilma.
Ao vir para a planice a senhora encontrará riscos de segurança com insanos que a querem matar. Mas também não há ninguém que conte com tanto aparato de segurança de uma pessoa quanto a senhora.
Lembre-se de que nenhum de nós conta com qualquer esquema de segurança que proteja a vida quanta a senhora. Aqui no vale nacional somos assaltados e mortos todos os dias, principalmente os pobres, mulheres e negros.
Ao vir para cá, prezada Presidenta, construirá a mais gigantesca e histórica respeitabilidade como a mulher que veio às ruas para, a partir daí, defender nosso povo e a Pátria dos golpes dos insanos que derrubam CPMF para depois, nas campanhas eleitorais, mentirem que o sistema de saúde é ruim por causa de Lula e de Dilma; que derrubam os direitos para depois acusarem-na de nada fazer pelo povo que a elegeu.
Ao nosso lado a senhora ajudará a nos defender do cinismo e da hipocrisia que viram alienação e ódio entre irmãos.
Ao nosso lado a senhora ajudará muito mais a defender a democracia do que nas articulações palacianas.
Lembre-se Presidenta de que o povo escolhe para presidir e liderar o seu País o melhor dentre os seus filhos e filhas.
A senhora e não Michel Temer foi a escolhida para ser nossa Presidenta porque o povo a vê como a mais capaz entre o seus filhos.
A senhora é a melhor filha deste povo. A senhora é nossa melhor irmã.”

Dom Orvandil Moreira Barbosa é formado em Teologia pelo Instituto João Wesley de Porto Alegre, Licenciado em Filosofia pela Universidade de Passo Fundo, Estado do Rio Grande do Sul, Mestre em Filosofia e Teologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Doutorando em Filosofia e Teologia. É professor universitário, entusiasta dos Direitos Humanos, Presidente da Ibrapaz e no aprofundamento do estudo bíblico na perspectiva das lutas sociais do amor ao próximo.

O Bispo profere palestras na área das Ciências Humanas e Sociais, Filosofia e Teologia. O seu Lema episcopal é “Proclamar libertação”.

Responder

Meire Souza

06 de dezembro de 2015 às 18h15

Sem violência nenhuma, com uma união de fazer inveja, os estudantes das escolas públicas deram uma aula a todos nós professores de como reivindicar direitos.

Responder

Rodrigo Figueiredo

06 de dezembro de 2015 às 18h03

Nem a direita e nem a pseudoesquerda, sendo que esta última financia este blog, ambos estão preocupados apenas com o poder!!!!

Responder

Helio Orgolini

06 de dezembro de 2015 às 17h37

Qual educação?

A desses desordeiros vagabundos, mais preocupados em filosofar na sala de aula do que em estudar?

Alguém já leu que uma das escolas ocupadas foi saqueada?

Por larápios?

Não, pegaram alguns dos “estudantes” com o aparelho de som e alguns monitores.

Outra coisa:

Quem disse que o PSDB é direita?

Só no mundo da imaginação dos esquerdopatas empedernidos.

Responder

    Maria Arminda Kacinskas

    07 de dezembro de 2015 às 02h23

    As ciências e tudo o que é passado nas escolas são fruto de filosofar, ou pensar, se não queremos que pensem estamos criando robôs introjetada e programamos através do currículo vendido das escola públicas.

    Responder

    Helio Orgolini

    07 de dezembro de 2015 às 10h27

    São esses “robôs” que fazem países como Coréia do Sul, Alemanha, Estados Unidos e Japão, entre muitos outros, tornarem-se nações ricas, cultas e avançadas em todas as áreas de conhecimento e atuação.

    País com muito nhém nhém nhém em sala de aula só serve para formar acomodados e marginais.

    Responder

Alexandro Dorner

06 de dezembro de 2015 às 17h22

esse e o jeito de governar do psdb essa e a forma de governo de Geraldo Alquimi , truculencia , tirania , etc…. imagina se o Aecio tive-se ganhado as eleiçoes no ano passado ? imagina como esse brasilzao estaria ? um caus so´, no que depender de mim psdb nunca mais .

Responder

Sidney Gandra

06 de dezembro de 2015 às 17h05

Se a direita ou a esquerda pensasse na educação, ela não estaria nessa lama em que se encontra.

Responder

    Anônimo

    06 de dezembro de 2015 às 16h11

    Quanto à educação se o Pt não se importa com a educação quem mais se importa. O FHC DO PSDB proibiu a construção de escolas técnicos, não construiu nenhuma universidade. O Pt criou inúmeros projetos educacionais . Criou 18 universidades públicas, criou centenas de escolas técnicos, criou o prouni , fies, ciência sem fronteiras, cotas para negros e outros, e vocês vem dizer-lhe a esquerda não quer dar educação! Oras bolas o congressotem que mudar a constituição pois a escola primária e média e responsabilidade e de competência do governo municipal e estadual. O Pt criou o brasil carinhoso que é para creches. Distribuiu mais de seis BILHÕES de reais. É só ir no. Portal da transparência e ver . Oras! Se seu prefeito desviou o dinheiro é vc não vai lá conferir e cobrar não culpe o PT, faz a sua parte! Fiscalize!

    Responder

Vera Lúcia Leopoldo

06 de dezembro de 2015 às 16h43

Se defendessem o Brasil nao era o atraso que e. Elles administraram durante 500 anos…

Responder

Luiz Guilherme Palhares

06 de dezembro de 2015 às 16h25

Movimento safado infiltrado por militantes comunistas para desestruturar o governador, que por sua vez foi estúpido ao não discutir o tema com a comunidade. Não estou do lado de ninguém e parem de bloquear mas avenidas.

Responder

Luiz Afonso

06 de dezembro de 2015 às 16h25

Não que eu esteja defendendo o PSDB. Mas a desonestidade intelectual precisa ser cortada pela raiz. Primeiro, chamar PSDB de direita é no mínimo engraçado. Como é que o Ari Toledo nunca pensou nisso? Segundo, a educação no país nunca foi levada a sério. Só no governo Dilma, os cortes foram bilionários! Bolsas cortadas, atrasadas, universidades caindo aos pedaços, e tudo o que nós já sabemos.

Responder

Ana Paula Moritz

06 de dezembro de 2015 às 16h07

Felipe

Responder

Ana Paula Moritz

06 de dezembro de 2015 às 16h07

Felipe

Responder

Vania Neves

06 de dezembro de 2015 às 16h00

Que isso fique muito claro pro eleitorado….pq não é a direita que elege e sim o povo…que cenas como esta não se apague da memoria …isso tem que estar muito evidente no próximo ano…

Responder

Vania Neves

06 de dezembro de 2015 às 16h00

Que isso fique muito claro pro eleitorado….pq não é a direita que elege e sim o povo…que cenas como esta não se apague da memoria …isso tem que estar muito evidente no próximo ano…

Responder

Spartacos Cladiador

06 de dezembro de 2015 às 15h51

Verdade verdadeira, os salafrários que tomar conta do país e mitar

Responder

Spartacos Cladiador

06 de dezembro de 2015 às 15h51

Verdade verdadeira, os salafrários que tomar conta do país e mitar

Responder

Iara Finger Brittes

06 de dezembro de 2015 às 15h46

“Eu acredito é na rapaziada!!!” Gonzaguinha, como fazes falta!!!

Responder

Iara Finger Brittes

06 de dezembro de 2015 às 15h46

“Eu acredito é na rapaziada!!!” Gonzaguinha, como fazes falta!!!

Responder

Fabiana Pereira

06 de dezembro de 2015 às 15h40

Nem a esquerda …

Responder

Fabiana Pereira

06 de dezembro de 2015 às 15h40

Nem a esquerda …

Responder

Luis Carlos Vilas Boas

06 de dezembro de 2015 às 15h39

N é só a direita.. a esquerda (da bahia) provou o mesmo em 2012 ‘-

Responder

Luis Carlos Vilas Boas

06 de dezembro de 2015 às 15h39

N é só a direita.. a esquerda (da bahia) provou o mesmo em 2012 ‘-

Responder

Túlio Almeida

06 de dezembro de 2015 às 13h39

Todos sabem que quem é contra a educação é o PSDB, que representa a casa grande, o resto, os 95% dos brasileiros por eles PSDB tem que ficarem na senzala se possível sem escola. O PSDB junto com traidores do PMDB vem sabotando o país desde as eleições de 2014.

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/como-dilma-poderia-fazer-mais-do-que-fez-sendo-sabotada-desde-antes-de-assumir-o-novo-mandato-por-paulo-nogueira/

Responder

Alvaro Freitas

06 de dezembro de 2015 às 15h29

Bem diferente do Collor, a populaçao sai para as ruas dizendo… NAO VAI TER GOLPE!!! Esses golpistas teráo que ser enquadrados na lei de seguran;ca nacional artigo 23

Responder

Alvaro Freitas

06 de dezembro de 2015 às 15h29

Bem diferente do Collor, a populaçao sai para as ruas dizendo… NAO VAI TER GOLPE!!! Esses golpistas teráo que ser enquadrados na lei de seguran;ca nacional artigo 23

Responder

J Vicente S Filho

06 de dezembro de 2015 às 15h21

Responder

J Vicente S Filho

06 de dezembro de 2015 às 15h21

Responder

Waldir Zimmermann

06 de dezembro de 2015 às 15h21

Provou que quem manda é o povo…

Responder

Waldir Zimmermann

06 de dezembro de 2015 às 15h21

Provou que quem manda é o povo…

Responder

Sérgio Martins

06 de dezembro de 2015 às 15h21

Que perigo correr com a cadeira assim. Nossa. Se cair será um estrago e tanto.

Responder

Sérgio Martins

06 de dezembro de 2015 às 15h21

Que perigo correr com a cadeira assim. Nossa. Se cair será um estrago e tanto.

Responder

Danilo Frenhani

06 de dezembro de 2015 às 15h16

Psdb de direita????????? só o proprio psdb não sabe disso, tem que avisa-los , quando alguem ver Serra, aécio e esse maldito desse Chuchu, da esse toque pra eles.

Responder

Danilo Frenhani

06 de dezembro de 2015 às 15h16

Psdb de direita????????? só o proprio psdb não sabe disso, tem que avisa-los , quando alguem ver Serra, aécio e esse maldito desse Chuchu, da esse toque pra eles.

Responder

Murilo Domingues

06 de dezembro de 2015 às 15h02

Ah então tem nerds que acha que existe direita e esquerda no país KAKAKAKKAKAKAKAKAKAKAKA Que inocência…

Responder

Ana Taís Camurça

06 de dezembro de 2015 às 14h57

Isabella Plens lê

Responder

João Luccas Novaes

06 de dezembro de 2015 às 14h49

Eu sei o que eles defendem…

Responder

Albaney Guedes Baylão

06 de dezembro de 2015 às 14h40

No mesmo ano em que a esquerda cortou 10 bilhões da educação….

Responder

Julio Martins

06 de dezembro de 2015 às 14h32

E os cortes nas verbas destinada à educação que a presidente cortou?

Responder

Nathalia Regina Pinto

06 de dezembro de 2015 às 14h26

Rafael Fais ontem estava vazio, mas dia 13 será balada! :/

Responder

Josiana Nietz

06 de dezembro de 2015 às 14h22

Af

Responder

Verônica Alferes

06 de dezembro de 2015 às 14h20

Bom ver estudantes se manifestando, coisa que a Ditadura Militar “matou”… Está mais do que na hora da população cobrar os seus direito, fazer valer os inúmeros impostos que pagamos, está mais do que na hora de mostrar que a força e a união de um povo pode sim derrubar políticos incompetentes e corruptos, não importando de qual partido sejam…

Responder

Diego Araújo

06 de dezembro de 2015 às 14h16

A esquerda provou muito antes, quando a Dilmãe cortou bilhões do orçamento da educação (pátria educadora)

Responder

Jorge Moreira

06 de dezembro de 2015 às 14h11

O dia que os estudantes saíram para defender as escolas, quebraram mesas, cadeiras, furtaram computadores e incendiaram salas de aulas,desapareceram com computadores,danificaram as instalações.
Isso pra defender a escola!
Eu estou com medo quando disserem que vão atacar as escolas

Responder

Jorge Moreira

06 de dezembro de 2015 às 14h11

O dia que os estudantes saíram para defender as escolas, quebraram mesas, cadeiras, furtaram computadores e incendiaram salas de aulas,desapareceram com computadores,danificaram as instalações.
Isso pra defender a escola!
Eu estou com medo quando disserem que vão atacar as escolas

Responder

Paulo Lima

06 de dezembro de 2015 às 13h59

Este é o resultado da Zika Tucanus Vírus que contamina o cérebro da direita raivosa causando microcefalia política. O remédio? LUTOL. Só a luta a vida muda.

Responder

Paulo Lima

06 de dezembro de 2015 às 13h59

Este é o resultado da Zika Tucanus Vírus que contamina o cérebro da direita raivosa causando microcefalia política. O remédio? LUTOL. Só a luta a vida muda.

Responder

Thai Ribeiro

06 de dezembro de 2015 às 13h55

No inicio do ano tbm.

Responder

Thai Ribeiro

06 de dezembro de 2015 às 13h55

No inicio do ano tbm.

Responder

José Orlando Fidelis Abreu

06 de dezembro de 2015 às 13h52

Exato!

Responder

José Orlando Fidelis Abreu

06 de dezembro de 2015 às 13h52

Exato!

Responder

Gustavo Gayer

06 de dezembro de 2015 às 13h51

Psdb é de direita agora??? Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Responder

Gustavo Gayer

06 de dezembro de 2015 às 13h51

Psdb é de direita agora??? Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Responder

Roberto Oliveira

06 de dezembro de 2015 às 13h49

Responder

Roberto Oliveira

06 de dezembro de 2015 às 13h49

Responder

Alan Cardoso

06 de dezembro de 2015 às 13h45

PT #patria_educadora – so que nao.

Responder

Alan Cardoso

06 de dezembro de 2015 às 13h45

PT #patria_educadora – so que nao.

Responder

Alan Cardoso

06 de dezembro de 2015 às 13h45

PT #patria_educadora – so que nao.

Responder

Antonio Espinosa

06 de dezembro de 2015 às 13h39

Parabéns aos jovens estudantes que se mobilizaram e fizeram o governo recuar.

Responder

Antonio Espinosa

06 de dezembro de 2015 às 13h39

Parabéns aos jovens estudantes que se mobilizaram e fizeram o governo recuar.

Responder

Antonio Espinosa

06 de dezembro de 2015 às 13h39

Parabéns aos jovens estudantes que se mobilizaram e fizeram o governo recuar.

Responder

Ká Correia

06 de dezembro de 2015 às 13h36

A direira tucanista ñ presta(a nivel estadual) e qual é a diferença da esquerda Petista (a nivel de brasil)…nem uma.

Responder

Ká Correia

06 de dezembro de 2015 às 13h36

A direira tucanista ñ presta(a nivel estadual) e qual é a diferença da esquerda Petista (a nivel de brasil)…nem uma.

Responder

Ká Correia

06 de dezembro de 2015 às 13h36

A direira tucanista ñ presta(a nivel estadual) e qual é a diferença da esquerda Petista (a nivel de brasil)…nem uma.

Responder

Benedito Reis

06 de dezembro de 2015 às 13h36

Hélder acorde! você está sonhando não seja burro.

Responder

Benedito Reis

06 de dezembro de 2015 às 13h36

Hélder acorde! você está sonhando não seja burro.

Responder

Benedito Reis

06 de dezembro de 2015 às 13h36

Hélder acorde! você está sonhando não seja burro.

Responder

Ricardo Garcia

06 de dezembro de 2015 às 13h32

Porquê votam em gente que não presta?

Responder

Ricardo Garcia

06 de dezembro de 2015 às 13h32

Porquê votam em gente que não presta?

Responder

Ricardo Garcia

06 de dezembro de 2015 às 13h32

Porquê votam em gente que não presta?

Responder

Laurice Barbosa da Silva

06 de dezembro de 2015 às 13h29

Criticar é fácil, solução ninguém apresenta, só sabem bombardear.

Responder

Laurice Barbosa da Silva

06 de dezembro de 2015 às 13h29

Criticar é fácil, solução ninguém apresenta, só sabem bombardear.

Responder

Laurice Barbosa da Silva

06 de dezembro de 2015 às 13h29

Criticar é fácil, solução ninguém apresenta, só sabem bombardear.

Responder

Daniel Sandes

06 de dezembro de 2015 às 13h29

Adinam

Responder

Daniel Sandes

06 de dezembro de 2015 às 13h29

Adinam

Responder

Daniel Sandes

06 de dezembro de 2015 às 13h29

Adinam

Responder

Lucia Reis

06 de dezembro de 2015 às 13h21

É o vamos conversar do psdb.

Responder

Lucia Reis

06 de dezembro de 2015 às 13h21

É o vamos conversar do psdb.

Responder

Lucia Reis

06 de dezembro de 2015 às 13h21

É o vamos conversar do psdb.

Responder

Pedro Macedo

06 de dezembro de 2015 às 13h13

A Direita apenas se importa com seus privilégios e benesses, todo o resto é cosmético para essa gente…

Responder

Boris Aled

06 de dezembro de 2015 às 13h13

“Direita”. Desde quando PSDB é Direita. Que burros!!

Responder

Guilherme Gehres

06 de dezembro de 2015 às 13h06

Desde quando PSDB e PMDB é d direita??? Quero parabenizar essa página, pois acho incrível o modo como vcs manipulam a informação e os seus seguidores…parabéns!!!

Responder

Andrey Soares

06 de dezembro de 2015 às 13h04

Qual direita?! PSDB é direita?! Ainda n existe uma direita no país, uma oposição sim, mas direita n!

Responder

Maria Regina Novaes

06 de dezembro de 2015 às 13h04

Será que a população vai ver ou vai continuar com viseira?

Responder

Max Miller

06 de dezembro de 2015 às 13h02

Chegou a hora do enfrentamento vamos colocar a direita golpista para correr…

Responder

Debora Wanderley

06 de dezembro de 2015 às 13h00

O simbolismo de usar a carteira escolar como escudo diz muito da mensagem que estes estudantes querem passar. Acordem governantes deste país que precisa mais que tudo de boa educação ou, quem sabe é justamente isto que estes não querem.

Responder

Alex Coimbra

06 de dezembro de 2015 às 12h55

O erro começa quando vocês consideram o PSDB representante da direita. No Brasil não há direita. Há esquerda contra esquerda. E a esquerda faz, como em publicações tendenciosas para ludibriar incautos (como essa), parecer que uma das esquerdas eh direita! Terrível! Desinformação!

Responder

    Boris Aled

    06 de dezembro de 2015 às 13h14

    E outra, como levar à sério esses “estudantes” ou essas “manifestações” que não reclamaram quando a Dilma CORTOU 9 BILHÕES do orçamento da Educação?

    Responder

    Boris Aled

    06 de dezembro de 2015 às 13h14

    E outra, como levar à sério esses “estudantes” ou essas “manifestações” que não reclamaram quando a Dilma CORTOU 9 BILHÕES do orçamento da Educação?

    Responder

    Boris Aled

    06 de dezembro de 2015 às 13h14

    E outra, como levar à sério esses “estudantes” ou essas “manifestações” que não reclamaram quando a Dilma CORTOU 9 BILHÕES do orçamento da Educação?

    Responder

    Pedro Macedo

    06 de dezembro de 2015 às 13h18

    Alckmin, caros coxinhas, fez pior do que cortar verba, cortou a própria educação do Estado…

    Responder

    Pedro Macedo

    06 de dezembro de 2015 às 13h18

    Alckmin, caros coxinhas, fez pior do que cortar verba, cortou a própria educação do Estado…

    Responder

    Pedro Macedo

    06 de dezembro de 2015 às 13h18

    Alckmin, caros coxinhas, fez pior do que cortar verba, cortou a própria educação do Estado…

    Responder

    J Cabral Silva

    06 de dezembro de 2015 às 13h26

    Sempre acaba na Dilma. E como isso não aconteceu em outros estados….só em SP.

    Responder

    J Cabral Silva

    06 de dezembro de 2015 às 13h26

    Sempre acaba na Dilma. E como isso não aconteceu em outros estados….só em SP.

    Responder

    J Cabral Silva

    06 de dezembro de 2015 às 13h26

    Sempre acaba na Dilma. E como isso não aconteceu em outros estados….só em SP.

    Responder

    Higor Diniz

    06 de dezembro de 2015 às 14h09

    Boa man, infelizmente existe uma massa com essa pseudo-visão de esquerda que acha que isso acontece na prática em nosso País, pelo fato do atual governo ser o PT. Queria ver esses “intelectuais” viverem sob um governo do tipo Maduro…

    Responder

    Higor Diniz

    06 de dezembro de 2015 às 14h09

    Boa man, infelizmente existe uma massa com essa pseudo-visão de esquerda que acha que isso acontece na prática em nosso País, pelo fato do atual governo ser o PT. Queria ver esses “intelectuais” viverem sob um governo do tipo Maduro…

    Responder

    Higor Diniz

    06 de dezembro de 2015 às 14h09

    Boa man, infelizmente existe uma massa com essa pseudo-visão de esquerda que acha que isso acontece na prática em nosso País, pelo fato do atual governo ser o PT. Queria ver esses “intelectuais” viverem sob um governo do tipo Maduro…

    Responder

    Abdias Donato Campos

    06 de dezembro de 2015 às 14h33

    Conta outra Alex Coimbra … essa foi de matar. Demotucanalhas, vendilhões da Pátria, entreguistas serem de esquerda. hahhahhahaha….

    Responder

    Anderson Roberto DA Silva Barros

    06 de dezembro de 2015 às 15h14

    Ué, estão dispensando o Alckimim? Agora ele é de “esquerda”?

    Responder

    Anderson Roberto DA Silva Barros

    06 de dezembro de 2015 às 15h14

    Ué, estão dispensando o Alckimim? Agora ele é de “esquerda”?

    Responder

    Laerte Stoever

    06 de dezembro de 2015 às 15h44

    Concordo plenamente.

    Responder

    Laerte Stoever

    06 de dezembro de 2015 às 15h44

    Concordo plenamente.

    Responder

    Matthäus Martins

    06 de dezembro de 2015 às 16h08

    Sabia q ia ter no mínimo um ser inteligente nesse meio. Bela análise amigo.

    Responder

    Matthäus Martins

    06 de dezembro de 2015 às 16h08

    Sabia q ia ter no mínimo um ser inteligente nesse meio. Bela análise amigo.

    Responder

    Helio Orgolini

    06 de dezembro de 2015 às 17h40

    Alex Coimbra é a água cristalina no meio da lama intelectual desses famigerados “vermelhos”.

    A Argentina já limou a esquerda, em breve o Brasil se livrará dessa porcaria.

    Responder

    Jorge Menezes

    06 de dezembro de 2015 às 21h50

    O PSDB é esquerda?Quase caí da cadeira!

    Responder

    Jorge Menezes

    06 de dezembro de 2015 às 21h59

    E evidentemente o Cafezinho é assumidamente de esquerda e tendencioso,o que não é problema em um país onde não há na mídia diversidade de pensamento,apenas uma ladainha monocórdia direitista e onde um jornalista para conseguir emprego têm que reproduzir a cartilha do patrão.Há muitos incautos no país,muitos e o tempo vai confrontá-los com a realidade,como confrontou o discurso moralista do petismo.

    Responder

    Alex Coimbra

    06 de dezembro de 2015 às 22h02

    E não que seja necessário, mas há no YouTube um fatídico vídeo em que o Sr. Lula (símbolo máximo dessa geração vermelha que aí está) comemora o fato de não existirem candidatos de direita disputando a presidência da república em 2010 (naquele ano os principais candidatos eram do PT, PSOL, PV e, obviamente, PSDB – NENHUM de direita). https://www.youtube.com/watch?v=14GIcCGpVBw

    Responder

    Tania Braga

    07 de dezembro de 2015 às 15h34

    hahahahahahhahahahaha Piadista

    Responder

Christian Paul

06 de dezembro de 2015 às 12h54

André Müller os comentários são ótimos também

Responder

Jussi Rocha

06 de dezembro de 2015 às 12h51

Direita apoiando a educação pública??? Desde quando??? Pra direita, os pobres JAMAIS deveriam ter deixado de ser os braços da sociedade! Ser “cabeça” deste sistema, sempre foi privilégio exclusivo dos seus “ilustres filhos”! E agora, quem vai pra cozinha, quem vai lavar o chão e as privadas destes, que sempre se consideraram os “escolhidos”, os “iluminados”??? Este é o maior problema dos coxinhas brasileiros… Este é o maior potencializador do ódio contra os gover nos Lula e Dilma!

Responder

    Roberto Brito

    06 de dezembro de 2015 às 14h12

    Estava concordando com tudo que você escreveu até ler DILMA ou LULA.

    Responder

    Roberto Brito

    06 de dezembro de 2015 às 14h12

    Estava concordando com tudo que você escreveu até ler DILMA ou LULA.

    Responder

    Roberto Brito

    06 de dezembro de 2015 às 14h12

    Estava concordando com tudo que você escreveu até ler DILMA ou LULA.

    Responder

    Jussi Rocha

    06 de dezembro de 2015 às 14h33

    Não são Santos… No entanto, sem a passagem deles pela presidência deste país , nada disso seria possível! O pobre continuaria contando apenas o serviço pesado e barato e com as doações das “boas almas caridosas” que davam a chance de serem serviçais em seus “abençoados lares cristãos “. Cestas básicas no Natal e agasalhos em campanhas anuais, davam-lhes a doce sensação de dever cumprido…. Inevitável a revolta contra este partido, que tirou não só as mordomias fáceis, mas também a máscara da direita brasileira!

    Responder

    Jose Santos

    07 de dezembro de 2015 às 20h05

    Tenho um amigo que o filho dele trabalha em Presidente Prudente ,fazendo manutenção de máquinas de ordenhas. Na época das eleições um fazendeiro chegou a ele e disse: ” Quero que o Aécio ganhe pra vcs voltarem a trabalhar por um prato de comida”.

    Responder

    Jose Santos

    07 de dezembro de 2015 às 20h05

    Tenho um amigo que o filho dele trabalha em Presidente Prudente ,fazendo manutenção de máquinas de ordenhas. Na época das eleições um fazendeiro chegou a ele e disse: ” Quero que o Aécio ganhe pra vcs voltarem a trabalhar por um prato de comida”.

    Responder

    Jussi Rocha

    07 de dezembro de 2015 às 20h32

    É tudo que estes urubus querem!

    Responder

Terezinha Boro

06 de dezembro de 2015 às 12h48

VERDADE !!

Responder

Angelo Neto

06 de dezembro de 2015 às 12h46

mais a esquerda brasileira gosta,pior café do mundo

Responder

Carlos E. M. Gomes

06 de dezembro de 2015 às 12h45

Nomear o PSDB como direita é uma trapaça antiga. Felizmente ainda há pessoas inteligentes no Brasil e essas pessoas estão percebendo e derrubando essa farsa.

Responder

Cristiane Guiroto

06 de dezembro de 2015 às 12h40

Quem tem que ser varrido é o PSDB que não investe em educação, não investe em recursos hídricos, manda a polícia bater em professores e alunos e ainda decreta sigilo para os documentos que provam suas inúmeras cagadas.

Responder

Mauricio Bernardi

06 de dezembro de 2015 às 12h36

Alckmin está ferrado. Ainda bem.

Responder

Larissa Branco

06 de dezembro de 2015 às 12h35

Minas, Fortaleza, Curitiba…que o diga!

Responder

Warner Vanderlei

06 de dezembro de 2015 às 12h23

A esquerda tambem não.

Responder

Maria Pereira

06 de dezembro de 2015 às 12h22

Fora PT.

Responder

Higor Diniz

06 de dezembro de 2015 às 12h18

Que a partir de agora, essas cadeiras sejam utilizadas para sentar as nádegas e estudar…

Responder

André Gouveia

06 de dezembro de 2015 às 12h12

Putz, galerinha ainda ta com esse papo de esquerda-direita do século passado? O PT é esquerda? Conta outra! Tem 13 anos no poder e manteve a política econômica dos antecessores, mudou o nome de uma bolsa q já existia e, fez mais o q? Esuerda-direita no Brasil? Qual é! Vamo atualizar aí galera!

Responder

Evando Nunes II

06 de dezembro de 2015 às 12h08

Quel é mesmo a educação que existe???

Responder

Pedro Gilberto Nichele

06 de dezembro de 2015 às 12h07

Se houver alguma comissão pra eles… porque não?

Responder

Martinha Morais Torres

06 de dezembro de 2015 às 12h07

Essa reportagem é bastante esclarecedora.

Responder

Everton De Oliveira Dias

06 de dezembro de 2015 às 12h05

Estou Revoltado!#ForaPSDB Sorocaba sp

Responder

Gabriel Rodrigues

06 de dezembro de 2015 às 12h05

Bom dia galera, aqui está uma ótima página para quem é de Esquerda. https://www.facebook.com/Esquerdacultural/?ref=hl

Responder

Gf Andrezão

06 de dezembro de 2015 às 12h05

Ainda tem gente que vota nestes canalhas do PSDB, estão acabando com Brasil…!!!

Responder

Gf Andrezão

06 de dezembro de 2015 às 12h05

Ainda tem gente que vota nestes canalhas do PSDB, estão acabando com Brasil…!!!

Responder

Walter Pereira de Sousa

06 de dezembro de 2015 às 12h02

É ASSIM QUE ELES GOVERNAM.

Responder

Walter Pereira de Sousa

06 de dezembro de 2015 às 12h02

É ASSIM QUE ELES GOVERNAM.

Responder

Valde Carmo

06 de dezembro de 2015 às 12h01

Lula e Dilma Rousseff tem que deszalcupar pai quanto mas rápido lugar deles e na papuda e lar

Responder

    Gf Andrezão

    06 de dezembro de 2015 às 12h06

    Ta sabendo bem…!!

    Responder

    Valde Carmo

    06 de dezembro de 2015 às 12h11

    Como todos país sabe muito bem do que acotecer não bucado deles tão prezo porque cera

    Responder

Valde Carmo

06 de dezembro de 2015 às 12h01

Lula e Dilma Rousseff tem que deszalcupar pai quanto mas rápido lugar deles e na papuda e lar

Responder

    Gf Andrezão

    06 de dezembro de 2015 às 12h06

    Ta sabendo bem…!!

    Responder

    Valde Carmo

    06 de dezembro de 2015 às 12h11

    Como todos país sabe muito bem do que acotecer não bucado deles tão prezo porque cera

    Responder

Valde Carmo

06 de dezembro de 2015 às 12h01

Lula e Dilma Rousseff tem que deszalcupar pai quanto mas rápido lugar deles e na papuda e lar

Responder

Diana De Castro Teles

06 de dezembro de 2015 às 12h00

Eu boto fé é na rapaziada !

Responder

Diana De Castro Teles

06 de dezembro de 2015 às 12h00

Eu boto fé é na rapaziada !

Responder

Diana De Castro Teles

06 de dezembro de 2015 às 12h00

Eu boto fé é na rapaziada !

Responder

Diana De Castro Teles

06 de dezembro de 2015 às 12h00

Eu boto fé é na rapaziada !

Responder

Moacir

06 de dezembro de 2015 às 09h57

Esse tipo de investigação comprova que a direita privilegia interesses privados acima do Bem Público.

Responder

Gilberto Couto

06 de dezembro de 2015 às 11h53

Ditadura pura

Responder

Gilberto Couto

06 de dezembro de 2015 às 11h53

Ditadura pura

Responder

Gilberto Couto

06 de dezembro de 2015 às 11h53

Ditadura pura

Responder

Gilberto Couto

06 de dezembro de 2015 às 11h53

Ditadura pura

Responder

Jaime Groff

06 de dezembro de 2015 às 11h50

Nomear o social-democrata como sendo de “direita” ainda vai ser visto com saudosismo pela esquerda

Responder

    Maria Regina Cortez

    06 de dezembro de 2015 às 12h02

    Não seria ao contrário? VC nomeando a direita como social democracia. Social democrata só no nome.

    Responder

Jaime Groff

06 de dezembro de 2015 às 11h50

Nomear o social-democrata como sendo de “direita” ainda vai ser visto com saudosismo pela esquerda

Responder

    Maria Regina Cortez

    06 de dezembro de 2015 às 12h02

    Não seria ao contrário? VC nomeando a direita como social democracia. Social democrata só no nome.

    Responder

Jaime Groff

06 de dezembro de 2015 às 11h50

Nomear o social-democrata como sendo de “direita” ainda vai ser visto com saudosismo pela esquerda

Responder

    Maria Regina Cortez

    06 de dezembro de 2015 às 12h02

    Não seria ao contrário? VC nomeando a direita como social democracia. Social democrata só no nome.

    Responder

Jaime Groff

06 de dezembro de 2015 às 11h50

Nomear o social-democrata como sendo de “direita” ainda vai ser visto com saudosismo pela esquerda

Responder

    Maria Regina Cortez

    06 de dezembro de 2015 às 12h02

    Não seria ao contrário? VC nomeando a direita como social democracia. Social democrata só no nome.

    Responder

    Antonio Carlos S. Dias

    06 de dezembro de 2015 às 12h44

    Sinto muito querida. Vc não tem noção do que é direita.

    Responder

    Carlos E. M. Gomes

    06 de dezembro de 2015 às 12h45

    Nomear o PSDB como direita é uma trapaça antiga. Felizmente ainda há pessoas inteligentes no Brasil e essas pessoas estão percebendo e derrubando essa farsa.

    Responder

    Alex Coimbra

    06 de dezembro de 2015 às 13h05

    Eles lutam contra eles mesmos! Na frase “O PT está acabando com o Brasil”, o termo PT pode ser substituído facilmente por PSDB. Só muda a cor.

    Responder

    Maria Regina Cortez

    06 de dezembro de 2015 às 13h32

    o governo Alckmin representa a social democracia….é piada. eu é que não tenho noção?….sei…kkk

    Responder

    Maria Regina Cortez

    06 de dezembro de 2015 às 13h32

    o governo Alckmin representa a social democracia….é piada. eu é que não tenho noção?….sei…kkk

    Responder

    Rodrigo Sevilio

    06 de dezembro de 2015 às 14h12

    O partido nazista também tinha “socialismo” no nome, vai dizer que Hitler era de esquerda por isso? Piada né!?

    Responder

    Rodrigo Sevilio

    06 de dezembro de 2015 às 14h12

    O partido nazista também tinha “socialismo” no nome, vai dizer que Hitler era de esquerda por isso? Piada né!?

    Responder

    Tiago Mello

    06 de dezembro de 2015 às 15h11

    Vai dizer que Hitler era direita? Explique pra eu começar a rir

    Responder

Elaine Loureiro

06 de dezembro de 2015 às 11h47

Dezembro, o mês que a direita mostrou ao jovem pobre (futuros eleitores) que eles não interessam à direita. Alckmin, esta merda vai te enterrar politicamente: obrigada!

Responder

Elaine Loureiro

06 de dezembro de 2015 às 11h47

Dezembro, o mês que a direita mostrou ao jovem pobre (futuros eleitores) que eles não interessam à direita. Alckmin, esta merda vai te enterrar politicamente: obrigada!

Responder

Elaine Loureiro

06 de dezembro de 2015 às 11h47

Dezembro, o mês que a direita mostrou ao jovem pobre (futuros eleitores) que eles não interessam à direita. Alckmin, esta merda vai te enterrar politicamente: obrigada!

Responder

Elaine Loureiro

06 de dezembro de 2015 às 11h47

Dezembro, o mês que a direita mostrou ao jovem pobre (futuros eleitores) que eles não interessam à direita. Alckmin, esta merda vai te enterrar politicamente: obrigada!

Responder

    Boris Aled

    06 de dezembro de 2015 às 13h14

    Como levar à sério esses “estudantes” que não reclamaram quando a DilMANTA CORTOU 9 BILHÕES do orçamento da Educação?

    Responder

    Boris Aled

    06 de dezembro de 2015 às 13h14

    Como levar à sério esses “estudantes” que não reclamaram quando a DilMANTA CORTOU 9 BILHÕES do orçamento da Educação?

    Responder

    Maria De Fatima Oliveira

    06 de dezembro de 2015 às 14h04

    Defende esse ditador, na cara dura!

    Responder

    Maria De Fatima Oliveira

    06 de dezembro de 2015 às 14h04

    Defende esse ditador, na cara dura!

    Responder

    Elaine Loureiro

    06 de dezembro de 2015 às 14h04

    Como levar a sério um bocó que desqualifica uma manifestação legítima e realizada por menores (crianças quase), inclusive comprovadamente estudantes das escolas. Como levar a sério um bocó que quer o PT no centro de todos os problemas de qualquer jeito. Os bons entendedores entenderão. Como levar a sério um bocó que estuda ciências políticas e não entende o significado político deste enfrentamento? A sua barbinha Hipster não o faz moderno ou inteligente: não passa de mais um abestado com pensamentos limitados e ultrapassados.

    Responder

    Elaine Loureiro

    06 de dezembro de 2015 às 14h04

    Como levar a sério um bocó que desqualifica uma manifestação legítima e realizada por menores (crianças quase), inclusive comprovadamente estudantes das escolas. Como levar a sério um bocó que quer o PT no centro de todos os problemas de qualquer jeito. Os bons entendedores entenderão. Como levar a sério um bocó que estuda ciências políticas e não entende o significado político deste enfrentamento? A sua barbinha Hipster não o faz moderno ou inteligente: não passa de mais um abestado com pensamentos limitados e ultrapassados.

    Responder

    Elaine Loureiro

    06 de dezembro de 2015 às 14h05

    Apesar de morar no Rio de Janeiro, sou paulistana e este é um texto da minha irmã, que é apartidária. Foi lá na ocupação e viu o que acontece. https://www.facebook.com/elianaloureiro?fref=ts

    Responder

    Elaine Loureiro

    06 de dezembro de 2015 às 14h05

    Apesar de morar no Rio de Janeiro, sou paulistana e este é um texto da minha irmã, que é apartidária. Foi lá na ocupação e viu o que acontece. https://www.facebook.com/elianaloureiro?fref=ts

    Responder

    Elaine Loureiro

    06 de dezembro de 2015 às 14h05

    Apesar de morar no Rio de Janeiro, sou paulistana e este é um texto da minha irmã, que é apartidária. Foi lá na ocupação e viu o que acontece. https://www.facebook.com/elianaloureiro?fref=ts

    Responder

    Celia Pimentel

    06 de dezembro de 2015 às 15h47

    Valeu muito tbm pela oportunidade que esses jovens tiveram de se interessar pela política. Em várias falas, pelas ruas, os jovens demonstraram pleno conhecimento da causa que defendiam. Diferente do que vimos nos protestos promovidos pelos Golpistas. Orgulhosa dessa juventude!

    Responder

    Celia Pimentel

    06 de dezembro de 2015 às 15h47

    Valeu muito tbm pela oportunidade que esses jovens tiveram de se interessar pela política. Em várias falas, pelas ruas, os jovens demonstraram pleno conhecimento da causa que defendiam. Diferente do que vimos nos protestos promovidos pelos Golpistas. Orgulhosa dessa juventude!

    Responder

    Karol Rodrigues

    06 de dezembro de 2015 às 17h15

    Elaine Loureiro, concordo cm vc ???.

    Responder

    Dylan Heidmann

    07 de dezembro de 2015 às 10h26

    Ainda bem que esse bandido mostrou realmente quem ele é

    Responder

Joelcio Castro

06 de dezembro de 2015 às 11h47

nova modalidade olimpica, carregamento de carteira escolar contra opressores.

Responder

Joelcio Castro

06 de dezembro de 2015 às 11h47

nova modalidade olimpica, carregamento de carteira escolar contra opressores.

Responder

Joelcio Castro

06 de dezembro de 2015 às 11h47

nova modalidade olimpica, carregamento de carteira escolar contra opressores.

Responder

Joelcio Castro

06 de dezembro de 2015 às 11h47

nova modalidade olimpica, carregamento de carteira escolar contra opressores.

Responder

Juliano Santos

06 de dezembro de 2015 às 11h45

Dezembro de 2015 em SP e adicione mais uma data, março de 2015 aqui no PR, naquele massacre contra os professores em Curitiba….

Responder

Juliano Santos

06 de dezembro de 2015 às 11h45

Dezembro de 2015 em SP e adicione mais uma data, março de 2015 aqui no PR, naquele massacre contra os professores em Curitiba….

Responder

Juliano Santos

06 de dezembro de 2015 às 11h45

Dezembro de 2015 em SP e adicione mais uma data, março de 2015 aqui no PR, naquele massacre contra os professores em Curitiba….

Responder

Juliano Santos

06 de dezembro de 2015 às 11h45

Dezembro de 2015 em SP e adicione mais uma data, março de 2015 aqui no PR, naquele massacre contra os professores em Curitiba….

Responder

Jorge Henrique Farias Nagel

06 de dezembro de 2015 às 11h45

Responder

Jorge Henrique Farias Nagel

06 de dezembro de 2015 às 11h45

Responder

Jorge Henrique Farias Nagel

06 de dezembro de 2015 às 11h45

Responder

Jorge Henrique Farias Nagel

06 de dezembro de 2015 às 11h45

Responder

Elisabeth Carvalho Zavaglia Silva

06 de dezembro de 2015 às 11h36

A geração do futuro fazendo a política certa.!

Responder

Elisabeth Carvalho Zavaglia Silva

06 de dezembro de 2015 às 11h36

A geração do futuro fazendo a política certa.!

Responder

Elisabeth Carvalho Zavaglia Silva

06 de dezembro de 2015 às 11h36

A geração do futuro fazendo a política certa.!

Responder

Elisabeth Carvalho Zavaglia Silva

06 de dezembro de 2015 às 11h36

A geração do futuro fazendo a política certa.!

Responder

Arthur Potthoff De Toledo

06 de dezembro de 2015 às 11h35

Muito interessante a relação com às páginas de partidos, formadores de opinião, ongs… Bem esclarecedor.

Responder

Arthur Potthoff De Toledo

06 de dezembro de 2015 às 11h35

Muito interessante a relação com às páginas de partidos, formadores de opinião, ongs… Bem esclarecedor.

Responder

Arthur Potthoff De Toledo

06 de dezembro de 2015 às 11h35

Muito interessante a relação com às páginas de partidos, formadores de opinião, ongs… Bem esclarecedor.

Responder

Arthur Potthoff De Toledo

06 de dezembro de 2015 às 11h35

Muito interessante a relação com às páginas de partidos, formadores de opinião, ongs… Bem esclarecedor.

Responder

João Cláudio Fontes

06 de dezembro de 2015 às 11h35

E o começo do fim do tucanato …. a meninada mostrou que se é possível resistir e vencer mesmo no tucanistão , é possível em qualquer lugar .Golpistas , Não Passarão !

Responder

João Cláudio Fontes

06 de dezembro de 2015 às 11h35

E o começo do fim do tucanato …. a meninada mostrou que se é possível resistir e vencer mesmo no tucanistão , é possível em qualquer lugar .Golpistas , Não Passarão !

Responder

João Cláudio Fontes

06 de dezembro de 2015 às 11h35

E o começo do fim do tucanato …. a meninada mostrou que se é possível resistir e vencer mesmo no tucanistão , é possível em qualquer lugar .Golpistas , Não Passarão !

Responder

João Cláudio Fontes

06 de dezembro de 2015 às 11h35

E o começo do fim do tucanato …. a meninada mostrou que se é possível resistir e vencer mesmo no tucanistão , é possível em qualquer lugar .Golpistas , Não Passarão !

Responder

Dorgival

06 de dezembro de 2015 às 07h52

Apenas confirma o que a direta sempre abominou: pobres estudando. A direita quer que os pobres voltem à senzala . Tenho pena é dos babacas assalariados que aderem ao golpismo pensando que vão se transformar em elite, quando estão cavando sua própria cova.

Responder

Mauricio Gomes

06 de dezembro de 2015 às 07h07

Não precisava de pesquisa para chegar à essa conclusão. A única coisa que a direita defende é ela mesma e toda sorte de privilégios e mamatas para os seus, e o povão que se dane.

Responder

Deixe um comentário