Coletiva de Rodrigo Maia (ao vivo) sobre medidas contra a crise

Um pedido de desculpas a leitores e assinantes

Por Miguel do Rosário

29 de novembro de 2016 : 14h18

Por Miguel do Rosário, editor-chefe do Cafezinho

Queridos leitores e queridas leitoras, primeiramente… vocês sabem. Segundamente, eu peço desculpas a vocês pela ausência nos últimos dias. Não sei se já lhes contei, mas sou um blogueiro full time e 100%. Ou seja, eu tenho de fazer tudo no blog. De vez em quando, eu até consigo contratar alguém para algum serviço, mas quando eu preciso que as coisas fiquem prontas com urgência e sem erros, eu mesmo preciso botar a mão na massa. Então sou obrigado a jogar nas 11 posições: jornalista investigativo, repórter, editor, diagramador, programador, gerente de vendas, administrador, gerente de projetos, revisor, chefe de redação, colunista, escritor, e por aí vai.

As funções que consumiram meu tempo, de uma semana para cá, foi a de gerente de projetos, editor e programador. Mais uma vez, tive que dar uma de hacker e mergulhar nos códigos de programação do blog para fazer as mudanças no sistema de assinatura. Aproveitei e corrigi uma série de pequenos problemas que havia na programação e fiquei chafurdando por dias, quase sem dormir, em códigos php e html. Não pude escrever sobre os desdobramentos da primeira grande crise política do governo Temer, embora mantive a função de chefe de redação e orientei o nosso editor a publicar posts sobre o tema. Não pude escrever sobre Fidel, e talvez isso seja o que tenha me deixado mais aborrecido.

Enfim, agora as coisas parecem ter sossegado um pouco no campo da programação. Ainda estou ajustando alguns códigos aqui e ali mas o grosso já está feito. Posso voltar a escrever minha coluna Arpeggio e outros posts que se fizerem necessários.

Dito isso, eu gostaria de explicar melhor a situação financeira do blog. Ele vive, basicamente, de assinaturas. Ganhamos também com publicidade, mas é pouca coisa.

Pensando na crise econômica que se abate sobre o país, o Cafezinho fez um ajuste no preço das assinaturas. Eles agora estão mais acessíveis. E com uma novidade. Cada assinatura que você fizer valerá, para a gente, títulos de publicidade, resgatáveis em dois anos. O título vale 1 minuto de publicidade contínua no Cafezinho. o valor do título é de R$ 12,00, de maneira que, se você fizer uma assinatura anual de R$ 144,00, terá adquirido 12 títulos.

Faça uma assinatura do Cafezinho para nos ajudar a seguir em frente!

Clique no link abaixo.

https://www.ocafezinho.com/quero-assinar-o-cafezinho/

Se você já foi um assinante e seu email ainda está cadastrado em nosso site, você pode reativar sua assinatura automaticamente no link abaixo.

Quero reativar minha assinatura

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Sandra

29 de novembro de 2016 às 16h24

No lugar de utilizar a expressão “full time”, acho mais adequado “em tempo integral”. Não há necessidade de expressões estrangeiras quando temos equivalentes em nosso idioma. É apenas uma opinião, a escolha é sua.

Responder

Deixe uma resposta