Vila Militar do Chaves (Adnet satiriza Bolsonaro)

Vote sem medo de ser feliz

Por Pedro Breier

27 de outubro de 2018 : 15h06

Pare pra pensar um pouquinho.

Você quer morar em um país onde só se fala em armas, morte e violência? Onde policiais terão “excludente de ilicitude”, ou seja, liberdade para matar sem sofrer as consequências jurídicas?

Ou você prefere um país que discute educação de qualidade, emprego para todos, inclusão social?

É evidente que não pode dar certo um país que pretenda resolver seus problemas à base de tiro, porrada e bomba.

A falta de oportunidades de estudo e trabalho para todos é o que está por trás da criminalidade. É a origem do problema.

Sair matando bandidos por aí será como enxugar gelo. Em um país desigual, que trata tantos de seus filhos com brutalidade e indiferença, a produção de criminosos é infinita.

Se não formos à origem do problema, não o resolveremos nunca.

O PT, com todos os seus defeitos – os quais podem ser encontrados em qualquer instituição formada por seres humanos – é um partido que olha para a origem do problema. Tenta, da sua forma, cortar o mal pela raiz. Errou e acertou, mas é certo que conquistou grandes resultados – alguns históricos. Haddad fez um bom trabalho na prefeitura de São Paulo. Tanto que, segundo o último Ibope, ganha de Bolsonaro por 51% a 49% na cidade.

Bolsonaro é o candidato que propõe enxugar gelo. Armar a população e liberar a matança policial são propostas que formam uma cortina de fumaça para manter as coisas como estão nas áreas que são, repito, a origem do problema: educação pública e emprego.

Não faz sentido querer morar em um país que só fala em morte, violência e armas. Não tem como dar certo.

Há, por trás da ideia de que melhoraremos como sociedade se sairmos nos matando, um erro fundamental.

Acredite você ou não na transcendência da matéria, o fato é que todo o universo é uma coisa só. A sabedoria oriental encontra-se com a física nesse aspecto.

Para a física, no início dos tempos toda a matéria e a energia que compõem o universo estava totalmente concentrada, grudadinha, em um ponto minúsculo. Houve a grande explosão, o big bang, e o universo segue se expandindo, mais de 13 bilhões de anos depois.

Para os mestres espirituais, todos somos um só, todos nós viemos e fazemos parte da unidade fundamental. Jesus, o grande mestre das grandes religiões ocidentais, também refletiu a verdade de que todos somos um no seu ensinamento “Amai ao próximo como a si mesmo”. O próximo, o outro, é você mesmo.

Jamais sairá boa coisa se passarmos a odiar e matar o próximo – nós mesmos.

Só evoluiremos como sociedade se trabalharmos coletivamente. Dando oportunidades para todos, uma vida digna para cada um de nós. É mais do que possível: é o único lugar para o qual podemos mirar se quisermos tratar com responsabilidade e inteligência o futuro da nossa espécie.

Vote, como dizia o jingle do PT de 89 – o qual refletia o clima de esperança de um país que recém se vira livre de um regime autoritário, violento e cruel -, sem medo de ser feliz.

Pedro Breier

Pedro Breier, colunista d'O Cafezinho, é formado em direito mas gosta mesmo é de jornalismo. Nasceu no Rio Grande do Sul e hoje vive em São Paulo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

29 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alan Cepile

28 de outubro de 2018 às 14h57

Com muito contragosto votei no Lula, ninguém me representa nesse 2º turno e o futuro do Brasil é incerto seja com qual dos dois vencer.

Responder

vitor

28 de outubro de 2018 às 04h30

Nulo! Sem medo de ser feliz…

Responder

Emilly

28 de outubro de 2018 às 03h47

https://www.youtube.com/watch?v=sidxJlbVxnI

Responder

Ricardo

28 de outubro de 2018 às 00h18

Bolsonaro 17

Responder

Rodrigo Cardoso Condeixa da Costa

27 de outubro de 2018 às 23h41

Dizem que o Ciro é grande porque apoiou o PT 16 anos… rs. Nossa, que sujeito mais fiel. Vai contar esse historinha pra outro. Ficou em cima do muro inúmeras vezes. Nesse último ano descolou-se como pôde dos petistas na luta por Lula livre, incluindo sua não ida a São Bernardo do Campo na véspera da prisão. É tudo só de goela, como ele mesmo gosta de dizer. Ele sequer chega na unha do pé do grande Brizola. Este sim era um grande estadista. Só lembrar a sua postura em 1989. E olha que venho de uma família de brizolistas. O que seria do PT sem o apoio do Ciro… Mas o apoios do PT na terrinha ninguém se lembra. Quanto apoio do Ciro. Nossa… É como dizer que o time do Bangu apoiou o time do Flamengo. Sem a sombra do PT, convidado para o ministério em 2003, por exemplo, pelo Lula, o que seria do Ciro, hoje, senão um eterno candidato a Governador? Sem a projeção do Lula, que seria do Ciro em termos nacionais? Ele sim cresceu a sombra do Lula e do PT. Tanto é, que nem no Ceará ele venceu agora. É ressentido mesmo, porque sabe que nunca será Presidente. Nunca. E ponto final. Terá o mesmo destino dos ressentidos maiores – Marina, Marta Suplicio e Cristovam Buarque. É aguardar…

Responder

Rodrigo Cardoso Condeixa da Costa

27 de outubro de 2018 às 23h40

Haddad 13.

Responder

Rodrigo Cardoso Condeixa da Costa

27 de outubro de 2018 às 23h39

Dizem que o Ciro é um grande porque apoiou o PT 16 anos… rs. Nossa, que sujeito mais fiel. Vai contar esse historinha pra outro. Ficou em cima do muro inúmeras vezes. Nesse último ano descolou-se como pôde dos petistas na luta por Lula livre, incluindo sua não ida a São Bernardo do Campo na véspera da prisão. Só de goela, como ele mesmo gosta de dizer. Ele sequer chega na unha do pé do grande Brizola. Este sim era um grande estadista. Só lembrar a sua postura em 1989. E olha que venho de uma família de brizolistas. O que seria do PT sem o apoio do Ciro… Mas o apoios do PT na terrinha ninguém se lembra. Quanto apoio do Ciro. Nossa… É como dizer que o time do Bangu apoiou o time do Flamengo. Sem a sombra do PT, convidado para o ministério em 2003, por exemplo, pelo Lula, o que seria do Ciro, hoje, senão um eterno candidato a Governador? Sem a projeção do Lula, que seria do Ciro em termos nacionais? Ele sim cresceu a sombra do Lula e do PT. Tanto é, que nem no Ceará ele venceu agora. É ressentido mesmo, porque sabe que nunca será Presidente. Nunca. E ponto final. Terá o mesmo destino dos ressentidos maiores – Marina, Marta Suplicio e Cristovam Buarque. É aguardar…

Responder

Manoel

27 de outubro de 2018 às 22h00

Ciro? Igualou-se ao Cunha!! Triste, muito triste. Agora a extrema direita estar aqui é um sinal. Talvez o Miguel possa explicar.

Responder

    vitor

    28 de outubro de 2018 às 04h32

    Ciro igualou-se a Cunha? Que piada…
    Ciro não tem sangue de barata, camarada. Como vai apoiar quem bateu tanto nele? Tá achando que Cearense é trouxa???

    Responder

      ari

      28 de outubro de 2018 às 09h11

      Vitor, vc, pelo jeito, é tão pequeno como o coronel. Neste momento crucial, não se trata de apoiar o Haddad, será que vc não entendeu? Olhe o número de pessoas anti-petistas ferrenhos que estão votando no 13. De outro lado, eu na me lembro de alguém da cúpula do PT agredir o Ciro durante a campanha. Muito pelo contrário. Espero que vc acorde e venha ajudar-nos a impedir que tenhamos mais alguns anos de trevas. Vc viveu a ditadura? Não? Eu vivi, cara, e só não luta contra ela quem não a viveu

      Responder

Justiceiro

27 de outubro de 2018 às 21h49

Que tal morar num país onde o cara que o governou por oito anos está preso por corrupção? É o mesmo país que teve sua maior empresa assaltada, seu banco de fomento roubado e obrigado a dar o dinheiro do contribuinte para ditaduras.

Aliás, que defende Cuba, Venezuela, Guiné Equatorial, Líbia, ama ou não ama a ditadura?

Responder

Wilton Santos

27 de outubro de 2018 às 20h07

O Miguel do Rosário poderia fazer um texto sobre a postura do Ciro Gomes.

Responder

Ruy Acquaviva

27 de outubro de 2018 às 20h01

No final das contas o Ciro era mesmo uma grande fraude mesmo.

Fiz bem em nunca confiar nele.

Responder

Brasileiro da Silva

27 de outubro de 2018 às 19h53

Isso. Vamos votar no partido que esta há 16 anos no poder, que deixou o país nessa situação maravilhosa: mais de 16 milhões de desempregados, deficit gigante e corrupção por todo lado. Afinal, o outro lado “torturou o Geraldo Azevedo e fez uma suástica na menina”…

Responder

    Ruy Acquaviva

    27 de outubro de 2018 às 20h02

    Antigamente havia comentadores de direita no blog. Mas nenhum era fascista.

    Agora vê-se que isso mudou.

    A canalhada já defende abertamente a tortura.

    Responder

      Brasileiro da Silva

      27 de outubro de 2018 às 20h30

      Quem defende a tortura? Vc? Meus pêsames.

      Responder

        Ruy Acquaviva

        27 de outubro de 2018 às 22h18

        Comentário ridículo.

        Quando você diz: “Afinal, o outro lado “torturou o Geraldo Azevedo e fez uma suástica na menina”…”

        Está defendendo o bolsonaro e tudo o que ele faz e defende. Inclusive e principalmente a tortura, coisa que você tenta banalizar e minimizar com sua afirmação.

        Mas não esperaria de um boçalminion nada além dessa palhaçada que você está fazendo.

        Só corrobora minha constatação do baixíssimo nível de alguns novos comentadores do site.

        Responder

      justiceiro

      27 de outubro de 2018 às 21h45

      o que dá morar no “paraíso” administrado pelo PT por 16 anos. Não tendo como rebater um comentário, só lhe resta atacar.

      Responder

baltazar pedrosa

27 de outubro de 2018 às 18h18

Ciro veio votar em no coiso,o termo ele mesmo criou,não sei como Patrícia pilar acredita nesse picareta,que tentou agredi-la,pergunte Patricia saboia o que ele sempre aprontou,um machista safado,metido a machão, mas que adorava um fio terra,´´e que dizem rodo Ceará.

Responder

Cesar

27 de outubro de 2018 às 18h12

Vamos Ciro.

Responder

Emiliano

27 de outubro de 2018 às 18h10

Admirava o Ciro, pelo seu conhecimento e pelas suas ideias, mas nesse momento em que o que está em curso para o Brasil não é apenas uma meta pessoal, um projeto de vida, e não cabe porém vaidades e mágoas. O que temos é um pais inteiro precisando de sua ajuda e ele simplesmente dá as costas. Me envergonho de ter admirado um garoto mimado.

Responder

    Ruy Acquaviva

    27 de outubro de 2018 às 20h05

    Agora está comprovado que Ciro era uma grande fraude com objetivo de prejudicar a esquerda.

    Ainda bem que eu nunca confiei nele.

    O Miguel do Rosário está devendo uma análise da atitude de Ciro neste segundo turno.

    Responder

Wayner

27 de outubro de 2018 às 17h20

Ciro gomes é um bunda mole da porra. Fugiu pra europa na primeira oportunidade. Covarde

Responder

Rogerio

27 de outubro de 2018 às 16h55

Ciro, que vergonha!!!!

Responder

Brasileiro da Silva

27 de outubro de 2018 às 16h53

Vc quer morar em um país em que o presidente recebe diretrizes direto da cadeia? Vc que morar em um país que o programa de governo prevê constituinte para acabar com o judiciário? Vc quer morar em um país em que 13 anos de “inclusão social” deixou 13 milhões de desempregados?

Responder

Fabio Sidiney Andreolli

27 de outubro de 2018 às 15h51

Digo, o seguinte, democracia pressupõe alternâcia de poder, isto oxigena a sociedade.
Como vc cita o PT fez algumas coisas boas, porém também muitas ruins.
O poder absoluto corrompe absolutamente, disse um estadista inglês.
E também não é valido o raciocínio de que um governo Bolsonaro só vai tratar da violência , a sociedade tem outras demandas também.

Responder

    Nostra

    27 de outubro de 2018 às 17h24

    Garoto… releitura… quem está com o raciocínio equivocado é você. Bolsonaro não vai tratar da violência. Ele vai tratar de qualquer coisa com violência. Entendeu ou quer desenho ?
    E outra… tem que ser um exemplo de estadista inglês ? Colonizador do mundo ?
    E mais uma… Desde quando o PT teve poder absoluto? No Brasil ? Você é deste planeta ou chegou recente ?

    Responder

    CAR-POA

    27 de outubro de 2018 às 18h56

    Vc está querendo destruir a Democracia.Neste caso ,esdrúxulo,insano,doentio de um fascista genocida chegar ao poder pelo voto ,vc não faz nenhum favor a Democracia,todo o contrário.
    Precisa pegar mais os livros ,especialmente aqueles de história e Filosofía.Aprenda,estude.

    Responder

    ari

    28 de outubro de 2018 às 09h14

    Alternância no poder é conversa da direita quando não está no poder. Por acaso o PSDB levantou-se da cadeira e gentilmente cedeu o lugar aos opositores? Cara, quem decide é o povo.

    Responder

Deixe uma resposta