Live do Cafezinho: bate papo com o cineasta cearense Wolney Oliveira

Lucro do Itaú cresce 10,2% em 2019

Por Redação

11 de fevereiro de 2020 : 18h17

O Itaú divulgou hoje seus resultados financeiros de 2019.

O lucro líquido do banco ficou em R$ 28,4 bilhões no ano passado, crescimento de 10,2%, quase dez vezes acima do crescimento do PIB nacional no mesmo período, estimado em 1%.

O pagamento de imposto de renda e contribuição, por sua vez, caiu de R$ 13,7 para 13,5 bilhões, queda de 1,7%.

Os acionistas do banco embolsaram R$ 18,8 bilhões líquidos em dividendos.

Para 2020, o banco projeta um crescimento de 2,2% do PIB.

As operações com cartão de crédito são a principal receita do Itaú. Em 2019, o banco obteve R$ 13 bilhões em receita com os serviços de cartão de crédito e débito.

O crédito oferecido para pessoas físicas na forma de cartão de crédito foi de R$ 90,9 bilhões em 2019, alta de 17% sobre o ano anterior.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alan C

12 de fevereiro de 2020 às 10h29

Mas o parasita é o servidor segundo o posto ipiranga da bozolândia kkkk

Responder

Wellington

12 de fevereiro de 2020 às 08h27

Os bancos, que segundo nossos amigos tupiniquim fazem lucros estratosféricos e outras papagaiadas ideológicas para trogloditas fecharam 430 agências no ano passado e demitiram 7.000 funcionários.

Jajá ficam só o Banco do Brasil e a Caixa.

Responder

Paulo

11 de fevereiro de 2020 às 21h40

Você chega lá e até o caixa tem que tentar te vender alguma coisa. Assustador!

Responder

Deixe uma resposta