Live do Cafezinho: o caso Samuel Borelli, quando a esquerda produz fake news

Bolsonaro diz que ficar em casa na pandemia é “para os fracos”

Por Redação

18 de setembro de 2020 : 16h03

Na visita realizada nesta sexta-feira, 18, ao Mato Grosso, o presidente Jair Bolsonaro elogiou os trabalhadores rurais que não pararam suas atividades durante a pandemia e criticou quem optou por fazer o isolamento social.

“Vocês não pararam durante a pandemia. Vocês não entraram na conversinha mole de ficar em casa. Isso é para os fracos”

O presidente participou da cerimônia de entrega simbólica de títulos de propriedades rurais para famílias da região de Sorriso (MT). O evento ocorreu no Aeroporto Adolino Bedin.

 

Para agradar o setor ruralista, Bolsonaro citou o seu slogan de campanha, mas enaltecendo o estado de Mato Grosso. 

“Deus acima de tudo, Mato Grosso acima de todos”


Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Paulo

18 de setembro de 2020 às 16h57

Esse sujeito tinha que aprender a ficar calado e respeitar o luto de milhares de concidadãos…

Responder

    Josafá

    18 de setembro de 2020 às 22h41

    Você deveria disfarçar melhor seu falso interesse pela morte dos outros…menos hipocrisia please.

    Responder

      Paulo

      19 de setembro de 2020 às 10h27

      Você é o censor moral do Blog? Faltam-lhe virtudes pra isso…

      Responder

      Mustafá

      19 de setembro de 2020 às 16h13

      Kkkkk
      Boa, Josafá.

      Responder

Germano

18 de setembro de 2020 às 16h07

É verdade foi a coisa mais idiota da história recente da humanidade pois não resolveu nada e destruiu milhões de empregos inutilmente.

Foi a maior afronta a classe trabalhadora das últimas décadas, alias de sempre.

Responder

Deixe uma resposta