Live do Cafezinho: balanço dos partidos de esquerda

Camilo (PT), Doria (PSDB) e ACM Neto (DEM) criticam Bolsonaro por desistir de compra da vacina chinesa

Por Redação

21 de outubro de 2020 : 15h20

Nesta quarta-feira, 21, os governadores Camilo Santana (Ceará), João Doria (São Paulo) e o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), criticaram o presidente Jair Bolsonaro por desistir de comprar 46 milhões de doses da vacina chinesa Coronavac.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alexandre Neres

21 de outubro de 2020 às 17h58

Prossegue a tentativa deste blogue de colocar todo mundo no mesmo balaio, pra não se diferenciar direita de esquerda. Tem como base aquele discursinho fajuto da Marina Silva ao dizer que não era de direita nem de esquerda, que pensava à frente. Sei. Gostei quando o sociólogo Boaventura de Sousa Santos pediu pra ela deixar de utilizar a expressão que cunhou de democracia de baixa intensidade por desvirtuar o conceito. Por óbvio, que a crítica ao Bozo procede, não estou entrando nesse mérito. Minha crítica é no sentido de o campo progressista não normalizar notórios golpistas, representantes dos farialimers, como ACMzinho e Doria. Basta de passar pano para essa corja! Posso até vir a concordar que a diferença entre eles seja que Doria e Neto são neoliberais de direita e Camilo é neoliberal de esquerda.

Responder

Deixe uma resposta