Live do Cafezinho: balanço dos partidos de esquerda

Brasília - O secretário nacional de Segurança Pública, general Carlos Alberto Santos Cruz, durante reunião com secretários de Segurança Pública dos estados (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

General Santos Cruz manda recado para Pazuello: disciplina e hierarquia não são “subserviência”

Por Redação

24 de outubro de 2020 : 10h28

Num sinal de que a humilhação imposta por Bolsonaro ao ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, produziu insatisfação entre as Forças Armadas, o general Santos Cruz, um dos oficiais mais respeitados nas instituições militares, deu um recado pelo twitter.

Pazuello tinha determinado a compra de vacinas da China, num acordo com o governador de São Paulo, João Dória, e com o instituto Butantã. Bolsonaro, pressionado pelas alas mais radicais de sua militância, decidiu voltar atrás e suspender a compra dos medicamentos.

Dias atrás, Bolsonaro ainda apareceu ao lado de Pazuello, que estava infectado de Covid, e, sem proteção, fez um vídeo em que Pazuello se humilhava diante das câmeras, dizendo que um manda outro obedece.

Veja o vídeo!

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Bernardo Santos Melo

25 de outubro de 2020 às 07h56

General Santos Cruz , vítima da Familícia e do escritório do Ódio , transparência e espírito público não fazem parte do DESGOVERNO BOZAL. São Paulo vai apertar 50 BOULOS e gritar forte : FOOORA BoZo !

Responder

Fonzarelli Arthur

24 de outubro de 2020 às 21h22

Militares e bozolândia, junta tudo e taca fogo nessa mer*da

Responder

Paulo

24 de outubro de 2020 às 16h09

Bolsonaro está desmoralizando a Instituição FFAA, a troco de cargos e vantagens…

Responder

Nilson

24 de outubro de 2020 às 13h32

General ressentido pela perda da boquinha.

Responder

Deixe uma resposta