Live do Cafezinho: balanço dos partidos de esquerda

Foto: Divulgação / PT

Tatto sobre desistir em favor de Boulos: “Não existe essa possibilidade. Estamos crescendo”

Por Redação

24 de outubro de 2020 : 10h44

O candidato do PT a Prefeitura de São Paulo, Jilmar Tatto, rechaçou a hipótese que vem sendo alimentada nas últimas semanas de abrir mão de sua candidatura para apoiar Guilherme Boulos (PSOL).

“Não existe essa possibilidade. Estamos crescendo. O PT está unido, a militância está na rua. Vamos para o segundo turno, vamos ganhar a eleição. O presidente Lula está totalmente empenhado. A aceitação do PT na rua é muito boa. (…) Não me sinto traído, porque essa mesma pessoa que eventualmente fala que eu deveria apoiar o Boulos, que deveria retirar (a candidatura), tenho certeza absoluta que vai votar em mim. Por que vou me estressar?”

A declaração de Tatto reflete sua crença de que ainda poderá emplacar sua candidatura. Na última pesquisa Datafolha, o petista saltou de 1% para 4%. Enquanto isso, Boulos saiu de 12% para 14% das intenções de voto.

Já em entrevista ao Globo, Tatto também acredita que Boulos não receberá o “voto útil”, ou seja, quando o eleitor vota no candidato têm mais chances de vencer.

“Nossos adversários são o candidato do Bolsonaro, que é o (Celso) Russomanno, e o candidato do Doria, que é o Bruno Covas. O Boulos não é meu adversário. Boulos tem um eleitor bastante de classe média, rico. Pessoas progressistas. A impressão que dá é que pode ser vítima do voto útil. O eleitor naturalmente faz isso. Isso vale para ele e vale para mim”

Já em outro momento, o petista afirmou que quem pede sua desistência, não conhece a história do partido.

“Em geral, são pessoas que não conhecem o PT de São Paulo. O PT de São Paulo está enraizado na periferia, é forte, organizado”

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Tadeu

25 de outubro de 2020 às 12h32

Tatto é o candidato da situação do PT, e Boulos é o candidato da oposição do PT. Deveriam estar disputando a prefeitura de SP, mas na realidade estão disputando o controle da esquerda supostamente unificada no PT – uma disputa interna que a oposição petista perdeu, e resolveu levar para o âmbito externo, usando-o como uma forma de tapetão. Pode até ganhar, mas boa sorte em manter essa esquerda unificada depois.

Responder

ROSANA IZILDINHA SOARES

24 de outubro de 2020 às 15h17

O PT é de uma soberba desmedida. Seu projeto de poder não é de unificação da esquerda. Acho até melhor para Boulos que o PT não o apoie, para não manchar a campanha bonita, inteligente e transparente que está sendo realizada com a garra que o PT perdeu há muito tempo. Jilmar Tatto pode retirar seu exército de campo, porque não vai ganhar essa guerra. Se tiver que dar esquerda, e espero que sim, será com Boulos e Erundina.

Responder

Alan C

24 de outubro de 2020 às 14h56

Tatto, Boulos, que diferença faz? É o mesmo grupo.

Responder

    Batista

    25 de outubro de 2020 às 12h25

    Aleluia! Aleluia!

    Quem diria, finalmente molhou-se além do calcanhar…

    Só falta avisar o Redação para não perder mais tempo com ‘Tatto x Boulos’, esperando beneficiar o BolsoFrança, pois pouco importa, a partir de 12 de novembro quem estiver em melhor situação, leva praticamente a totalidade dos votos de quem irá votar na dupla, na impossibilidade de ambos estarem no segundo turno.

    Responder

Ronei

24 de outubro de 2020 às 11h26

Estamos crescendo…kkkkkkkkkkkkkkkk

O PT hoje nao passa de uma piada mas a coisa tragica é pensar que essa aglomeraçào de bandidos esteve no poder por quase duas decadas….

A pergunta que fica…onde ficaram os brasileiros durante esses anos todos enquanto o Brasil descia pro ralo do esgoto…?

Responder

Deixe uma resposta