Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Em reunião com Pazuello, governadores reclamam da arrogância de Doria

Por Redação

08 de dezembro de 2020 : 15h47

Nesta terça-feira, 8, na reunião com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, governadores reclamaram da arrogância do governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

O motivo das queixas foi o anúncio prematuro por parte do governo paulista feito nesta segunda-feira, 7, de que a vacina será aplicada a partir de 25 de Janeiro. Além disso, o tucano também adotou um discurso arrogante durante a reunião com os colegas.

De acordo com a Folha, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), foi o mais contundente ao dizer que nenhum estado têm a prevalência sobre os outros.

“O Ministério da Saúde não pode abrir espaço para nenhum estado querer se arvorar na frente de outro”

O demista goiano também reclamou de alguns detalhes para que os prefeitos do estado possam ter acesso a vacina e cobrou o Ministério da Saúde.

“Não posso admitir que um prefeito do meu estado tenha sido convidado para se cadastrar no governo de São Paulo para receber a vacina. Como pode São Paulo dizer que em 25 de janeiro inicia a vacinação e que quem for para São Paulo vai ser vacinado? Isso é um constrangimento para nós, governadores. Nós por acaso somos incompetentes? Essa situação é prerrogativa do Ministério da Saúde”

Além de Caiado, outros governadores como Camilo Santana (PT-CE) e Eduardo Leite (PSDB-RS) também ficaram insatisfeitos com a postura de Doria.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alan C

08 de dezembro de 2020 às 19h48

Direitosca.

Responder

Ronei

08 de dezembro de 2020 às 16h24

O novo líder da esquerda é um dficiente.

Responder

Edson

08 de dezembro de 2020 às 15h54

Tô nem aí para rasgação de seda entre comadres. Quero a vacina, não importa de onde venha!

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?