Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Deputado Arthur Lira (PP-AL) durante entrevista ao Fernando Rodrigues no Poder360 Entrevita, gravado no estúdio do Poder360 em Brasília.S érgio Lima/Poder360 15-12-2020

Opinião: Baleia encalhou e Arthur Lira será o novo presidente da Câmara

Por Gabriel Barbosa

01 de fevereiro de 2021 : 10h20

Por Gabriel Barbosa

Sim, a candidatura de Baleia Rossi (MDB-SP) chegou no dia da votação completamente destruída pelo naco fisiológico representado pelo líder do Centrão, Arthur Lira (PP-AL).

Praticamente, a maioria dos votos ao emedebista será do bloco de oposição formado por PT, PDT, PC do B, Rede e menos da metade do PSB. As chances de Baleia reverter a decisão em poucas horas é praticamente nula, correndo o risco de ser despachado logo no 1° turno.

O vexame da postulação vendida como ‘democrática’ e formada por uma ‘frente ampla’ teve erros básicos de articulação política. Enquanto Baleia entrou na disputa nos 45 do segundo tempo, Lira já estava com sua base de deputados formada e ampliada proporcionalmente com o auxílio da máquina do Governo Federal.

Outro fator básico que ganha pontos na corrida, Lira de fato dialogou com cada parlamentar, fez uma romaria de porta em porta para ouvir as demandas dos deputados com suas bases e fechou acordos.

Enquanto isso, Baleia fez o oposto, recorreu primeiramente aos núcleos partidários, de cima pra baixo, sem compreender os colegas parlamentares.

É um erro crasso, pois a desobediência das bancadas com a orientação partidária é uma dura realidade no Congresso Nacional, vide o Solidariedade, PSL e o próprio PSB.

Praticamente, o arco de alianças em torno da candidatura de Lira não tem relação com identidade partidária. Na sua base, o líder do Centrão tem parlamentares das bancadas temáticas como ‘bala’, ‘bíblia’, ‘boi’, ‘antiaborto’ etc. É uma federação de interesses!

Por fim, a vitória de Lira será exclusivamente, de Lira. Os cargos e as emendas liberadas por Bolsonaro são variáveis poderosas, mas que não proporcionam ao governo os ‘louros da vitória’, pois o fisiologismo na Câmara sempre teve vida própria para embarcar ou desembarcar de qualquer gestão.

O Centrão venceu mais uma vez!

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

14 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

dcruz

02 de fevereiro de 2021 às 09h15

Eis, pois, finda a última urdidura da blindagem. Queiramos o não queiramos vamos ter que engolir o bozo com espinhos e tudo. Quem vai colocar o guizo no gato? Crime perfeito: PGR do bozo, Congresso do bozo, STF dúbio, o povo,ora o povo, afinal foi quem o colocou lá?, portanto, impeachment nem pensar. Por essa via (impedimento) impossível. Resta a disputa, o corpo a corpo, na hora da verdade, o genocida perder para ele mesmo, pois, não tem a mínima condição de enfrentar um debate com qualquer candidato por mais medíocre que seja. Mesmo nesta hipótese resta o recurso: uma nova facada.

Responder

Luiz Alberto

01 de fevereiro de 2021 às 19h00

3 bi, 3 bi!

Responder

carlos

01 de fevereiro de 2021 às 14h59

A tendência de quem traiu é ser traído, nada é para sempre , a roda gira só não achava que fosse fritado pelo seu próprio partido, que adora comer filé, e agora vai comer carne de pescoço.

Responder

Alexandre Neres

01 de fevereiro de 2021 às 12h02

Nós, progressistas, entramos como bucha de canhão para o péssimo candidato Baleia Rossi. Pra chegar com uma candidatura esfacelada e caindo aos pedaços, antes tivéssemos candidato próprio, que defendesse as nossas causas, conforme falei aqui desde o princípio.

Maia terá um fim merecidamente melancólico. Acreditou que manteria o poder que é doce, apostando todas as suas fichas na reeleição inconstitucional. Está colhendo o que plantou.

O caso da Bahia merece um estudo. Ciro Gomes se aliou a ACM Neto e conquistaram a prefeitura em Salvador. Agora, ACM Neto se aliou a Bolsonaro apoiando Lira e abocanhou o Ministério da Educação. Todos os deputados do DEM-BA e do PDT-BA pularam fora do barco e apoiam Lira. Seguindo essa trilha, qual será o próximo passo de Ciro: vai se aliar a Bolsonero?

Responder

    FABIO MAIA

    01 de fevereiro de 2021 às 12h41

    Com a palavra o cafezinho

    Responder

    Tiago Silva

    01 de fevereiro de 2021 às 13h40

    Parabéns pela visão e lucidez de sempre, Alexandre Neres!!!! Aliás, algo que não se vê nesse blog e muito menos entre “ciristas”!

    É muita falta de estratégia da esquerda em se aliar a Golpistas do DEM/PMDB (esquerda tanto do PDT e PSB que muitos deputados apoiaram o golpe e agora pulam para o barco de Lira… Como o PT que caiu nessa estratégia falida de apoiar golpistas que diferem pouco por pressão da mídia – teve até editorial da Folha – e da própria esquerda como os partidos PDT, PSB, Rede que correram para abraçar o DEMO e mais uma vez destróem seus nacos prestígios e afundam na incoerência)… Aliás, golpistas sempre serão golpistas!

    Depois pode haver até dissonância cognitiva ou construção de narrativas contraditórias, como no exemplo de parabenizar a estratégia da Cristina Kirschner na Argentina em ser vice da chapa, mas anos antes ter se insurgido contra a mesma estratégia que colocaria Ciro na cabeça de chapa (quando os golpistas do judiciário excluíssem Lula, o mais bem colocado das pesquisas em 2018) e Haddad como vice….

    Mais uma vez, essa miopia (no mínimo) que dessa esquerda que infla o antipetismo ou infla Golpistas do DEM é o que Darcy cansava de alertar: “a esquerda que a direita gosta” e servem apenas para dar munição para a Direita!!!

    Não adianta saber identificar os problemas se não conseguir ter uma estratégia coerente para se tentar solucionar esses problemas! Depois não reclamem serem considerados trouxas ou achar que só quem tem chifre seja gado!!!!

    O blog Cafezinho deveria te contratar, Alexandre Neres, para ser um contraponto e fonte de luz aqui!

    Responder

      Alexandre Neres

      01 de fevereiro de 2021 às 17h49

      Meu caro Tiago Silva, muito obrigado pelas suas palavras. Eu, você, Francisco, Batista, Nelson, entre outros, apenas queremos que este blogue corrija o rumo e deixe de apoiar reforma trabalhista, reforma previdenciária, privatização da água, intervenção no Rio e que tais. Que volte a ser progressista. Quem conhece o blogue de há muito, lembro de artigos e mais artigos da lavra do Miguel do Rosário defendendo o DCM por exemplo, agora vê-lo aderir ao antipetismo por questões de oportunismo eleitoral, é de lascar.

      Todo mundo sabe que o grande fiador de Rodrigo Maia na centro-esquerda é Ciro Gomes. Entramos no bloco de gaiato, sem exigir contrapartida, e ficamos na brocha, pois DEM-PSDB-MDB apenas nos utilizaram para se cacifar com Lira e Bolsonero. Fomos feitos de trouxa para que os espertos exigissem mundos e fundos para pular a cerca.

      ACM Neto, que andou junto com Ciro nas eleições de Salvador, passou a rasteira em Maia. Em troca, vai ganhar o Ministério da Educação e sobretudo arrancou o compromisso de o centrão e Bolsonero apoiarem-no ao governo da Bahia. A pergunta que não quer calar: Ciro Gomes vai entrar nessa grande aliança ao governo da Bahia em 2022, com o bozo, com tudo?

      Responder

    NeoTupi

    01 de fevereiro de 2021 às 17h00

    Enquanto tinha chances, fazia sentido a esquerda apoiar Baleia em troca de ter protagonismo em algumas comissões chave como CCJ. Mas agora que Maia não conseguiu nem apoio do próprio partido, a menos que abrisse processo de impeachment na última hora, o melhor é votar na Erundina para marcar posição.

    Quanto ao Ciro, mais um desastre político para a coleção em suas estratégias.Fortaleceu o DEM em 2020 para o DEM fortalecer Bozo em 2021. Ciro queria isolar o PT e está ficando isolado à esquerda e à direita.

    Quanto ao Bozo, a vitória é relativa. Lira lhe trará enormes desgastes. Primeiro por ser réu por corrupção e sequer poder assumir na linha sucessória. Segundo pq cola mais a imagem Bozo=Centrão. E escândalos de currupção virão, quanto mais cargos ocuparem. A última bandeira do Bozo “honestidade” (para otários) vai virar farrapo. Terceiro pq o centrão vai depenar o governo por verbas e desestabilizar vários ministérios.

    E depois de chupar a laranja, o centrão sempre joga o bagaço fora, seja traindo e abrindo o impeachment se a popularidade despencar abaixo de 20%. Seja abandonando Bozo na eleição de 2022 para salvar a própria pele.

    Responder

    Sebastião

    01 de fevereiro de 2021 às 20h30

    A vice de Bruno Reis, é do grupo de ACM Neto. Jaques Wagner já havia dito, que o DEM é aliado de Bolsonaro, quando disse que tinha dois ministérios e outros cargos de baixo escalão, de pessoas do grupo de ACM como Aziz e Aleluia. E ainda, que o DEM votavam sempre com Bolsonaro. E que, se Ciro quisesse fazer oposição a Bolsonaro, não deveria se aliar a ACM. Porque este visava só tirar aliados do PT pra se aliar a ele. Pois bem. Agora Ciro ver a canoa furada que Wagner falou.

    Agora, essa dissidência começou com Elmar – que não sei o que ele tem de Neto ou do avô, que é o único político do partido que dá testa a Neto e que enfrenta Neto. Xinga Neto na cara, e fala horrores de Neto. Esse Elmar, quis desde sempre se aliar a Lira, e fez Neto mudar de posição em detrimento de Baleia. Desafiou Neto desde o começo. Ele enfrenta tanto Neto, que proibiu o DEM baiano, de criticar Rui Costa na questão dos respiradores que não foi entregue. Dizendo que Rui era um cara honrado e não merecia ser execrado, por pura politicagem.

    Responder

    Vinicius Matso

    02 de fevereiro de 2021 às 10h02

    Amigo, a base de votos de Baleia já foi essa e perdeu com menos da metade.

    Uma candidatura própria, não faz sentido nenhum, seria apenas mais vergonhoso.

    O que está faltando para a ala progressista é justamente saber fazer política, purismo e idolatrismo não é política.

    Responder

Hilario

01 de fevereiro de 2021 às 10h46

Finalmente os brasileiros poderao ver sair do papel algumas das reformas pelas quais elegeram esse governo.

Responder

    Tiago Silva

    01 de fevereiro de 2021 às 13h42

    Seria “Hilário”, caso não fosse em verdade “Trágico”.

    E assim o Brasil continua descendo a ladeira…

    Responder

    Flávio Pereira

    01 de fevereiro de 2021 às 15h35

    Ótima matéria! E olha que sou Bolsonaro, mas tenho que ver como as mentes pensantes da esquerda, que são poucas, pensam!

    Responder

    Paulo

    01 de fevereiro de 2021 às 18h23

    Quem elegeu esse desgoverno foi o PT…

    Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?