Paris Café Extra: Finanças Funcionais, uma revolução copernicaniana na economia

Decisão sobre Silveira na Câmara fortalece harmonia entre os Poderes, diz Lira

Por Redação

22 de fevereiro de 2021 : 08h07

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), afirmou que a decisão da Casa pela manutenção da prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) é um marco no comportamento do Legislativo e fortalece a harmonia entre os Poderes.

Silveira está detido desde terça-feira (16) no âmbito de inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF) que investiga notícias falsas (fake news), calúnias, ameaças e infrações contra o tribunal e seus membros. Foram 364 votos pela manutenção da prisão do parlamentar. Lira concedeu entrevista coletiva após a sessão.

“Esse será um marco no comportamento deste poder e vai servir pra que os poderes se fortaleçam e a Constituição e a democracia sejam mantidas”. Lira voltou a dizer que o caso em questão foi um “ponto fora da curva” e que não haverá outros casos como esse.

“A harmonia (entre os Poderes) está mantida por obrigação constitucional e por convivência entre os Poderes. Temos que ter calma, paciência, tranquilidade e manter o nível dos trabalhos sem os acotovelamentos como acontecia no passado”, ressaltou o presidente da Câmara.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

carlos

23 de fevereiro de 2021 às 10h05

Eu como a maioria dos brasileiros, que tem conhecimento, não sabemos porque na Suécia, nenhum dos 3 poderes tem essa tal imunidade, porque tal é qual, a constituição de lá funciona pela igualdade das pessoas e aqui o artigo 5° funciona pela desigualdade dos cidadãos, lá a imunidade é o caráter das pessoas aqui é pelo poder que as pessoas exercem sobre as outras nesse sentido, eu quero aqui repudiar aqueles que defendem esse mal caráter desse Daniel Silveira que é um fora da lei, pois tem o prazer de dizer que já foi preso 80 vezes, e a cara de pau de dizer que já matou 12 e se for preciso mata fulano ciclano é beltrano esse cidadão tem que ser julgado pelo tribunal de Nuremberg. Essa minha opinião dos a quem doer.

Responder

Deixe uma resposta