Cafezinho & Cinema: conversa com Ducca Rios, diretor de Meu Tio José

Ciro interpela judicialmente Roberto Jefferson após fake news no Twitter

Por Gabriel Barbosa

07 de maio de 2021 : 15h50

O vice-presidente Nacional do PDT, Ciro Gomes, um dos possíveis candidatos ao Palácio do Planalto em 2022, interpelou judicialmente nesta sexta-feira, 7, o presidente Nacional do PTB e ex-deputado federal, Roberto Jefferson, após publicar na sua conta do Twitter uma conversa falsa entre o líder pedetista e um suposto “chefe de facção”.

Na peça que foi enviada ao Juizado Especial Criminal de Brasília, a defesa de Ciro lembra que “o vídeo compartilhado pelo Senhor Roberto Jefferson trata-se de
uma montagem que já foi caracterizada como fake news no ano passado por grupos de checagem de fatos como a Agência Lupa e Aos Fatos”.

Na realidade, as falas do pedetista foram feitas em entrevista ao canal do humorista Mauricio Meirelles, em 2019, e foram distorcidas na conversa falsa. O próprio Maurício Meirelles comentou na publicação de Jefferson que tinha como legenda “O silêncio dos bons fortalece a ação dos maus”.

“Fake news. Maldosa. Não defendo político algum, mas defendo a justiça. Essa entrevista foi pro meu canal, vocês distorceram uma fala e estão sendo sem caráter”.

Em outro trecho do pedido de interpelação, a defesa do pedetista usa como justificativa o artigo 144 do Código Penal e que o “pedido de explicações em juízo envolve-se de função instrumental, cuja destinação jurídica vincula-se ao esclarecimento de situações impregnadas de equivocidade, ambiguidade ou dubiedade, em ordem a viabilizar, tais sejam os esclarecimentos eventualmente prestados, a instauração de processo de conhecimento tendente à obtenção de um provimento condenatório”.

A publicação de Roberto Jefferson, cotado para ser vice na chapa de reeleição de Jair Bolsonaro, teve um alcance grande e foi denunciada em massa. Já nesta quinta-feira, 6, a conta do petebista no Twitter já aparecia como inativa. O ex-deputado foi condenado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no escândalo do mensalão em 2005.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe uma resposta