Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Luís Miranda diz que informou à CPI o nome que pediu propina a Pazuello

Por Redação

13 de julho de 2021 : 09h18

Em entrevista ao Roda Viva, o deputado federal Luís Miranda (DEM-DF) disse que informou em off a cúpula da CPI da Pandemia o nome que pediu o ‘pixulé’ citado pelo ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello.

Na sequência, o demista foi perguntado sobre esse nome dito por Pazuello e disse sobre isso quem tem que dizer é o ex-titular da pasta. Antes de ser exonerado, Pazuello gravou um vídeo falando sobre inúmeros pedidos de propina.

 “Ali começou a crise com a liderança política que nós temos hoje. Aí chegou no final do ano, uma carreata de gente pedindo dinheiro politicamente. Foi outra porrada, porque todos queriam o pixulé”.

Miranda também disse que no encontro com o então ministro da Saúde, o general afirmou que estava sendo “travado” pelos “caras que querem mandar” no Ministério.

“O Pazuello chega para mim e conta uma série de situações que ele vivenciou. O Pazuello me conta que, no meio do ano passado, ele tinha comprado um IFA [Insumo Farmacêutico ativo] para o Brasil fabricar sua própria vacina, e ele começa a ser travado por um grupo de pessoas, que ele intitulou ‘os caras que querem mandar no Ministério da Saúde'”

O deputado também foi questionado se falou ao presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), “a história do pixulé”.

“Não, não. Não entrei em nenhuma história com o Arthur Lira sobre esse assunto. Nenhuma, nenhuma, nenhuma. Minha relação com o Arthur Lira sempre se pautou por conta da reforma tributária”, declarou.

Assista a entrevista completa!

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Jonathan

13 de julho de 2021 às 11h07

Na época do PT teria rolado uma propina gorda para todo mundo.

Responder

Deixe um comentário