Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Crédito: AFP

No G-20, Bolsonaro ataca Petrobras e mente sobre popularidade

Por Redação

30 de outubro de 2021 : 10h22

Na manhã deste sábado, 30, Jair Bolsonaro conversou informalmente com o presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, e atacou a Petrobras dizendo que a petrolífera “é um problema”.

Ele também mentiu ao mandatário turco ao dizer que tem “um apoio popular muito grande” no Brasil e que a economia com crescimento “forte”. Na última pesquisa do Datafolha, a rejeição ao presidente chegou a 53%, nível recorde, e os bancos estão projetando um cenário de recessão no país em 2022.

Ao lado de Paulo Guedes, Bolsonaro se aproximou de Erdogan e pediu auxílio a um tradutor para falar com o presidente turco e foi daí que ele perguntou sobre a situação do Brasil.

“Tudo bem. A economia voltando bem forte. A mídia como sempre atacando, estamos resistindo bem. Não é fácil ser chefe de Estado em qualquer lugar do mundo”, respondeu Bolsonaro.

Na sequência, Erdogan falou que o Brasil tem “grandes recursos petrolíferos” e citou a Petrobras. Bolsonaro retrucou para atacar a petrolífera brasileira.

“Petrobras é um problema. Mas estamos quebrando monopólios, com uma reação muito grande. Há pouco tempo era uma empresa de partido político. Mudamos isso”, disse.

Depois de saber que a eleição no Brasil vai acontecer somente em outubro de 2022, Erdogan falou que Bolsonaro ainda tem muito o que fazer no governo. Outra vez, Bolsonaro mente ao falar sobre sua popularidade.

“Eu também tenho um apoio popular muito grande. Temos uma boa equipe de ministros. Não aceitei indicação de ninguém. Fui eu que botei todo mundo. Prestigiei as Forças Armadas. Um terço dos ministros [é de] militares profissionais. Não é fácil. Fazer as coisas certas é mais difícil”.

Com informações do O Globo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Paulo

30 de outubro de 2021 às 12h34

Um exemplo de homem bom e governante íntegro. Se Getúlio era o “pai dos pobres”, Bolsonaro deveria ser o “Pai da Pátria”, e Lula, o “Painhoão da Pátria”…

Responder

Ancapistãonense

30 de outubro de 2021 às 11h51

Nao gosto do Bozo, mas ele falou muito bem, especialmente sobre a Petrobras.

Responder

Querlon

30 de outubro de 2021 às 10h44

Na ultima pesquisa Datafolha…kkkkkkkk

E na pesquisa de rua do dia 7 de setembro com tudo gravado…? Kkkkkkkkkkk

Responder

Willy

30 de outubro de 2021 às 10h41

Tentem elevar um pouco o nivél ao invés de deixar escrever essas besteiras…mentiu, mentiu, mentiu…parece um texto escrito por um menino idiota de 12 anos brigando com o irmao.

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?