Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Parlamentares LGBTQIA+ apresentam denúncia contra jogador de vôlei bolsonarista

Por Redação

30 de outubro de 2021 : 11h15

Parlamentares de 14 estados e sete partidos que fazem parte da comunidade LGBTQIA+ apresentaram uma denúncia ao Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG) contra o jogador de vôlei bolsonarista, Mauricio de Souza, pelas suas declarações homofóbicas nas redes sociais.

De acordo com a peça apresentada ao MP, “a discriminação é nítida e direta, porque decorrente da intenção explícita de humilhar e constranger toda a população LGBTQIA+, causando prejuízo no exercício adequado do direito fundamental à cidadania e risco aumentado de violência por discursos como este”.

A denúncia prossegue dizendo que “o senhor Maurício Souza tem usado suas redes sociais há muito tempo para disseminar comentários ofensivos à comunidade LGBTQIA+, direta ou indiretamente”.

Os parlamentares também pediram ao Facebook uma reunião oficial para tratar sobre isso e discutir as políticas da rede social de combate à violência contra a comunidade LGBTQIA+ e ao discurso de ódio.

O documento foi assinado pelo senador Fabiano Contarato (Rede-ES), os deputados Leci Brandão (PCdoB-SP), David Miranda (PSOL-RJ), Vivi Reis (PSOL-PA), Fábio Félix (PSOL-DF), Robeyonce Lima (PSOL-PE) e as vereadoras Erika Hilton (PSOL-SP), Monica Benício (PSOL-RJ), Linda Brasil (PSOL-SE), Duda Salabert (PDT-MG), Bella Gonçalves (PSOL-MG), Brisa Bracchi (PT-RN), Thabatta Pimenta (Pros-RN) e Benny Briolly (PSOL-RJ).

Acesse a denúncia clicando aqui.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Tony

30 de outubro de 2021 às 21h57

É normal catalogar as pessoas com uma sigla de letras sem significado nenhum ?
Lgbdsjdj#$++-KLDB…que merda é essa ?

Responder

Paulo

30 de outubro de 2021 às 12h31

Deveriam colocar na pauta a adoção do hino do Coral Gay de São Francisco (EUA) como um monumento à tolerância, à boa vontade e ao “ecumenismo” sexual…

Responder

Mélio

30 de outubro de 2021 às 11h54

LGBTQIAHTCMANDROTJAQWZLPO*

Responder

Deixe um comentário