Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Imagem: Rodrigo Sanches/Exame

Lula e Moro crescem em popularidade digital

Por Gabriel Barbosa

22 de novembro de 2021 : 16h18

O Índice de Popularidade Digital (IPD) divulgado mensalmente pela Consultoria Quaest mostra dois pontos interessantes na corrida eleitoral para o Palácio do Planalto em 2022.

Primeiro ponto, o fato do ex-presidente Lula ter ficado 1,37 ponto acima de Jair Bolsonaro que até o momento é o seu principal adversário.

Na terça passada quando cumpria agenda na Europa, Lula alcançou 63,9 pontos contra 57,9 pontos registrados por Bolsonaro. Entre o início e o fim do levantamento, Lula cresceu 27,8 pontos.

Na avaliação do cientista político e diretor da Quaest, Felipe Nunes, “esse estilo mais calado está contribuindo para manter Bolsonaro no pelotão de cima, mas sem grandes volatilidades, como costumava acontecer com ele no IPD nos últimos tempos”.

Ainda segundo Nunes, “já no caso de Lula, a repercussão majoritariamente positiva do giro europeu está relacionada à elevação de pontuação”.

Segundo ponto relevante apontado pela Quaest é o crescimento de Sérgio Moro no IPD. Na terça-feira passada quando o relatório foi finalizado, o ex-juiz apareceu em terceiro lugar com 30,7 pontos, deixando para trás o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) que registrou 28,9 pontos.

De acordo com o relatório da Quaest, “a filiação ao Podemos e o discurso de pré-candidato à Presidência contribuíram para os bons resultados de Moro. Ciro, que tem uma forte estratégia nas redes,  manteve-se no patamar entre 28 e 30 pontos”.

“Moro assumiu a terceira colocação no IPD e teve uma evolução considerável, principalmente se lembrarmos que, no dia 25 de outubro a pontuação dele era de 17,2. Sua candidatura tem chamado a atenção e gerado engajamento e mobilização digital”, diz Felipe Nunes.

“Se isso vai se manter, é outra história. É bom lembrar que outros políticos já obtiveram performance similar em momentos específicos, mas nenhum deles conseguiu sustentar esse bom desempenho por muito tempo”, finaliza.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?