Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Tio Sam não quer mais refinarias no Brasil

Por Miguel do Rosário

02 de fevereiro de 2022 : 14h54

Sergio Moro não apenas foi um mau juiz e um mau ministro da Justiça.

Ele também é um péssimo candidato a presidência da república.

Em palestra recente a empresários, o ex-juiz da Lava Jato resumiu seu projeto de governo: “se for possível privatizar tudo, que se privatize tudo”.

E não poupou ataques a Petrobrás, a joia da coroa do Estado brasileiro:

“A Petrobras teve papel importante para o país, mas é uma empresa atrasada, que ainda vive da exploração do petróleo, um combustível que o resto do mundo já não está mais usando. Hoje, estamos discutindo outras formas de energias limpas, mais ambientalmente corretas”.

A informação de que é o petróleo é um combustível que “o resto do mundo já não está usando” é mentira.

Segundo a Agência Internacional de Energia (IEA), os combustíveis fósseis (petróleo, carvão e gás natural) respondem por mais de 80% de toda a energia consumida no mundo.

No caso do Brasil, temos a sorte de possuir uma infra-estrutura hídrica abundante, e um uso bem acima da média global de fontes renováveis, ainda assim, o petróleo é o combustível mais usado.

A matriz hidráulica, além disso, depende de chuvas, e como temos visto em crises recentes, há anos em que chove pouco e temos de apelar para termoelétricas movidas a… petróleo (na forma de gás natural ou diesel).

No caso dos transportes, o Brasil é um país no qual a circulação de pessoas e mercadorias se faz através de veículos movidos a gasolina, gás natural ou diesel (motos, carros, ônibus, caminhões, aviões).

Segundo a Agência de Informação Energética do governo americano, a EIA, o petróleo e o gás natural continuarão a ser os combustíveis mais usados pelo mundo até 2050, e sem tendência de diminuição a partir daí.

Energias renováveis vem crescendo de maneira muito rápida, mas o consumo global de energia, de maneira geral, vem subindo rapidamente.

O uso de carvão já começou a declinar dramaticamente, e deve cair ainda mais nas próximas décadas, e deve ser substituído sobretudo por gás natural, o que explicaria também o aumento vigoroso na demanda deste último.

O que se prevê é o aumento do uso de energia elétrica em veículos leves, mas até que isto se torne um fenômeno de massa, estima-se que levará algumas décadas. E mesmo assim, lembre-se que a energia elétrica não é uma fonte primária, ou seja, será ainda necessário petróleo (gás natural ou diesel) para se movimentar uma termoelétrica responsável pela produção da eletricidade que abastecerá o carro do futuro.

A frase de Moro é particularmente idiota para alguém que admira tanto os Estados Unidos. Se o mundo não está mais usando petróleo, e se este é um setor atrasado, por que os Estados Unidos  exportou US$ 147 bilhões em petróleo e derivados diretos em 2019, e isso sem contar a imensa gama de produtos da cadeia petróleo, como plásticos e adubos?

Na tabela abaixo, identificamos os principais exportadores de petróleo, cru e refinado, do mundo, nos anos 2000 e 2019. O Brasil figura em  décimo sétimo lugar, apesar de já ocupar, em vários ranking, o nono lugar em produção.

O responsável direto por essa posição ruim no ranking de exportação de petróleo é a baixa capacidade instalada de refino no Brasil, insuficiente até mesmo para abastecer o nosso mercado interno. As refinarias brasileiras vem atendendo cerca de 70% da demanda doméstica, e isso num período de baixíssimo crescimento econômico. Se o país voltar a crescer a taxas mais robustas, as necessidades de importação de derivados devem explodir. É uma armadilha já antiga, montada para impedir o nosso desenvolvimento.

No gráfico abaixo, vemos que os EUA respondem por 18% do refino mundial, e a China por outros 16%. A pequena Coreia do Sul tem 3,5% do refino global, e o Brasil, apenas 2,3%.

No gráfico abaixo, atualizado até 2020 (mas em 2021 não mudou nada), vemos a estagnação brasileira na produção de derivados. O nível de hoje está bem abaixo de 2014.

Em outra tabela,  vemos que, apesar do aumento de 55% das exportações brasileiras de petróleo bruto em 2021, as exportações de diesel caíram 77%.

O principal derivado de petróleo exportado pelo Brasil é “fuel oil”, uma espécie de refugo de baixa qualidade e baixo valor agregado.

As quantidades exportadas pelo Brasil de gasolina, diesel, querosene de aviação, as estrelas do refino, são ridiculamente pequenas.

As importações de derivados cresceram 82% em 2021, e isso sem contar os produtos da cadeia petróleo. Apenas a importação de diesel consumiu US$ 7 bilhões.

Gastamos ainda US$ 3,6 bilhões com a importação de nafta e US$ 1,16 bilhão com gasolina.

Se incluirmos adubos, plásticos e gás natural no conjunto de produtos da cadeia petróleo, as despesas com importação chegaram a US$ 47,66 bilhões em 2021, alta de 86% sobre o ano anterior, e correspondente a 21,7% do total das importações brasileiras.

Em 2021, esses produtos corresponderam a 16% do total importado. Em dez anos, o Brasil importou US$ 403,3 bilhões em produtos da cadeia petróleo, o equivalente, em reais, a R$ 2,12 trilhões. Pense nisso na próxima vez que você ouvir um liberal dizendo que é muito caro construir refinaria…

Fizemos também uma tabela com o saldo comercial do grupo de produtos da cadeia petróleo. É preocupante que, mesmo com o recorde nas exportações de petróleo bruto, permanecemos com um déficit de US$ 6 bilhões, em virtude do aumento brutal das importações de adubos, plásticos, gás natural, nafta e diesel.

***

Adivinha quem vem ganhando com essa política entreguista, iniciada com a Lava Jato, de desmontar os projetos de construção de refinarias e privatizar as que já temos?

Sim, ele, o Tio Sam!

Em 2021, o Brasil importou US$ 16,17 bilhões de produtos americanos de petróleo, alta de 78% sobre o ano anterior.  Recorde histórico.

Conclusão

O Brasil cultivou para si, com todo o cuidado, a famosa doença holandesa, em tempo recorde. Ao mesmo tempo que aumentou sua produção e exportação de petróleo bruto, viu crescer exponencialmente as importações de refinados e produtos a base de petróleo, os quais pesam cada vez mais na balança comercial brasileira. E tudo isso num cenário de profunda estagnação econômica. Imagina quando o Brasil voltar a crescer?

O Brasil precisa enfrentar o interesse de outros países, em especial os Estados Unidos, que tentam nos manter como um mercado próprio para os seus refinados.

É necessário ampliar o parque refinador nacional, para atendermos a demanda interna e, se for possível, agregarmos valor ao petróleo exportado, vendendo-o não apenas como combustível, mas também na forma de polímeros e plásticos!

A venda de refinarias da Petrobrás para grupos estrangeiros, por sua vez, gera o pior dos mundos: um mercado interno controlado por oligopólios privados, e um mercado externo sob o jugo dos interesses do imperialismo americano.

Como escapar dessas armadilhas?

A resposta é simples. Parece radical, mas é a única maneira: reestatizando a Petrobrás, através da recompra de suas ações pelo governo, retomada das refinarias privatizadas, e a construção de novas refinarias, modernas e inteligentes, já abertas para serem convertidas em centros de pesquisa para energias limpas e renováveis.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

10 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Zilton silva

04 de fevereiro de 2022 às 12h41

Este artigo pode ser enriquecido com dados atuais que provam o malefício da entrega das refinarias ao capital privado:
O preço da gasolina vendida pela Rlam ( refinaria na Bahia, recentemente passada para controle privado) é hoje de R$ 3,42, enquanto que o preço das refinarias que continuam sob gerência da Petrobras é de R$3,24.
Privatizar é bom para quem??? Para a população tenho certeza que não é.

Responder

Carlos André

03 de fevereiro de 2022 às 16h32

Uma lástima saber que nosso país e suas riquezas foram colocadas numa banca de feira a preço de banana por um Neandertal da economia e seu burro falante. Parabéns pelo artigo, Miguel.

Responder

Cesar Boaventura

03 de fevereiro de 2022 às 12h48

Sei,Redatores do ☕Cafezinho ☕Esqueceram,dos Geradores de Energia,Usados Em Granjas de 🐔🐔🐔 Frangos 🐔🐔🐔,🐖🐖🐖Porcos 🐖🐖🐖 Aviões Pulverizadores de inseticidas, do👉 Transporte de Cargas,Pessoas, Bens de Consumo,Em Geral,Transportados,Em Navios Cargueiros,Balsas de Tavessias,Comumente Utilizadas ,Onde Ainda Hoje👈😎 Não existem Pontes,E Sim👉Chatas do Sistema Hidroviário de Transp.de Grãos/Soja/Milho/Sorgo/Botijões de Gás/Óleo Díesel/Querosene/Sucos/Óleos Vegetais/Barcos/Médios/e de Pqno,Porte,Usados na Região Amazônica,e no Pantanal do Mt.Grosso,Transporte de Maquinários,De Norte ao Sul,do 👉BRASIL,E Vice-Versa👈😎☝😎

Responder

Ronei

02 de fevereiro de 2022 às 19h46

A Petrobrás até hoje foi completamente inútil, serviu exclusivamente a fins políticos para financiar partidos, comprar apoio do Congresso, roubar e criar dividas.

Que quem elegeu por anos o PT que fez a imundícia que fez com a Petrobrás tenha a coragem de dar pitacos é pra la de ridículo.

Quem elegeu um Pilantra e uma imbecil completa não pode dar palpite em absolutamente nada.

Responder

    Marcio

    03 de fevereiro de 2022 às 06h09

    Boa ideia Ronei, então como tudo no país que tem roubo, sugiro que fechemos TB a previdência social, os hospitais, as forças armadas, a receita federal, e tudo que seja público, pq esse é um lado da moeda na linha de.producaobda corrupção, mas não nós esqueçamos de fechar TB as empresas privadas que estão na outra ponta da corrupção, seja uma empreiteira que constrói uma refinaria para a Petrobras ou uma ponte para o governo municipal, estadual ou federal, a empresa que fornece comida superfaturada para nossos quartéis, a OS que trabalha de forma terceirizada na administração dos nossos hospitais, ou seja, vamos fechar o país….

    Responder

    Nelson

    04 de fevereiro de 2022 às 22h17

    Arrogância, estupidez, ignorância.

    Podemos elaborar uma lista de falhas e problemas relacionados com a Petrobras. Porém, por maior que seja tal lista, não vai conseguir empanar o brilho da maior empresa brasileira. A Petrobras é orgulho nacional, mostra a capacidade do nosso povo brasileiro, da capacidade da geologia, da química, da engenharia e da tecnologia brasileiras.

    Comprovada a existência de petróleo em grande quantidade no oceano, a 5 mil ou 6 mil metros de profundidade, faltava a capacidade de se chegar até essa riqueza para extraí-la. Não havia qualquer outra empresa a fazer algo assim em todo o mundo. Então, era preciso desenvolver os equipamentos e as técnicas para chegar a tamanha profundidade.

    E o conjunto de funcionários da Petrobras topou o desafio. E mostrou toda a sua capacidade desenvolvendo a tecnologia para alcançar e extrair esse petróleo. A prova disso é que o governo dos Estados Unidos, do pacifista (sic) Barack Obama, colocou seus serviços de espionagem a piratear a tecnologia inventada pela Petrobras. Estranho, né. Quando se fala em pirataria, os órgãos da mídia hegemônica e seus comentaristas apontam rapidamente para a China.

    Então, meu chapa, quando alguém que vem a público afirmar que “a Petrobrás até hoje foi completamente inútil”, eu só posso atribuir uma declaração dessas a uma mistura de arrogância, estupidez e ignorância.

    Ignorância da história da fundação da Petrobras – ou seria cegueira intencional, o que caracteriza ignorância ainda maior? -e da épica luta do povo brasileiro, “O Petróleo é nosso”, na primeira metade do século passado, até a fundação da empresa por Getúlio Vargas.

    Estupidez de acreditar que o que viu e ouviu na mídia hegemônica e dito por seus comentaristas é a expressão da verdade e passar a repetir aos quatro ventos. A mesma mídia hegemônica que, historicamente, tem demonstrado não ter qualquer compromisso para com as necessidades do povo brasileiro e com os interesses do nosso país. Essa mídia sempre se mostrou antipovo, antinacional e elitista até a medula.

    Arrogância, característica resultante da combinação entre ignorância e da estupidez. Se você tem ciência de que ignora alguma coisa e tem a humildade para reconhecer essa deficiência, vai buscar se informar para sanar essa ignorância.

    Porém, se não é humilde o suficiente, passa a achar que se basta e, embalado pela estupidez disso resultante vai passar a exalar arrogância por todos os poros.

    Responder

    Nelson

    04 de fevereiro de 2022 às 22h32

    Venho votando no PT há várias eleições. Quando não o fiz é porque optei por um outro partido de esquerda. E voto no PT por estar apaixonado perdidamente por esse partido? Não, não sou e nunca fui filiado a qualquer um.

    Tenho votado preferencialmente no PT, porque é o melhor dos partidos – ou, como alguns preferem o menos pior -, dos poucos que ainda guardam compromisso com o povo, com os trabalhadores. Esse compromisso do PT deveria ser bem maior, mas existe.

    Já o PSDB, DEM, PP e tantos outros só têm compromisso real com o grande capital. Se eu votasse nessa corja, poderia registrar um atestado de grande trouxa. Seria, como dizia o meu pai, o mesmo que criar um corvo e, depois de grande, ele vir furar meus olhos.

    E, por não ter qualquer comprometimento com o PT, eu digo que, uma vez mais, você demonstra grande ignorância ao repetir o que a mídia hegemônica e as fake news inventaram sobre s governos do PT.

    Sim, tais governos cometeram erros, tiveram muitas falhas. Porém, a grande mídia e os divulgadores de fake news costumam entremear algumas verdades sobre o PT com uma montoeira inesgotável de mentiras.

    E, arrogante, você se põe a acreditar em tudo o que eles divulgam. Acredita, piamente, pelo jeito, na grande mentira de que o PT quebrou o país, de que deu bilhões e mais bilhões para países “comunistas”, de que quebrou o BNDES, a Petrobras, etc.

    Sugiro que, para não vir aqui ou em outro blog mostrar essa ignorância toda, passe a buscar informações nos blogs e sítios alternativos. Se continuar a se informar apenas pela mídia hegemônica e pelos fabricantes de mentiras, vais, como dizia Malcom X, “amar os opressores e odiar os oprimidos”.

    Responder

Antonio Carlos Lima

02 de fevereiro de 2022 às 18h39

A proposta de reestatizar a Petrobrás, comprando suas ações, é equivalente ao que Hugo Chávez fez com a PDVSA. Os EUA não vão aceitar…

Responder

    Cesar Boaventura

    03 de fevereiro de 2022 às 13h14

    @antoniocarloslima”,Sanções da👉🇺🇸 GRINGÓLANDIA 🇺🇸👈 Contra 👉👮 Venezuela👮👈São Consequências da Atuál👉👮Conjuntura/Cívico/Militar/Ditatorial/Chavista/👮Em curso há👉29 anos, Naquele País,Lembrando q 👉👮 HUGO RAFAÉL CHAVÊZ FRÍAS 👮Era,a Época 👮 Tenente-Coronel,da Ativa do 👮 Exército da Venezuela👮O Msmo,Sucedeu Com👉Cuba,Ditadura Castrista,Está, X Completar >>62 amAños,Embora Seja Costume Dzr,Ahí no 👉 BRASIL, Q’ Cuba,Nicarágua, Y ,Venezuela,Estejan Sob a Tutela,de 👉Socialistas-Comunistas,,Está “Sím”,Sob a Tutela de 👉Politiqueros Corruptos de 👉 Ultraderecha/Ecxtremaderecha/Extremadireita/de Seus Respectivos Países,Em Nenhum Deles,Existem/Políticos de Esquerda/Partidos Políticos de Esquerda,Partidaristas,Ou Algo Semelhante,👉👮FÍDEL CASTRO/CUBA👮/👮HUGO CHÁVEZ/VENEZUELA👮👮DANIEL ORTEGA SAAVEDRA/NICARÁGUA👮São Militares,Q’ Se Alto-Placlamou,Em Seus Países👉Ditador-Presidente

    Responder

Alexandre Neres

02 de fevereiro de 2022 às 16h09

Serjo Morto não passa de um entreguista e adorou ser capataz do Tio Sam para destruir nossas indústrias mais competitivas.

Agora tá querendo ir além. Doar a Petrobras, joia da Coroa, para a Chevron ou para a ExxonMobil, a preço de banana, com um discurso canhestro.

É duro viver em um país cuja população supostamente ilustrada endeusou por um tempo esse santo do pau oco sem nenhum estofo. Não sei também como personagem tão medíocre passou em concurso para juiz federal, o que depõe contra a suposta meritocracia da magistratura.

Não por acaso o marreco vive enaltecendo a figura do presidente estadunidense Teddy Roosevelt, um supremacista cujas estátuas estão sendo retiradas, que tinha como política para a América Latina a do grande porrete.

É triste constatar o complexo de vira-lata desse provinciano, que por natureza adora falar fino, sobretudo quando o interlocutor é a Metrópole (DoJ, CIA, DoS, FBI etc.). Serjo Morto nasceu para desempenhar o papel de capacho servil.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador de Minas Gerais O Xadrez para Governador de São Paulo O Xadrez para Governador do Rio de Janeiro Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro