Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

Foto: Divulgação

Lupi gera revolta interna no PDT Ceará após declarar apoio a Roberto Cláudio

Por Gabriel Barbosa

16 de junho de 2022 : 19h02

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, gerou revolta interna no diretório pedetista do Ceará após declarar apoio antecipado a pré-candidatura do ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, ao governo cearense.

A atitude inesperada de Lupi aconteceu durante um encontro de lideranças regionais e nacionais do PDT no Hotel Mareiro, na Beira Mar de Fortaleza. O ex-ministro Ciro Gomes estava presente, ele também é um entusiasta da candidatura de RC.

O evento aconteceu na tarde desta quarta-feira, 15, e contou com a presença de outros três pré-candidatos do partido: Mauro Filho, Evandro Leitão e a própria governadora Izolda Cela.

A reação interna foi por meio de uma nota escrita por Leitão, que é presidente da Assembleia Legislativa do Ceará. A nota, que não poupa críticas a postura de Lupi, chegou a ser compartilhada no grupo de deputados estaduais.

Segundo um interlocutor, a nota teve a concordância da própria Izolda Cela que nos últimos meses tem se articulado com os partidos da base aliada, incluindo o PT, para ser a pré-candidata oficial da situação.

Na nota, Leitão chega a classificar o comportamento de Lupi como inconveniente, inoportuno, desrespeitoso e inadequado. Entre aliados, a avaliação é que a postura de Lupi aprofundou a divisão no PDT local.

Leia a íntegra da nota!

NOTA DE INDIGNAÇÃO CONTRA CARLOS LUPI

Parabenizo pelo encontro de ontem, de reforço à candidatura do nosso presidente Ciro. Estamos juntos nessa luta.

Mas não poderia deixar de expressar minha indignação pelo comportamento inoportuno e desrespeitoso do presidente nacional do nosso partido, sr Carlos Lupi, que vem ao nosso Ceará e desrespeita o democrático processo de escolha de nosso candidato ao Governo, que conta com 4 nomes na disputa, e que ainda contará com outros dois encontros locais, e usa do microfone para se manifestar de forma inconveniente em prol de uma das candidaturas.

Ele, como presidente nacional, deveria se comportar como magistrado nesse processo, respeitando os quatro pré-candidatos, nós parlamentares e lideranças, e não como militante em prol de uma candidatura.

Esse comportamento inadequado não contribui em nada para o momento que estamos vivendo.


Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Pós-graduando em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

carlos

16 de junho de 2022 às 21h20

O Carlos Lupi, a favor dos caciques, vai perder o pleito no Ceará de achar que o capitão wagner ser um cavalo Paraguaio, mas dessa vez tem apoio de outros partidos e mais de TV, coitado do PDT de Brizola , vai se acabar com quem deveria ter o mínimo de cuidado com um partido que era de Leonel Brizola e darcy Ribeiro. Agora acabou o resto.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina