Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Imagem: Divulgação

Justiça decreta prisão preventiva de bolsonarista que assassinou tesoureiro do PT

Por Redação

11 de julho de 2022 : 13h16

Nesta segunda-feira, 11, a Justiça do Paraná decretou a prisão preventiva do agente penitenciário Jorge Guaranho por ter assassinado a tiros o tesoureiro do PT, Marcelo Arruda, em Foz do Iguaçu (PR) na madrugada deste domingo, 10.

O pedido a Justiça foi feito pelo Ministério Público do Paraná. o promotor do caso, Tiago Lisboa, confirmou que o órgão iria solicitar ao Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) a prisão preventiva do bolsonarista.

Vale lembrar que pessoas que estavam presentes na festa de Arruda afirmam que o bolsonarista não era uma figura conhecida pelo petista. Relatos indicam que Guaranho estava enfurecido com o tema da festa: o ex-presidente Lula (PT).

O agente penitenciário estava fazendo ameaças e teria voltado a festa do petista para matá-lo. Outras testemunhas também disseram que o bolsonarista estaria sob efeito de drogas. Ele estava acompanhado da esposa e filha em seu carro. 

Além disso, Guaranho teria chegado ao aniversário do petistas e gritado: “Aqui é Bolsonaro”. A informação é do boletim de ocorrência.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Sebastião

11 de julho de 2022 às 15h36

Relativizar a morte, buscando justificativa? Quem está defendendo o assassino, mesmo sendo em sites de esquerdas, tem como fontes de informações os bolsonaristas.

E entram aqui, se passando como esquerdistas. Embora muitos ciristas ajam assim também.

Responder

    Dudu

    11 de julho de 2022 às 17h47

    Dois imbecis brigaram por motivos fúteis, se ameaçaram de morte, um jogou uma pedra no outro, os dois atiraram um no outro…se morre um, morre outro ou morrem os dois que diferença faz ?

    Você tem alguma preferência para quem morre ou deixa de morrer, é um urubu que vive de carcassas ?

    Responder

Fanta

11 de julho de 2022 às 14h52

O sujeito chegou no local para levar uma mulher, ouve bate boca, xingamentos, o petistoide saiu do local e tacou uma pedrada no outro que pegou a arma para se defender (sem atirar nesse primeiro momento).

Certamente os dois ameaçaram de matar um o outro até quando um voltou e houve o tiroteio.

Quando se chega nesse ponto de imbecilidade morrer no Brasil é a coisa mais fácil do mundo.

Responder

Kleiton

11 de julho de 2022 às 14h47

Vale lembrar que não é bem assim a história mas tem as imagens externas explicando direitinho: https://www.youtube.com/watch?v=MUmzslB9xM8

Não tem mocinho nenhum nessa história mas só 2 imbecis.

Responder

Deixe um comentário

Por que devemos confiar nas Urnas Eletrônicas? Viaje no Universo Profundo com o Telescópio James Webb O Xadrez para Governador do Ceará