Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Marcelo Camará/MCid/ Direitos Reservados

Na Bahia, Lula entrega 2.745 unidades do Minha Casa, Minha Vida, retoma Faixa 1 do programa e anuncia 2 milhões de moradias até 2026

Por Redação

13 de fevereiro de 2023 : 20h32

Presidente estará em Santo Amaro (BA) nesta terça (14/2) para também anunciar a retomada das obras de 5.562 moradias para a população de baixa renda, no maior programa de habitação do país nas últimas décadas

Publicado em 13/02/2023 – 18h27

Planalto — O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, anuncia nesta terça-feira, 14/2, em Santo Amaro (BA), às 16h, a retomada do Minha Casa, Minha Vida, o maior programa de habitação do país nas últimas décadas, com a entrega de 2.745 unidades habitacionais. Na cidade baiana, o presidente fará a entrega de 684 unidades em dois conjuntos habitacionais (Vida Nova Santo Amaro 1 e Residencial Vida Nova Sacramento). Na ocasião, ele vai anunciar o novo Minha Casa Minha Vida, que tem como meta contratar, até 2026, dois milhões de moradias.

Uma das principais novidades do novo programa é o retorno da Faixa 1 do Minha Casa, Minha Vida, agora voltada para famílias com renda bruta de até R$ 2.640 (anteriormente, a renda exigida era de R$ 1.800). Nos últimos quatro anos, a população com essa faixa de renda foi excluída do programa. Agora, a ideia é de que até 50% das unidades financiadas e subsidiadas sejam destinadas a esse público. Historicamente, o subsídio oferecido a famílias dessa faixa de renda varia de 85% a 95%.

Outras novidades do novo Minha Casa, Minha Vida são a ampliação da inclusão da locação social, a possibilidade de aquisição de moradia urbana usada e a inclusão de famílias em situação de rua no programa. Os empreendimentos estarão mais próximos a comércio, serviços e equipamentos públicos, e com melhor infraestrutura no entorno.

Retomada

Na mesma ocasião, o presidente Lula anunciará a retomada das obras de 5.562 unidades habitacionais em cinco municípios: Rio Largo, em Alagoas (609); Chapadinha, no Maranhão (868); Imperatriz, também no Maranhão (2.837). Também integram a lista Governador Valadares, em Minas Gerais (240) e Belém, no Pará (1.008). Ao todo, o governo federal assegurará continuidade ou retomada de obras de 186,7 mil moradias em todo o país.

O evento será realizado de forma simultânea (online) em Lauro de Freitas (BA), João Pessoa (PB), Contagem (MG) e Aparecida de Goiânia (GO). Ao todo, as unidades entregues nesta terça abrangem nove municípios de seis estados (veja abaixo), num investimento que somou mais R$ 206,9 milhões.

Além do presidente Lula, estarão presentes em Santo Amaro (BA) o ministro-chefe da Casa Civil, Rui Costa, o ministro das Cidades, Jader Filho, o ministro dos Transportes, Renan Filho, a presidente da Caixa Econômica Federal, Maria Rita Serrano, o governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues, entre outras autoridades.

Outros ministros participarão da solenidade nas outras cidades. A ministra da Cultura, Margareth Menezes, estará em Lauro de Freitas (BA). O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, participará do evento em Contagem (MG). A ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, participará em Aparecida de Goiânia (GO) e a ministra de Ciência, Tecnologia e Inovação, Luciana Santos, estará em João Pessoa (PB).

O Minha Casa, Minha Vida é um importante instrumento não só para reduzir o déficit habitacional brasileiro, principalmente nas faixas de menor renda, mas também contribui para o crescimento da economia e é fundamental para a geração de empregos.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Carlos

13 de fevereiro de 2023 às 22h47

Lula não entrega nada, quem bancou isso foram os brasileiros.

Responder

Paulo

13 de fevereiro de 2023 às 21h19

Se entregou isso há menos de um mês e meio da posse é porque foi feito pelo Governo anterior. Como esses políticos são oportunistas…

Responder

Galinze

13 de fevereiro de 2023 às 21h04

É sempre o mesmo que muda de nome há décadas.

Responder

Deixe um comentário