Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Panelaços esvaziados decepcionam oposição

Por Miguel do Rosário

04 de fevereiro de 2016 : 14h35

[s2If !current_user_can(access_s2member_level1) OR current_user_can(access_s2member_level1)]Análise Diária de Conjuntura – Manhã – 04/02/2016

Na coluna Casa das Caldeiras, no Valor, o jornalista admite que ontem houve “um panelaço um tanto acanhado nas principais cidades do país.”

Isso não impediu os jornalões de o disporem na capa, junto às últimas notícias sobre a reforma do sítio “frequentado” por Lula em Atibaia.[/s2If]

[s2If !current_user_can(access_s2member_level1)]

***

Para continuar a ler, você precisa fazer seu login como assinante (na coluna da direita; ou abaixo da seção de comentários, se você estiver lendo pelo celular). Confira aqui como assinar o blog O Cafezinho. Qualquer dúvida, entre em contato com a Thamyres, no assinatura@ocafezinho.com. [/s2If]

[s2If current_user_can(access_s2member_level1)]

A imprensa parece realmente ter perdido a noção do caminho ridículo que tomou, com essa história combinada do sítio e triplex.

Entretanto, o pior é que a Lava Jato, até pouco tempo uma portentosa operação, gerando manchetes bilionárias, tenha se degradado a ponto de investigar a reforma de um sítio e de um apartamento… que não pertencem a ninguém relacionado à operação.

O Jornal Nacional dedicou quatro minutos ao assunto do sítio, apresentando notas fiscais de compras para o “triplex” que não é de Lula e para o sítio em Atibaia, que também não é de Lula.

FHC fez reunião, dentro do Palácio do Planalto, pouco antes de sair do governo, para arrecadar dinheiro para o instituto que pretendia criar para si mesmo. Apenas naquela reunião, realizada dentro do Planalto, apurou-se que conseguira arrecadar mais de R$ 7 milhões, em valores da época. Em seguida, FHC consegue outros milhões via lei rouanet.

Uma reportagem publicada na Istoé em 1999 revela que a Camargo Correa construiu, em 1995, ao lado de fazenda de Fernando Henrique Cardoso (observe que é do próprio FHC, não de amigo do filho de FHC), um aeroporto que era usado principalmente por familiares de FHC.

Veja bem, a Camargo Correa construiu o aeroporto no primeiro ano do governo FHC!

As reformas no sítio do amigo do filho de Lula ocorreram depois que ele deixou o governo!

Mudemos de assunto.

No front político, Michel Temer e Renan Calheiros parecem ter fechado acordo para que o primeiro seja reconduzido à presidência do partido. Foi um jogo de cartas marcadas, mas que testemunhou um embate tão violento quanto abafado, entre Renan e Temer. A vitória, ao contrário do pode parecer com a recondução de Temer, foi de Renan, que ampliou sua influência dentro da legenda, sobretudo com a derrota da bandeira do impeachment.

Um dos nomes mais conhecidos do PSDB, Artur Virgílio, defendeu publicamente, em evento realizado ontem, que o impeachment seja enterrado e que a oposição mude a sua pauta: derrota de Aécio e de seu grupo no parlamento.

Nem tudo são flores, todavia, para o governo.

Gilmar Mendes acaba de ser reempossado presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e deverá portanto liderar o processo movido pelo PSDB que pede a cassação do mandato da presidente Dilma Rousseff.

Num mundo mais republicano, o fato de Mendes ser o presidente do TSE o forçaria a ser mais isento no julgamento das contas da presidente. A Mendes, porém, não se cobra nenhum tipo de isenção.

Há um lado bom, contudo. Uma improvável cassação do mandato de Dilma viria marcada pela atuação partidária de Gilmar Mendes.

Ou seja, Dilma está “protegida” por seus dois inimigos. Com Eduardo Cunha na presidência da Câmara, o processo de impeachment, já quase enterrado, perde toda a crediblidade. Com Gilmar Mendes na presidência do TSE, o processo de cassação fica igualmente marcado por sua postura profundamente partidária.

No front econômico, o dólar segue em firme baixa e já está sendo negociado hoje ao redor de R$ 3,86. A estabilização do câmbio ajuda muito a segurar a inflação, e isso é uma excelente notícia.

Mas a inflação ainda não cedeu. O índice de preços ao consumidos (IPC-C1), da Fundação Getúlio Vargas, fechou janeiro com variação de 1,91%, contra 0,94% no mês anterior. No acumulado de 12 meses, o índice ficou em 11,42%.

Voltando à política, temos ainda a notícia de que Marlon Cajado, o delegado da PF responsável pela Zelotes, afirmou, em ofício enviado ao juiz, que investiga o envolvimento de Lula na “venda de MPs”. A informação integra a operação alquímica vista na Zelotes, que se transformou completamente, passando de uma investigação de um bilionário esquema de sonegação, com pagamento de propinas a membros do Carf, e tendo como investigadas grandes empresas do ramo da indústria, das finanças e da mídia, para mais uma dessas conspiraçõezinhas baratas contra Lula, que visam prover a imprensa antipetista com manchetes espetaculosas.

Marlon Cajado, sempre é bom lembrar, é primo do deputado federal Claudio Cajado, do DEM da Bahia.

Na Câmara dos Deputados, ventilou-se que o governo teria sido derrotado por conta de mudanças na MP que aumenta imposto sobre o capital. Mas o que aconteceu foi o chamado ganha-ganha: o governo ganhou e a oposição achou que ganhou. A MP do governo foi aprovada, haverá mais impostos sobre o capital, embora de maneira tão acentuada como queria o governo – assim funciona a democracia. O lado bom é que a Câmara parece disposta a pôr de lado as histerias golpistas e mergulhar em debates que realmente interessam à economia e à sociedade. Ao contrário do que anunciavam os profetas do caos, tipo Miriam Leitão, que diziam que os parlamentares voltariam de suas bases, após o recesso, com sangue na boca, isso não aconteceu. O clima no Congresso está mais amenos agora do que antes do recesso.

Cunha continua lá, na presidência da Câmara, mas um tanto desdentado, criando mais constrangimento, por sua presença, para a oposição do que para o governo.

Ah, temos ainda uma nova delação de Fernando Moura, que confirma uma velha história sobre Furnas. A história já foi contada antes por Yousseff, e inclusive mereceu uma investigação (abafada pela imprensa) pelo Ministério Público. Moura disse que Dimas Toledo, indicado para Furnas pelo PSDB mineiro, era responsável pelo recolhimento de propinas para o PSDB nacional, Aécio e PT. Tinha que ter o PT, claro, senão a delação não seria válida… Como tem PSDB, no meio, porém, acredito que a informação não venha ao caso…

[/s2If]

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

55 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Maria Helena Araujo Silva

11 de fevereiro de 2016 às 00h39

Estou pensando nas pedaladas fiscais, no déficit de 120 bilhões de reais, no orçamento de 2014/2015, que o governo do PT nos presenteou.

Se calcularmos a menor cotação do dólar na era Dilma que foi no dia 11 de agosto de 2011, em que o dólar valia R$ 1,55, teríamos um rombo de aproximadamente 77 bilhões e quinhentos milhões de dólares……..isto mesmo 77 BILHÕES E QUINHENTOS MILHÕES DE DÓLARES.

A nossa sorte foi o dólar valer R$ 4,00, atualmente. Isto nos leva a um prejuízo de somente 30 BILHÕES DE DÓLARES……kkkkk.

A nossa Petrobrás, isto mesmo a Petrobrás vale menos que o déficit orçamentário de 2014/2015, descoberto pelo TCU.

Desta forma, mesmo com reservas de petróleo no mar, em área do pré-sal, com reservas no campo de libra, com as refinarias, instalações no Brasil e no exterior ( incluindo a refinaria de PASADENA ), campos em terra, etc, a nossa Petrobrás vale U$ 27 BILHÕES DE DÓLARES, isto mesmo, nossa Petrobras vale menos que o déficit orçamentário da União, com seus milagres econômicos que somam 30 BILHÕES DE DÓLARES ao valor do dólar ( 4 reais ).

Coisa de país como o Brasil, comandado pelo PT….

Responder

Enio

08 de fevereiro de 2016 às 15h15

Seu Boneco manda lembranças ao Alkimin:
“Ligadão nas quebradas, chefia, mas… que hora é a merenda?”

Responder

Junior Ruffatto

06 de fevereiro de 2016 às 03h16

Eu sonhei que meu filho foi pra escola e derrepente ja estava ele de volta perguntei o que tinha acontecida ele me disse: é que na escola não tinha merenda. Vai Vendo, acordei apavorado, será?

Responder

Gilberto de Oliveira

06 de fevereiro de 2016 às 01h51

Um único palhaço batendo panela já irrita demais. Essa oposição vai pagar caro por causa disso tudo na próxima eleição.

Responder

Enio

05 de fevereiro de 2016 às 18h32

A oposição vê a luz no fim do túnel, mas é a luz da locomotiva LULA2018. #LulaEuConfio

Responder

Edson Mário

05 de fevereiro de 2016 às 14h43

DEMOCRACIA POVO NO PODER !!! … PT 13, É POVÃO ,TEMPO DE DEUS … Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu. Eclesiastes 3 : 1 …https://www.facebook.com/marcyfashion/videos/676509759159361/?pnref=story

Responder

Maria Da Penha

05 de fevereiro de 2016 às 14h29

Já deu…

Responder

LUIZ

05 de fevereiro de 2016 às 11h38

No meu bairro aqui em BH tinha uma varanda gourmet com um idiota e três crianças batendo pelas. Um vizinho ao lado gritou: “Para com isso bando de débeis mentais, estão atrapalhando ouvir a Dilma”. Foi cômico.

Responder

Anderson Saboia de Morais

05 de fevereiro de 2016 às 05h38

Politicos da oposição estão bancando a viagem, refeição, não sei quanto em espécie, pra pessoad irem até Brasília pedir impeachment, só vão receber após o ato. Vamos ver quantos irão. A PF deveria investigar..

Responder

Francisco Benedetti

05 de fevereiro de 2016 às 04h14

Tá faltando ou acabando as coxinhas do mercado, nem na padaria tem.

Responder

Jorge Menezes

05 de fevereiro de 2016 às 02h39

Se um Aedes Aegypti invadir a sua casa bata panelas!

Responder

Lúcia Souza

05 de fevereiro de 2016 às 01h54

Tiveram dificuldades em encontrar panelas vazias.

Responder

João Márcio Prado

04 de fevereiro de 2016 às 22h52

Aqui em BH no centro nervoso coxinha no bairro Sion um solitário idiota a bater panelas. Deu até pena…

Responder

    Karla Viana

    05 de fevereiro de 2016 às 03h00

    O mesmo no Santo Antonio. Só um, parou de vergonha, pena não tive. Acabou.

    Responder

Terezinha Boro

04 de fevereiro de 2016 às 22h06

Por conta da “Máfia da merenda”??? … kkkkkkkkk

Responder

Vera Lucia Alves Milanez

04 de fevereiro de 2016 às 21h35

fiquei sabendo que a zika estava no panelaço

Responder

Vanderlei Doliveira

04 de fevereiro de 2016 às 20h21

Panelas, veiculos, eletrodomesticos comprados durante 4 anos livre de impostos e financiado em ate 5 anos.Um erro do PT, deixou de arrecadar e agora esta pagando por ter sido um governo voltado para povo.Mas quem disse que muitas madames não foram beneficiadas tambem por estas isenções? he!he! esquecem ne?

Responder

Roger Gilmour

04 de fevereiro de 2016 às 20h13

Enquanto você bate panelas…

Responder

    Giselda Rodrigues

    04 de fevereiro de 2016 às 21h28

    A BAHIA está em festa kkkkkkk otários sejam igual aos baianos tudo tem seu tempo e sua hora

    Responder

Laurencio Tavares

04 de fevereiro de 2016 às 20h10

Responder

Laurencio Tavares

04 de fevereiro de 2016 às 20h10

Responder

Marco Antônio Coutinho Costa

04 de fevereiro de 2016 às 19h56

É que o PT também roubou todo dinheiro com o qual compraríamos panelas…

Responder

Marco Antônio Coutinho Costa

04 de fevereiro de 2016 às 19h56

É que o PT também roubou todo dinheiro com o qual compraríamos panelas…

Responder

    Bruno Vieira Pacheco

    05 de fevereiro de 2016 às 03h09

    Dinheiro pra panela não tem, agora pras cervejas, a barriguinha não nega.
    Crise sim, kkkkk

    Responder

    Karla Viana

    07 de fevereiro de 2016 às 04h04

    Que nada, as panelas são chiques e estão cheias. Cheias de ignorância arrogante e salmão e filé, e camarão, e depois ficam cheias adivinhas de quê? Quem rouba, está muito satisfeito com suas panelas cheias.

    Responder

Lirso Zapata Barizan

04 de fevereiro de 2016 às 19h33

O casal com conta não declarada na Suíça, continua livre, leve e solto ( provas não faltam e foram enviadas pelo Ministério Público Suíço ). Agora, querem porque querem, “interrogar” e prender Lula e Marisa. “Interrogar”, sobre o “tríplex”, o barco e o sítio. Tríplex, que não é de Lula. Sítio, que não é de Lula. Barco de alumínio, comprado por Dona Marisa, para utilização nas pescarias do lago do sítio emprestado. A justiça brasileira perdeu a vergonha na cara, com estes promotores e juízes “holofoteiros” e neoliberais de carteirinha. Prevaricam quanto as provas enviadas pela Suíça e buscam chifre em cabeça de cavalo para incriminar o eterno Presidente Lula e sua família.

Responder

Lirso Zapata Barizan

04 de fevereiro de 2016 às 19h33

O casal com conta não declarada na Suíça, continua livre, leve e solto ( provas não faltam e foram enviadas pelo Ministério Público Suíço ). Agora, querem porque querem, “interrogar” e prender Lula e Marisa. “Interrogar”, sobre o “tríplex”, o barco e o sítio. Tríplex, que não é de Lula. Sítio, que não é de Lula. Barco de alumínio, comprado por Dona Marisa, para utilização nas pescarias do lago do sítio emprestado. A justiça brasileira perdeu a vergonha na cara, com estes promotores e juízes “holofoteiros” e neoliberais de carteirinha. Prevaricam quanto as provas enviadas pela Suíça e buscam chifre em cabeça de cavalo para incriminar o eterno Presidente Lula e sua família.

Responder

Laurencio Tavares

04 de fevereiro de 2016 às 18h56

podem chiar, podem gritar — mas o MOLUSCO VAI SER PRESO! http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/mpf-reabre-investigacao-sobre-compra-de-cacas/

Responder

Fernando A Lima

04 de fevereiro de 2016 às 18h50

Os paneleiros estão acometidos do vírus Zika….. todos com microcefalia.

Responder

Amarilia Teixeira Couto

04 de fevereiro de 2016 às 18h26

Ontem,no meu bairro aqui em BH,foi silêncio completo.

Responder

Leo Sérgio Campos

04 de fevereiro de 2016 às 17h48

tudo isso é sinal de reflexão, bom senso prevalece, ainda bem.

Responder

Paulo Fernandes

04 de fevereiro de 2016 às 17h34

Bem feito querem gozar com pau dos outros. Não

Responder

Ana Quaiato

04 de fevereiro de 2016 às 17h23

Ex presidente nacional dos Delegados Federais denuncia o conluio entre PF, imprensa e Judiciário pra derrubar Dilma e PT…
Aqui o link
https://m.youtube.com/watch?v=jYUozI5gV8k&feature=share

Responder

Karla Viana

04 de fevereiro de 2016 às 17h10

Das 300 e mais que bateram por aqui antes, só uma ontem, em ritmo de omelete. Parou porque ficou sem graça de bater sozinha. Triste e feio. Sem propósito numa fala da presidente para falar do combate a uma doença grave para todos, principalmente crianças. O fim, o nada esse pessoal.

Responder

Deixe um comentário