Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

A face escravocrata, misógina e rentista do golpe

Por Jeferson Miola

08 de março de 2018 : 00h44

Jeferson Miola

1.

O Banco Itaú, sozinho, teve um lucro líquido de R$ 24,9 bilhões em 2017.

Estima-se que em 2018 o lucro do setor bancário brasileiro, que é extremamente oligopolizado nas mãos de poucas famílias biliardárias, deverá ultrapassar R$ 110 bilhões.

Outros 800 a 900 bilhões de reais serão drenados para os agiotas não-brasileiros da mesma forma, ou seja, mediante o pagamento de juros e amortização da dívida indecente.

Enquanto isso, projeta-se um estouro do orçamento federal de 2018 em R$ 150 bilhões.

2.

O desemprego continua grave no Brasil, apesar do esforço coordenado entre o governo ilegítimo, os partidos golpistas, a Rede Globo e o conjunto da mídia, que buscam edulcorar um cenário para a eleição – artificial – de fim da recessão e de retomada do desenvolvimento.

O golpe retirou o Brasil de uma realidade de pleno emprego dos períodos do PT para jogar a economia num dos patamares de desemprego mais elevados do mundo: 12,4% – mais de 13 milhões de desempregados.

Curiosamente, entretanto, os empregos domésticos estão dentre aqueles que tiveram maior oferta de número de vagas de trabalho desde a perpetração do golpe.

Conforme a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua [PNAD Contínua] do IBGE de janeiro de 2018, o Brasil é recordista mundial de empregos domésticos – 6,37 milhões [tabela abaixo].

Os empregos domésticos respondem por 6,95% dos empregos totais do país. São empregos de pior remuneração, de grande informalidade [sem carteira assinada] e que empregam quase a totalidade mulheres. Dentre as mulheres, a enorme maioria são negras.

 

Grupamentos de Atividade Nº de empregos % de empregos Rendimento médio real habitual, em R$ 1,00
AGRICULTURA, PECUÁRIA, PRODUÇÃO FLORESTAL, PESCA E AQUICULTURA 8.569 9,35 1.227
INDÚSTRIA GERAL 11.831 12,91 2.191
CONSTRUÇÃO 6.798 7,42 1.672
COMÉRCIO, REPARAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES E MOTOCICLETAS 17.831 19,45 1.742
TRANSPORTE, ARMAZENAGEM E CORREIO 4.558 4,97 2.480
ALOJAMENTO E ALIMENTAÇÃO 5.234 5,71 1.400
INFORMAÇÃO, COMUNICAÇÃO E ATIVIDADES FINANCEIRAS, IMOBILIÁRIAS, PROFISSIONAIS E ADMINISTRATIVAS 10.168 11,09 3.120
ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, DEFESA, SEGURIDADE SOCIAL, EDUCAÇÃO, SAÚDE HUMANA E SERVIÇOS SOCIAIS 15.620 17,04 3.137
OUTROS SERVIÇOS 4.689 5,12 1.618
SERVIÇOS DOMÉSTICOS 6.370 6,95 858
TOTAL 91.668 100,00 2.087
IBGE – Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua – PNAD Contínua, janeiro de 2018

Estes dados demonstram que a oligarquia e a classe média branca, misógina e escravocrata está em estado de graça com o golpe; celebra o retorno à vida da Casa Grande.

A oligarquia golpista voltou a contar com suas escravas domésticas que realizam os serviços braçais e sujos da casa e da família.

Com a derrubada dos governos do PT, a oligarquia e sua classe média auxiliar finalmente se liberaram para acumular ainda mais riqueza às custas das suas escravas domésticas exploradas, mal-remuneradas e precarizadas nos seus direitos.

3.

O crescimento do emprego doméstico é a evidência cabal da natureza escravocrata e racista do golpe. É um indicador do aumento da exploração das mulheres negras e das mulheres mulatas e brancas pobres. É um indicador, enfim, da regressão civilizatória do Brasil.

O crescimento deste tipo de emprego – que revela atraso ao invés de desenvolvimento – é uma metáfora da índole misógina do golpe, que não só derruba e desempodera a mulher no poder – como fizeram com o impeachment fraudulento da Dilma – como subalterniza a mulher e destina a ela os papéis mais humilhantes na sociedade.

Não bastava derrubar Dilma, a mulher que liderava os destinos do país. Era necessário colocar a mulher, especialmente a negra e pobre, de joelhos à dominação patriarcal, branca e autoritária.

Só cego não vê. A face escravocrata, misógina e rentista do golpe está escancarada.

A história da dominação oligárquica no Brasil é a história do poder do dinheiro, das finanças e da propriedade.

É a história do poder exercido por uma oligarquia burra, autoritária e conspirativa, que é incapaz de admitir a modernização do próprio capitalismo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

10 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

assim falou Golbery

10 de março de 2018 às 08h12

a elite brasileira não irá descansar em paz enquanto o nível básico dos seus serviçais doméstico não for de quem tenha pós doutorado

Responder

Manoel Cardoso

08 de março de 2018 às 11h56

Miguel, quero te parabenizar pela coragem, pela ousadia, pela luta incansável em defesa de um Brasil soberano e mais justo, mas Miguel, a verdade é que quem fez, me desculpe a expressão, toda essa “cagada” foi o próprio PT. Não estou dizendo que apenas o PT errou, mas o PT errou muito, e feio, acreditou e cedeu espaço à pessoas reconhecidamente desonestas. Como pode-se aceitar Gedel, Moreira Franco, Jucá, Elizeu Padilha, entre outros, fazerem parte do Governo do PT? O próprio PT sabia que as pessoas indicadas pelos aliados para assumirem cargos dentro do governo eram desonestas, pessoas más, muitos eram taxados como ladrões, mesmo assim o PT aceitou negociar acreditando que os pegaria mais tarde com a mão na boca da botija. Se deu mal, e pior, deixou o povo num beco sem saída.
De coração, gostaria muito de poder continuar do lado daqueles que defendem o lado certo, mas não dá mais – cansei. Essa gente não sabe agir dentro da lei, aliás, a lei pra eles não existe. A maior parte da mídia (Globo à frente), O judiciário em todas as suas esferas, o pessoal do estamento superior, todos eles, estão mancomunados para destruir tudo o que lhes desagrada, não interessa o que seja, pessoas ou coisas, tudo tem de estar de acordo com o que eles defendem.
O Brasil está sendo entregue, praticamente de graça, aos rentistas estrangeiros, só Deus poderia dar um jeito em tudo isso, mas como eu sou um ateu convicto, cheguei a conclusão de que a esperança de ver o Brasil como uma grande nação ACABOU. O Lula vai ser preso, o PT vai ser destruído, eles vão continuar roubando e zombando do povo e não há o que se possa fazer, infelizmente.
O discurso da esquerda é muito bonito, mas só serve para exaltar o ego de quem o faz, enquanto que ao povo só resta aceitar passivamente e contar com a sorte para melhorar suas condições de vida.
Quem tem que botar o dedo na ferida, nominar os ladrões, dar o nome dos algozes do judiciário responsabilizado-os pela falta de compromisso com a lei, sair do discurso e atuar na linha de frente são os líderes dos partidos, os candidatos.
Não há saída, o povo está de mãos atadas. De um lado, a mídia, com um discurso de ódio, falando mal do PT e da esquerda, batendo na mesma tecla 24horas por dia, de outro lado, o PT, e a esquerda, defendendo uma agenda positiva dentro da lei. Todos sabemos onde tudo isso vai dar: em nada!
Tenho muito respeito por todos vocês, o Mino, Tu, o Nassif, o Rodrigo Viana, o Azenha, o Auler, o Paulo Henrique, o Fernando Brito, enfim são muitos, a coragem de vocês é louvável e merece toda a nossa gratidão, mas, sinceramente, não vejo como vocês, diante das inúmeras dificuldades vindas de todos os lados (ataques da grande mídia, do judiciário, de inimigos ocultos) possam, sem a participação popular, fazer algo pelo pais. O povo, coitado, está a deriva e abandonado. Até a esquerda sabe que falar do povo é bom e rende muitos frutos, mas ser do povo é ruim héin!? Morar perto de um córrego fedorento e passar fome ninguém quer.
Para não parecer tão pessimista, suponhamos que, num golpe de sorte, o Lula viesse a ser presidente novamente? As alianças políticas seriam o próximo passo correto? Pois é! Então tudo aquilo que mais repudiamos vai se repetir novamente.
Há uma frase muito interessante que diz que “O impossível a gente faz na hora, O milagre demora um pouquinho mais”. Pois bem, acho que só um milagre tira o Brasil dessa enrascada.

Responder

    Rita Candeu

    08 de março de 2018 às 14h54

    Manoel – vc. escreve: “De coração, gostaria muito de poder continuar do lado daqueles que defendem o lado certo, mas não dá mais – cansei.”

    a partir de agora vc, ficará do lado de quem mesmo? vai virar tucano?

    Responder

      assim falou Golbery

      10 de março de 2018 às 08h19

      que culpa tem esse de ter nascido num país dominado por imundices socais? que moral tens para condenada alguém que precisou ser safado para que pudesse tero mínimo para comer, como sempre foi o caso de Maluf, Gedel, Delfin, Palocci, Pizalato,etc

      Responder

Gustavo

08 de março de 2018 às 10h57

Associar o impeachment ao aumento dos empregos domésticos e ainda por cima vincular isso como desejo daqueles que tomaram o poder me parece teoria da conspiração demais. Não imagino parlamentares da base aliada se juntando pra dizer: “Vamos fazer um impeachment pra aumentar as vagas das secretárias do lar ?”. Da mesma maneira não imagino a esquerda se juntando e falando: “Vamos trabalhar para reduzir a oferta de empregos domésticos ?”

No Brasil a oferta de empregos domésticos é alta por diversos motivos: Herança dos tempos da escravidão, grande mão de obra com baixa qualificação e até certo comodismo pq ser secretária do lar sem carteira assinada e com bolsa família é combinação fartamente vista. O combo com o auxílio desemprego também não é exceção.

Reconheço os trabalhos do PT e a PEC da domésticas que foram mais expressivos do que o FGTS opcional do FHC através de MP.

Todavia a problemática da secretária do lar não vem de hoje e associa-la ao atual governo não me parece devido. Mesmo no governo anterior a vida dos trabalhadores domésticos estava longe de ser mil maravilhas.

Especificamente sobre o lucro do Itaú em 2014 no governo Dilma ele já estava na casa dos 20 bilhões. O Itaú sempre cresce quer seja nos 13 anos do PT ou nos demais governos. É da natureza dos bancos se fundirem, consolidarem e lucrarem e não partilharem (e é por isso que meu dinheiro está em cooperativas de crédito e não em bancos).

Responder

Reginaldo Gomes

08 de março de 2018 às 08h53

Bom vai ser quando a vice-presidente Sonia Guajajara começar a devolver todas terras roubadas para os verdadeiros donos : os ÍNDIOS
O começo do resgate do maior crime da humanidade)
(a elite branca ,gorda e rica, prefere votar no demônio invés de votar nela)

Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

08 de março de 2018 às 08h45

Pensando melhor, parece que ela não falou do motorista. Acho que foi do porteiro do prédio onde ela mora. Alguém lembra? Mas tanto faz. Ela se desculpou, alegando que queria dizer outra coisa. Outra coisa é? Ela mesmo disse que é difícil ser um “ser especial” num país onde qualquer um pode viajar. A Danuza é a cara da elite e das “socialities” brasileira. Socialities… o que será que isso quer dizer? Seres superiores? Parece que, hoje, ela está falida. Assim como as “VAL” da vida, que mantém as aparências tomando empréstimos bancários. Que vida cafona! No caixão não cabem prepotência, orgulho e egos inflados. Os vermes vão comer a carcaça enterrada.

Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

08 de março de 2018 às 08h33

DANUZA LEÃO foi a única coxinha que teve a coragem de dizer o que a direita pensa. Palavras dela:
“Odeio viajar à New York e encontrar o meu motorista de férias lá”.
Precisa dizer mais?

Responder

    euclides de oliveira pinto neto

    11 de março de 2018 às 03h37

    Ela deve procurar uma outra cidade para viajar. Nova York é o destino de qualquer um, pois a passagem aérea pode ser paga em 10 vezes no cartão… Se ela tivesse ido para Monaco, Aspen ou outra região mais refinada, não teria essa contrariedade de encontrar seu motorista… coisa de socialite falida… e ainda comentar publicamente… vai levar lambadas…

    Responder

Olímpio

08 de março de 2018 às 06h16

MULHERES OCUPAM JORNAL O GLOBO EM DEFESA DA DEMOCRACIA

Neste 8 de março, 800 mulheres de diversos movimentos populares ocuparam o parque gráfico do jornal da família Marinho no Rio de Janeiro; objetivo da ação, iniciada às 5h30 da manhã, é denunciar a atuação decisiva da empresa sobre a instabilidade política brasileira; manifestantes destacam a articulação da Globo contra a democracia; jornal O Globo, que apoiou os golpes de 1964 e 2016, foi peça central na destruição da democracia brasileira desde o impedimento da presidenta Dilma em 2016 até perseguição ao presidente Lula, para inviabiliza-lo como candidato em uma eleição democrática;

Responder

Deixe um comentário

O 2021 de Lula Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro