Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

Foto: Sérgio Lima/Poder360

Após especulações, Kassab reitera que PSD terá candidatura própria

Por Redação

21 de dezembro de 2021 : 12h33

O ex-prefeito de São Paulo e presidente Nacional do PSD, Gilberto Kassab, negou que o seu partido vai abrir mão da candidatura no 1° turno ao Palácio do Planalto para indicar o vice na chapa do ex-presidente Lula.

“Nós vamos ter candidatura própria. Temos lideranças que têm dificuldade para caminhar com um lado ou com o outro, e hoje você tem duas candidaturas com retaguarda política sólida, Bolsonaro e Lula”.

A afirmação foi dada após especulações de que Lula estaria interessado em filiar Alckmin no PSD. O ex-governador de São Paulo saiu recentemente do PSDB e é cotado para ser vice do líder progressista.

“Eu entendi que poderia passar para a sociedade a percepção de que estava formada uma frente de apoio ao Lula no primeiro turno. Eu não estarei com o Lula no primeiro turno, isso já foi dito a ele”, disse Kassab a Folha.

“Não faremos o vice do Lula. Não é porque é o Geraldo, fulano ou sicrano, é porque teremos candidatura própria”, esclareceu. Recentemente, Kassab filiou o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, ao PSD e anunciou a pré-candidatura do mineiro a presidência.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário

O 2021 de Ciro Gomes O 2021 de Lula Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou?