Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Camilo, Lulla e Elmano na convenção estadual do PT em Fortaleza, julho de 2022. Foto de Ricardo Stuckert.

Análise: Elmano já é o favorito para ganhar as eleições no Ceará

Por Miguel do Rosário

15 de agosto de 2022 : 19h37

A sondagem eleitoral do Paraná Pesquisas para o governo do Ceará não deixa dúvidas. É questão de tempo para que Elmano de Freitas ultrapasse Roberto Cláudio e se firme na segunda posição nas próximas pesquisas.

O candidato petista já está tecnicamente empatado na espontânea e na estimulada com Roberto Cláudio.

Na espontânea, Elmano tem 8,2%, contra 8,7% de Roberto Claudio.

Na estimulada, Elmano tem 18% contra 22% de Roberto Claudio.

Entretanto, quando se olha para o potencial, Elmano tem um trunfo. Ele ainda é desconhecido por quase 30% do eleitorado.

Capitão Wagner e Roberto Claudio são amplamente conhecidos pelo eleitor cearense: apenas 4% e 6% do eleitorado, respectivamente, desconhecem Wagner e Claudio.

Entre eleitores com ensino superior, que em geral são mais informados sobre política, Elmano já tem 25% dos voto, contra 19% de Roberto Claudio.

Outro fator que deve ajudar Elmano é o prestígio da governadora Isolda Cela (sem partido). Após se desfiliar do PDT, a governadora é apoiadora, mesmo que discretamente, da candidatura petista.

Segundo o Paraná Pesquisas, 60% dos cearenses apoiam a sua administração.

Por fim, Camilo Santana tem 62% das intenções de voto na disputa por uma vaga no Senado. É óbvio que ele será um influenciador importante nas eleições para o governo de estado. E Camilo se jogou na campanha de Elmano com todas as suas forças, ao mesmo tempo que, do outro lado, Cid Gomes, senador pelo PDT, já deixou claro que não se envolverá na disputa, o que prejudica profundamente a candidatura de Roberto Claudio.

Se considerarmos que Elmano de Freitas terá o maior tempo de TV no estado, um amplo leque de alianças partidárias, e ainda conta com apoio do ex-presidente Lula, não é preciso ser nenhum gênio da análise eleitoral para prever que ele deverá crescer nas próximas pesquisas, ultrapassar Roberto Claudio e, possivelmente, terminar o primeiro turno à frente de Capitão Wagner.

A pesquisa custou R$ 30 mil e realizou 1.540 entrevistas presenciais (face a face).

Baixe a íntegra da pesquisa aqui.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Teles

16 de agosto de 2022 às 12h50

Há males que vem pra bem. Já que a aliança foi desfeita no Ceará que o povo escolha se vai elmano ou roberto para o segundo turno. Os dois sao bons candidatos. A divisão vai permitir um primeiro turno mais rico, que no segundo turno eles se unam.

Responder

Sebastião

15 de agosto de 2022 às 22h31

Se a esquerda viesse a perder, a responsabilidade seria toda de Ciro. Contudo, quando começar o programa eleitoral e mostrar capitão Wagner como responsável pela greve da PM. Os números dele irão cair.

Responder

Galinzé

15 de agosto de 2022 às 20h28

Este Miguel do Rosário tem fantasia viu…kkkk

30% das pessoas não sabem nem quem é este candidato faltando 1 mês e meio as eleições por tanto deveria magicamente de um dia pro outro multiplicar pães e peixes e se sobrar tempo caminhar em cima das águas da represa do Castanhão de uma margem para outra…kkkkkk

O ridículo tem limites viu…

Responder

Deixe um comentário