Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Imagens: Divulgação

DataFolha indica vitória de ACM Neto no 1° turno

Por Gabriel Barbosa

24 de agosto de 2022 : 12h49

O DataFolha divulgou na manhã desta quarta-feira, 24, o levantamento de intenção de voto para o governo da Bahia que indica a vitória do ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (União Brasil), já no 1° turno do pleito.

Segundo o levantamento, Neto registra 54% das intenções de voto contra 16% do candidato do PT, Jerônimo Rodrigues.

Apoiado por Jair Bolsonaro, o ex-ministro João Roma (PL) foi mencionado por 8% dos entrevistados. Branco/Nulo 10% e Indecisos, 10%. Os candidatos Giovani Damico (PCB) e Marcelo Millet (PCO) ficaram com 1%, cada. Kleber Rosa (PSOL) não pontuou.

Apesar de indicar vitória de Neto no 1° turno, o DataFolha levantou cenário de segundo turno entre o ex-prefeito e o candidato do PT. 

De acordo com a pesquisa, Neto vence com o índice acachapante de 67% das intenções de voto contra 23% de Jerônimo. Os que votariam em branco, nulo ou em nenhum dos dois somam 6%. Já os Indecisos, 4%. 

O levantamento foi contratado pela rádio Metrópole e registrada no TRE-BA sob o código BA-01548/2022. A pesquisa ouviu presencialmente 1008 eleitores baianos entre os dias 22 e 24 de agosto de 2022. A margem de erro é de três pontos percentuais.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Pós-graduando em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário