Governistas pedem a Temer que censure Associação de Auditores - O Cafezinho

O Cafezinho

quinta-feira

23

fevereiro 2017

9

COMENTÁRIOS

Governistas pedem a Temer que censure Associação de Auditores

Escrito por , Postado em Sem categoria

Olha só que ridículo. Deputados golpistas foram até o presidente Temer pedir que censure a Associação Nacional de Auditores Fiscais da Receita Federal, Anfip, porque ela divulga informações que negam o déficit da previdência.

Michel Temer “ficou de pensar” se vai proibir ou não a Anfip de divulgar seus estudos.

A Globo divulga a notícia como se não estivéssemos diante de uma perigosa agressão à liberdade de informação.

É mais uma demonstração cabal de truculência golpista.

***

Na Época

Entidade que contesta déficit da Previdência irrita Planalto

A associação de auditores fiscais diz que há, na verdade, saldo positivo

Loading...

NONATO VIEGAS
22/02/2017 – 15h04 – Atualizado 22/02/2017 15h25

Deputados que integram a Comissão Especial da Reforma da Previdência foram ao Palácio do Planalto para fazer queixa contra a Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil, a Anfip.

A entidade tem divulgado informações que contestam o déficit da Previdência, alardeado pelo Planalto. Em vez de rombo, diz a Anfip, há saldo positivo desde 2006. Ela leva em conta a arrecadação da Seguridade Social, que inclui Saúde, Assistência e Previdência.

Os deputados Carlos Marun (PMDB-MS) e Júlio Lopes (PP-RJ) querem que a Advocacia-Geral da União acione a Justiça para que a Anfip pare de divulgar tais informações. Eles alegam que a “contrainformação” dificulta a tramitação do projeto no Congresso.

O presidente Michel Temer ouviu a reclamação e ficou de pensar no assunto.

Loading...
Miguel do Rosário

Miguel do Rosário

Editor em Cafezinho
Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.
Miguel do Rosário

quinta-feira

23

fevereiro 2017

9

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

9 COMENTÁRIOS