Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Afranio Silva Jardim: vídeo de Moro no Facebook é coisa de “chefe de torcida organizada”

Por Miguel do Rosário

08 de maio de 2017 : 13h45

A “LAVA JATO” É UM BLOCO MONOLÍTICO

Por Afranio Silva Jardim, no Facebook

O vídeo postado pelo juiz Sérgio Moro, pedindo aos “apoiadores da lava jato” que não estejam presentes ao interrogatório do ex-presidente Lula, em Curitiba, demonstra claramente que existe uma nova “entidade”, formada pela união e mistura da polícia, ministério público e poder judiciário.

Desta forma, o que a teoria do processo chama de relação jurídica processual triangular, formada pelo autor da ação penal, juiz e réu, acabou se transformando em uma relação linear e inquisitória: de um lado a “Lava Jato e no polo oposto o réu (já condenado pela opinião pública, manipulada pela mídia parcial).

Através do referido vídeo, o juiz se portou como se fosse o “chefe de uma torcida organizada”, líder e chefe de um determinado “projeto persecutório”, líder de um projeto de combate à corrupção. Disse ele: “ESSE APOIO SEMPRE FOI IMPORTANTE, MAS NESTA DATA ELE NÃO É NECESSÁRIO”…

Julgo que, em nosso sistema processual acusatório, não cabe ao magistrado fazer parte de nada. Partes são autor e réu. Juiz deve estar entre as partes a fim de preservar a sua imparcialidade.
Não é por outro motivo que quase toda a população acredita que o juiz Sérgio Moro vai condenar o ex-presidente Lula. Grande parte desta população não deseja esta condenação, mas acredita que ela ocorrerá. Por que será isso???

Afranio Silva Jardim, professor associado de Direito Processual Penal da Uerj. Mestre e Livre-Docente em Direito Proc. Penal (Uerj).

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

45 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

BOLSONARO PRESIDENTE 2018

23 de maio de 2017 às 19h24

tá achando ruim? Vai pra Cuba. =)

Responder

Erica Caminha Hassmann

10 de maio de 2017 às 02h11

#BrasilComLula

Responder

Adeilson Almeida

09 de maio de 2017 às 12h56

Só com os aliados..

Responder

vitorf

09 de maio de 2017 às 09h19

Este pedido pras pessoas ficarem em casa é uma desculpa , porque seus apoiadores já são poucos meia dúzia . O mbl esta quebrado o patrão deles o mineirinho esta com as calça na mão. Tem algum ibecil que destila seu ódio mas já já eles ficam sem internet. kkkkkkkk

Responder

Ney Marcos

09 de maio de 2017 às 11h52

Se foto tivesse odor, essa fedia muito.

Responder

Arquimedes Sá

08 de maio de 2017 às 23h28

Triste espetáculo de um juiz de primeira instância. É a sociedade do espetáculo, na qual o Moro é especialista.

Responder

Diana Oliveira

08 de maio de 2017 às 22h06

Se sentindo deus. É a ditadura!

Responder

José Carlos Silva

08 de maio de 2017 às 20h35

Dois traquinas. Palhaços.

Responder

Maria Aparecida Lacerda Jubé

08 de maio de 2017 às 16h32

CHEFE não, chefete. Só no Brasil um juiz não se conduz de acordo com a lei, mas de acordo com sua “torcida organizada”.

Responder

Katinha Ladeira

08 de maio de 2017 às 19h24

E um otario

Responder

Rosa Maria Figueiredo Silva

08 de maio de 2017 às 19h14

Ivo Gomes, veja isso.

Responder

    Ivo Gomes

    08 de maio de 2017 às 19h44

    Rosa, espero que me desculpe, mas o jovem blogueiro não entende absolutamente nada de processo penal. A relação processual têm apenas dois polos, ativo e passivo, autor (MP que representa a Nação) e réu. O terceiro vértice do triângulo é o Estado, representado por um Juiz. Independentemente de partido, de política partidária, segue que os correligionários do ex-presidente não respeitam o Estado. Apenas isso. Qualquer pessoa com bom senso trabalhará para afastar dois grupos antagônicos.

    Responder

Maria Aparecida Fernandes Da Silva Kato

08 de maio de 2017 às 19h10

O video divulgado na redes sociais, MORO extrapolou da função de um JUIZ, então, MORO, vai permitir que a Lava Jato investiga sua mulher, acusada de desviar R$400 milhões da APAES do Paraná? O povo merece uma explicação!

Responder

Carrie Coleman

08 de maio de 2017 às 19h08

Dois Bostas!

Responder

Maria Thereza Freitas

08 de maio de 2017 às 15h31

muito gentil, o professor, autor do texto, ao chamar de chefe de “torcida”. Parece mais outra coisa, que não falo, apesar de ter plena convicção. Aliás, como bem colocou o Azenha ontem: se é Lula X Moro, quem é o juiz da contenda?

Responder

Maria Lucia

08 de maio de 2017 às 18h21

Juizeco de merda …. manda ele ir pro Big Brother … patético

Responder

Argemiro Assis Filho

08 de maio de 2017 às 18h17

Isso nunca foi postura de um juiz, exceto dos de futebol.
Deveria ser delegado de cadeia pública bajulando prefeitos.

Responder

Benice Aguiar

08 de maio de 2017 às 18h15

E o STF deixando rolar….

Responder

Luiz Guilherme De Lemos Martins

08 de maio de 2017 às 17h59

#OcupaCuritiba

Responder

Marluce Aguiar

08 de maio de 2017 às 17h54

só faltou dizer meus fãs! Nojo!

Responder

Helena Rodrigues

08 de maio de 2017 às 17h50

Eles adoram aparecer na TV. Tô esperando a Globo convidar pra ser ator. Teve que fazer muito circo pra ser reconhecido junto com um bando de panelas dançando em volta de um pato amarelo(envolvido em corrupção ) e com cartazes de SOMOS MILHÕES DE CUNHA!

Responder

João Ferreira Bastos

08 de maio de 2017 às 14h42

É muito bom então, ir ao estadio e gritar:

Ei juiz, vai tomar no cu

Responder

Eva Monteiro

08 de maio de 2017 às 17h41

Responder

Raymundo Itareru Santos

08 de maio de 2017 às 17h36

de torcida “organizada”

Responder

Nancy Soares

08 de maio de 2017 às 17h27

Chefe de quadrilhA

Responder

Hannibal de Sousa

08 de maio de 2017 às 17h26

Moro largou o apito de juiz e passou a jogar como centroavante no PSDB.

Responder

Sherry Natywonder Sunny

08 de maio de 2017 às 17h13

Responder

Taddeo Escultor

08 de maio de 2017 às 17h09

Uma Venezuela de maricas, falta testosterona…

Responder

Devão Sousa

08 de maio de 2017 às 17h09

O juiz que é a cara do “Brezil”

Responder

Lu Venturi

08 de maio de 2017 às 17h03

Que absurdo. O juiz precisa fazer propaganda da justiça? Então a sentença é abusiva e injusta!

Responder

Stela Pinheiro

08 de maio de 2017 às 16h56

Sim torcida para acabar com essa estirpe ladoes incansável

Responder

    Stela Pinheiro

    08 de maio de 2017 às 17h23

    Pará fala sério

    Responder

    Giuditta Ribeiro

    08 de maio de 2017 às 17h29

    Stela PinheiroNós rimos de pessoas como você , típico exemplo pessoa manobraveis, partidárias e incultas politicamente, a operação lava jato de seu juiz de primeira instância é uma farsa, nada haver com a operazione mani pulite na Italia, que investigou todos os partidos e diversos políticos, porém o objetivo do juiz, príncipe sem trono de Curitiba é eliminar o mais forte, Lula, chora, não vai o conseguir, o Brasil já sabe quem é Moro e o porque ele colocou o país diante da maior destabilidade política dos últimos tempos, eu sei, para você é difícil entender, lendo o antagonista, assistindo novelinhas românticas ilusórias, o intelecto entra em estado retroativo. Estude, se informe, investe em sua cultura, com MBL e vem para as ruas, uma pessoa se minimiza a ser massa de manobra, gado marcado . melhore sua dialética seria um bom começo.

    Responder

    Giuditta Ribeiro

    08 de maio de 2017 às 17h30

    Stela Pinheiro, pare de passar vergonha, você exala somente ódio, não vai passar, aqui não é MBL ou vem para as ruas!

    Responder

Carlos Eduardo Barretta

08 de maio de 2017 às 16h52

Como pode alguém criticar um juiz que pede para não haver confronto? É a mais completa inversão de valores e moral das pessoas.

Responder

Nora Augusta

08 de maio de 2017 às 16h49

É mau-caratismo mesmo.

Responder

Valéria Silva

08 de maio de 2017 às 16h47

Quem precisa de apoio popular é político! Juíz precisa da constituição e um pouco de vergonha na cara!

Responder

Deixe um comentário