Análise da reunião ministerial de Bolsonaro

O Governador do Estado de São Paulo João Doria durante coletiva de imprensa sobre o Coronavírus. Dia:30/03/2020 Local: São Paulo/SP Foto: Governo do Estado de São Paulo.

Governo de SP lança nova campanha sobre coronavírus e Dória alerta: “Não ouçam o presidente da república”

Por Redação

30 de março de 2020 : 16h03

É uma situação surreal. Quando o país vive a mais dramática crise sanitária e econômica das últimas décadas, os governadores precisam gastar recursos não apenas para informar os cidadãos, mas também para neutralizar as mentiras divulgadas pelo próprio presidente da república.

Como a bomba do vírus estoura no colo dos governadores e de suas equipes de saúde, o senso de responsabilidade deles faz com que tratem o tema com muito mais seriedade do que Bolsonaro, que aparentemente está obcecado apenas em explorar politicamente a crise, empurrando todo o custo político das medidas de contenção e seus duros efeitos sobre a economia e o emprego, nas costas dos governadores.

Trata-se de uma covardia inominável por parte de Bolsonaro, e o preço dessa postura é seu crescente isolamento político.

***

No governo de SP

Governo paulista lança nova campanha sobre o combate ao coronavírus

Recomendação mundial para ficar em casa é reforçada em vídeo que será exibido até 6 de abril

Seg, 30/03/2020 – 14h40 | Do Portal do Governo
Nova campanha de comunicação do Governo de SP busca conscientizar população a ficar em casa

O Governador João Doria anunciou nesta segunda-feira (30) o lançamento de uma nova campanha em veículos de comunicação para conscientizar a população a ficar em casa para evitar a disseminação do novo coronavírus.

“Isolamento é uma necessidade, não é apenas uma obrigatoriedade. Melhor prevenir hoje do que lamentar amanhã. Nenhum governador tem a satisfação de anunciar o isolamento ou o determina por uma vontade. Todas as decisões tomadas são amparadas em critérios técnicos, de profissionais da saúde”, disse Doria.

O vídeo reforça as recomendações dos especialistas em saúde, governantes europeus, Organização Mundial da Saúde e também agora do Presidente dos Estados Unidos, que antes dizia para todos irem trabalhar e recuou em sua posição.

“Esta campanha alerta a população e está em linha com o que o mundo inteiro está falando. Até mesmo o Presidente dos Estados Unidos reviu sua posição frente ao estado de calamidade em seu país”, afirmou Duilio Malfatti, Coordenador de Marketing do Governo do Estado.

A publicidade será veiculada até o dia 6 de abril nas emissoras de TV de São Paulo, rádio, internet e redes sociais.

Veja o texto da campanha de 60 segundos:

– Contra o coronavírus
– Siga o que dizem os especialistas em pandemia:
– Fique em casa
– O que dizem os governantes europeus que estão enfrentando a pandemia:
– Fique em casa
– O que diz o Presidente dos Estados Unidos, que antes dizia para todos irem trabalhar:
– Fique em casa
– Siga o que diz a Organização Mundial da Saúde:
– Fique em casa
– A economia a gente trabalha e recupera.
– A vida de quem a gente ama, não dá para recuperar
– #FiqueEmCasa

Assista ao vídeo:

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alan C

30 de março de 2020 às 16h34

Vi um trecho da coletiva dele, nunca tive nenhum apreço por João Dória, mas – nesta pandemia – a atitude dele está sendo irrepreensível, de um líder.
Se ele está visando a presidência em 2022, o está fazendo da maneira correta e tem tudo pra sair dessa situação bastante fortalecido.
A democracia é feita assim, não gosto dele e nunca terá meu voto, mas reconheço o que tem feito de bom e será ótimo te-lo como adversário em 2022, pois vai melhorar o debate que não houve em 2018 por causa de um borra calça, tosco, ridículo e medroso.

Responder

    Paulo

    30 de março de 2020 às 23h36

    Cuidado, Alan! Dória é o Bolsonabo disfarçado de humanista…

    Responder

chichano goncalvez

30 de março de 2020 às 16h25

Nunca tinha visto isso antes, um presidente sendo desmoralizado a todo momento, ninguem obedece, tambem pudera com o curriculo dele: assassino, expulso de colegio, nenhum projeto de lei em 30 anos de legislatura, adorador de um torturador, se conseguir sair no tempo de seu governo, será uma façanha, é um psicopata, completo ( unico completo do mundo) idiota, imbecil, estrume, lambe botas do Trampozo, mentiroso, e pode botar mais sinonimos ruins ai que cabe na figura desse bosta.

Responder

    Dario Coelho Neto

    01 de abril de 2020 às 17h34

    Chichano, ele ir no governo até o fim do mandato, será uma façanha para ele e os filhos e uma tragédia para o povo do Brasil!!! Mas estou cada dia com mais esperança de que ele será retirado antes.

    Responder

Deixe uma resposta