Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Foto: Irga.

Arroz: exportação cresceu 1000% em junho, maior valor exportado em 1 mês

Por Redação

11 de setembro de 2020 : 09h52

Exportações brasileiras de arroz cresceram mais de 1.000% em junho deste ano, mesmo com as dificuldades enfrentadas no comércio internacional devido à pandemia.

316.437,23 toneladas foram exportadas em junho contra 29.973,62 toneladas no mesmo período em 2019.

É o maior volume já exportado em um mês pelo Brasil, segundo a Associação Brasileira da Indústria do Arroz (Abiarroz) e o Sindicato da Indústria do Arroz do Rio Grande do Sul (Sindarroz-RS).

No primeiro semestre de 2020, 952.966,59 toneladas foram exportadas.

Em comparação ao mesmo período de 2019, há um aumento de cerca de 40%. Naquele momento, as exportações somavam 678.816,84 toneladas.

A Abiarroz e a Apex-Brasil negociam a renovação do Brazilian Rice para o período de 2021 a 2023.

Trata-se de uma estratégia para mapear e intensificar as oportunidades e busca de informações sobre o mercado global.

Já em julho, a balança comercial brasileira de arroz teve o maior superávit mensal de sua história.

O país exportou quase 300 mil toneladas e importou apenas 48,1 mil toneladas, saldando 250,8 mil toneladas de arroz a mais que o enviado para fora.

Cuba, Peru, Venezuela, Estados Unidos e Costa Rica foram os principais destinos do arroz brasileiro, com 109,4 mil toneladas enviadas a esses destinos no mês de julho.

Entre março e julho, houve um aumetno de 97% do volume vendido do grão.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Jerson7

11 de setembro de 2020 às 11h00

Aqui o arroz custa de 20 R$ a 24 R$ o saco de 5 quilos…isso é caro ?

O que subiu foi a carne como aconteçe todos os anos nesse periodo de seca entre setembro/outubro e novembro.

Responder

Deixe um comentário