Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Paes oficializa sua filiação ao PSD

Por Redação

26 de maio de 2021 : 20h14

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, oficializou nesta quarta, 25, sua filiação ao PSD. Com a presença do presidente Nacional da legenda, Gilberto Kassab, Paes não escondeu seu desejo de liderar uma articulação em torno do presidente Nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, como candidato ao governo do Rio de Janeiro.

Santa Cruz também deve embarcar no PSD após sua saída da presidência da OAB prevista para acontecer em fevereiro. Além dele, também deve acompanhar o prefeito do Rio o secretário de Fazenda e Planejamento, Pedro Paulo, o deputado federal Rodrigo Maia (RJ) e a vereadora do Rio de Janeiro, Laura Carneiro.

Durante o evento, Kassab confirmou que alguns quadros que atualmente ocupam cargos importantes do Governo Bolsonaro, como o ministro das Comunicações Fábio Faria, devem deixar o partido pelo fato do desejo que a cúpula do PSD tem de lançar uma candidatura ao Palácio do Planalto em 2022.

“É evidente que neste momento ele, como ministro do governo, vai se sentir mais à vontade ficando num partido que vai apoiar o presidente. Ele é ministro. Ele deverá sair do partido para integrar um partido aliado e integrado a campanha do presidente. É só uma questão jurídica, politicamente está resolvido”, revelou.

Kassab é um entusiasta da candidatura do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e já está em diálogo avançado para trazer o congressista mineiro para os quadros do seu partido.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário