Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Foto: Ricardo Stuckert / Divulgação

Economistas do PT estudam mudanças na Previdência Social

Por Redação

02 de fevereiro de 2022 : 09h34

Economistas quem compõem o grupo sobre trabalho e Previdência da Fundação Perseu Abramo estão estudando formas para promover mudanças no sistema de Previdência Social do Brasil, caso o ex-presidente Lula (PT) seja eleito para um terceiro mandato.

De acordo com o ex-diretor do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), Clemente Ganz, a reforma da Previdência aprovada em 2019, logo no início do Governo Bolsonaro, destruiu o modelo que financia a aposentadoria.

“A reforma destruiu a Previdência, nós vamos ter que reconstrui-la”, declarou Ganz a Folha de São Paulo.

Ele também avalia que o “o que foi colocado como ambiente regulatório no mundo do trabalho inviabilizou o modelo contributivo no médio prazo” e com isso, a União terá que “aumentar a cada ano o aporte do Tesouro para financiar o sistema”.

Por fim, ele avalia que no eventual governo de Lula haja uma revisão integral do sistema previdenciário para, segundo ele, evitar que milhões de idosos tenham que mendigar nas ruas no médio prazo.

“O grande problema da Previdência não estava necessariamente na idade. É desproteger trabalhadores. Nós temos que reverter isso. Não é possível que daqui a dez anos encontremos 10 milhões de velhos mendigando nas ruas”.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Paulo

02 de fevereiro de 2022 às 22h40

Não é só isso, embora possa parecer corporativismo. O servidor público de carreira, das “antigas”, foi covardemente escanteado na tal Reforma da Previdência. Parte dos sonhos da classe média estudiosa, nacionalista, esperançosa, devotada ao Brasil e ao Estado brasileiro, foi jogada no lixo por esses lixos ainda mais malcheirosos denominados Bolsonaro e Porco Guedes. Perdi vencimentos em termos nominais (repare, não falo nem em termos reais, o que seria até esperado, e sempre ocorreu)…Canalhas, canalhas, canalhas!

Responder

Galinzé

02 de fevereiro de 2022 às 19h48

Estão estudando como estourar mais uma conta pública como de costume ?

Responder

Gil ELÓI

02 de fevereiro de 2022 às 13h23

Eu tenho muita esperança que mude essa forma da reforma da previdência que este desgoverno ai colocou
Tem que corta na própria carne para sobrar dinheiro.e não tirar de quem já não tem

Responder

Zulu

02 de fevereiro de 2022 às 12h06

Os economistas do PT entendem de lavagem de dinheiro, caixa 2, superfaturamento…vamos deixar o assunto para quem entende.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador de Minas Gerais O Xadrez para Governador de São Paulo O Xadrez para Governador do Rio de Janeiro Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro