Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Imagem: Divulgação

Vice-governador da Bahia confirma que PP pode apoiar ACM Neto

Por Redação

09 de março de 2022 : 14h45

Após uma reunião com o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP-PI), e o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e deputados do PP, o vice-governador da Bahia, João Leão (PP), confirmou que o seu partido poderá apoiar a candidatura do ex-prefeito de Salvador, ACM Neto, ao Palácio de Ondina.

Segundo o pepista baiano, o senador Jaques Wagner (PT-BA) descumpriu os “alinhamentos construídos fruto de amplo diálogo” e que neste momento o PP baiano precisa refletir sobre o futuro do partido na eleição local.

“Estão sendo analisados alguns cenários. Um deles, o PP ter candidatura própria ao Governo da Bahia. O outro, compor com a chapa majoritária do ex-prefeito de Salvador e secretário Geral do União Brasil, ACM Neto. Ressalto também a reunião q teve com o governador Rui Costa na segunda-feira”, disse.

“Qualquer decisão que o PP tome sobre nossos rumos no estado será alinhada com nossas bancadas, e também passará por uma conversa com o governador Rui Costa e com o ex-presidente Lula, com quem esteve nos últimos dias”, prossegue.

“Trabalhamos muito pelo nosso estado e o legado do PP precisa ser respeitado, da mesma forma como temos nutrido respeito por todos os nossos aliados”, completa.

Mais cedo, falamos sobre as últimas movimentações da cúpula do PP baiano após a desistência de Jaques Wagner (PT-BA) na disputa pelo Palácio de Ondina. O anúncio de que o governador Rui Costa (PT) ficará no governo do estado até dezembro deixou um clima de frustração e fúria no PP baiano.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Sebastião

09 de março de 2022 às 15h43

É bom que se diga, que já estava tudo alinhado pra Wagner ser o candidato. Só que Wagner condicionava a candidatura, a permanência de Rui até o fim do mandato. Algo, que Wagner fez com Rui em 2014, ficando até o fim do mandato. Pois, há muitas obras sendo inauguradas, e com gente do PT no governo, associam mais rápido a favor do candidato do governo.

Só que Rui, negociava renunciar a candidatura, pra deixar Leão no governo por 9 meses, num acordo feito só com Leão. Wagner ao saber disso, desistiu da candidatura, e mandou colocar Otto no lugar dele. Mas, o PT abrir mão sendo o principal partido no estado, de uma candidatura a favor de Otto, não tinha sentido. Foi aí, que dirigentes do partido começaram a reclamar, fazendo com que Otto desistisse. Nessa pressão, Wagner deu uma entrevista dizendo que Rui, permaneceria no governo até o fim do mandato, abrindo mais dissidência entre os dois. Dessa forma, Rui se viu acuado e isolado, e a promessa que ele exclusivamente fez a Leão, teve que ser desfeita.

Leão, tem um filho ligado a ACM Neto. O presidente do partido(PP) é aliado de Bolsonaro e quer ACM aliado a Leão. Leão tem dados declarações que pode apoiar ACM Neto. Daí, eu pergunto. Como é que Rui, entregaria de bandeja, o governo a um cara desses? Olhem a bombagem que Rui iria fazer? É o que dar, colocar um cara intransigente estilo Dilma, pra negociar na política. Ele ao invés de deixar com Wagner, quis tomar uma decisão unilateral.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador de Minas Gerais O Xadrez para Governador de São Paulo O Xadrez para Governador do Rio de Janeiro Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro