Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Três pitacos

Por Miguel do Rosário

21 de julho de 2014 : 14h50

Vou deixar aqui três tópicos para a gente debater e para eu mesmo desenvolver melhor mais tarde.

1) Conforme previmos ontem, a imprensa abriu a semana com uma operação blindagem para Aécio Neves, no caso do aeroporto na fazenda do titio, ao lado da sua própria, onde costuma descansar das noitadas do Rio.

Inclusive a Folha, que deu a denúncia. O jornal hoje dá mais espaço para a defesa de Aécio Neves do que para a repercussão do escândalo.

O Globo dá uma notinha escondida, sem chamada na capa, e apenas para defender Aécio. Nenhum aprofundamento, nenhuma repercussão. Ninguém pergunta a opinião do Álvaro Dias. Estadão, idem.

Não vi o que a Veja publicou, nem preciso: sei que ou não vai dar nada ou vai apenas blindar o tucano.

A explicação de Aécio, de que o governo construiu em terra do “Estado” é um acinte à inteligência. Claro que é terra do Estado! O Estado comprou de seu tio! E a sua fazenda, a de Aécio, fica a menos de 6 quilômetros do aeroporto “privê”.

Internautas descobriram ainda, na prestação de contas do candidato, que ele tem 50% numa propriedade em Cláudio, município onde foi construído o aeroporto.

Agora está provado que a denúncia da Folha entrou na “cota” de denúncia contra tucanos. A cada mil denúncias contra o PT, uma denúncia contra o PSDB. E com outra diferença, o espaço reservado para o acusado responder é maior do que a denúncia em si.  E não há joguinho armado com os coleguinhas de outros jornais. Fica só em um.

O cartel midiático tem suas regras. Um deles pode vazar uma denunciazinha contra tucano, para disfarçar um pouco. Mas eles nunca entram em peso, e nunca se aprofundam. Vide o caso do “helipóptero”…

Agora, é divertido (e um pouco assustador) imaginar o que aconteceria se um governador do PT, ou mesmo a presidenta, construísse um aeroporto inútil, numa cidadezinha perdida no meio do sertão, a seis quilômetros onde a autoridade costuma passar férias, e dentro da propriedade de um parente!

Provavelmente, as redes de TV enviariam, com urgência, 600 repórteres à cidadezinha em questão, e nunca mais a autoridade poria os pés na rua sem que a mesma pergunta fosse repetida por repórteres com olhos vermelhos de indignação. Será que o Globo vai deixar de vigiar Dirceu para mandar um repórter averiguar o “aecioporto”?

2) O Globo puxou o tapete dos ativistas. Depois de passar meses incensando manifestações e revoltas Brasil a fora, agora o Globo dá a volta e assume o papel em que mais se sente confortável: um porta-voz cínico e acrítico do Estado. Por isso o Globo quer derrubar o governo do PT, para voltar a ser um porta-voz também do governo federal (não confundir governo com Estado).

A lição foi dura para os ativistas. Eu mesmo testemunhei, numa palestra, um jovem adepto das táticas de violência dizendo que elas serviam para “aparecer na mídia”. Na mesma palestra, quase fui insultado pelos garotos por causa de um texto meu bastante agressivo contra os black blocs.

Agora o Globo chancela uma farsa policial-judicial (mais uma), que transforma ativistas em terroristas ultra-organizados, com cadeia de comando. E as redes sociais de direita, que antes incensavam os quebra-quebra, agora fazem de tudo para jogar a culpa no PT e na esquerda.

ScreenHunter_4309 Jul. 21 14.35


E isso apesar dos ativistas detidos serem todos radicalmente antipetistas e nunca terem ocultado a intenção de “derrubar o governo”.

Hoje eles são defendidos por PT, PCdoB, PSOL, PSTU, os mesmos cujos militantes apanhavam nas ruas por causa de suas bandeiras, e que agora tentam protegê-los da sanha brutal de uma direita que pretendia usar as “manifestações” apenas e exclusivamente para derrubar Dilma e desqualificar os partidos políticos.

Quando os protestos perderam seu caráter difuso e enveredaram para greves trabalhistas e demandas populares, a direita e a mídia passaram a tratar os ativistas como perigosos terroristas. O Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, é um bunda-mole, em quem não confio nem um pouco, mas não se pode agora culpá-lo pelas prisões dos ativistas, que ocorrem chanceladas pelo Judiciário, um poder independente, e pelo Ministério Público.

Não se esqueçam que muitos “manifestantes”, ingenuamente, chancelaram a derrubada da PEC 37, que impunha limites ao Ministério Público, hoje uma instituição arbitrária e antidemocrática, altamente corrompida, que pode perseguir qualquer cidadão ou empresa a partir de uma denúncia anônima, muitas vezes usada apenas para chantagear a vítima.

Conforme previsto, a violência nas manifestações produziu um grande reação conservadora anti-greve, anti-povo, anti-esquerda, anti-protesto. Mesmo assim, temos que suportar a reação e defender o direito à manifestação. Igualmente é preciso aguentar a reação popular-midiática conservadora em favor de prisões de ativistas, através de delírios policiais sustentados pela mídia.

A Ação Penal 470, que empreendeu um julgamento sem provas, apenas sustentado pela mídia e por uma “opinião pública” manipulada, fez escola.

Prenderam Dirceu e Genoíno. Agora prendem ativistas. Em Minas prenderam jornalistas críticos a Aécio Neves. Daqui a pouco estarão prendendo blogueiros.

Aliás, nem contei a vocês, mas um dos marketeiros de Eduardo Campos resolveu me processar, usando argumentos incrivelmente reacionários, cheio de menções midiáticas e udenistas ao “mensalão”, puxando o saco de Ali Kamel, dizendo que blogueiro “não é imprensa” e então deve ser processado. Criminalizando o fato do blog ter um viés político (como se a imprensa não tivesse também). Uma coisa de louco. Depois dou mais detalhes sobre o processo.

Meu advogado está, num primeiro momento, tentando trazer o processo para o Rio, porque o  sujeito quer que eu me desloque até Brasília para me defender.

3) O terceiro pitaco é sobre uma matéria no Valor, daquelas boas em que a imprensa põe a política de lado por um momento e foca em dados de economia. A reportagem foca na estratégia das empresas para se beneficiar da melhora do poder aquisitivo das classes mais baixas. Este foco é que salva a matéria.

O link para as matérias estão aqui e aqui, mas são exclusivas para assinantes do Valor.  

Eu reproduzo apenas os gráficos. É incrível como a renda dos mais pobres cresceu, e continua crescendo, mesmo com baixo desempenho do PIB. A pirâmide sócio-econômica brasileira sofreu mudanças profundas e permanece mudando, para melhor.

Esses dados põem por terra, totalmente, as mentiras de setores oportunistas do conservadorismo, que falam em piora da situação dos pobres. A situação deles tem melhorado, e muito, nos últimos anos.

ScreenHunter_4307 Jul. 21 14.27

ScreenHunter_4306 Jul. 21 14.26

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

43 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

George Mello

23 de julho de 2014 às 09h10

Aline Maluhy, dá uma espiadinha. Principalmente, no fiinal da matéria. Bjs.

Responder

jacques noronha maia

22 de julho de 2014 às 22h43

Mandou bem Miguel,parabéns!

Responder

Wagner

22 de julho de 2014 às 22h24

Faça-me ri kkkK! Um petista falando que os atos cometidos foram de conservadores! A DILMA QUE PEGOU ARMAS E SEQUESTROU E MATOU PESSOAS E DIREITISTAS NÃO É?

Responder

    Miguel do Rosário

    22 de julho de 2014 às 22h30

    Era uma ditadura, meu filho. E Dilma nunca pegou em armas.

    Responder

      Noé

      25 de julho de 2014 às 05h59

      Esse povo é da oposição Skin- “não gostam de Dilma porque sim”.

      Responder

      Eduardo Rodrigues

      25 de julho de 2014 às 16h53

      E se Dilma pegasse em armas estaria certa, pois não há revolução sem luta. Ninguém merece ser oprimido.

      Responder

Gustavo Souto de Noronha

23 de julho de 2014 às 00h44

Leandro Conti, Diogo Tristão, CH Gondim, Pablo Pontes, Claudia Videira, leiam principalmente o pitaco 2.

Responder

Celso Luiz da Silva

22 de julho de 2014 às 21h38

Aécioporto a nova moda do Brasil, se fosse em um terreno de um parente do Lula seria um tsunami de proporções bíblicas..

Responder

Totiy

22 de julho de 2014 às 17h53

A bomba já está armada, será a responsabilização de Dilma no caso Pasadena, será responsabilizada pela compra e pelos prejuízos causados ao Erario público,em uma condenação inédita do tribunal de contas da união ,escreva isso !

Responder

    Miguel do Rosário

    22 de julho de 2014 às 17h54

    Acho difícil.

    Responder

Patrícia

22 de julho de 2014 às 12h48

VOMITEI!!! Como ousa comparar Dirceu e Genoíno aos ativistas??? Esses cara ROUBARAM SEU DINHEIRO meu filho, ACORDA!!! Parem com essa mania de perseguição ridícula! A mídia é feita de pessoas, e assim como a sociedade os meios de comunicação podem ter ideologias diferentes. Isso é reflexo da democracia! Graças a Deus temos vozes discordantes, a unanimidade é burra! PSDB é apenas um partido, bem menos poderoso que PT, ou você acha que o LULA não é blindado tb? São todos farinha do mesmo saco, pare de escrever coisa ridícula na internet com a intenção de manipular a opinião das pessoas. Que escrotisse.

Responder

    Miguel do Rosário

    22 de julho de 2014 às 13h52

    Dirceu e genoino são inocentes das acusações que se lhe imputaram. O caso é o mesmo: mídia insuflando opinião pública. A mídia brasileira se tornou poderosa na ditadura, com dinheiro da ditadura, e tem todas a mesma opinião. Não te democracia nenhuma nisso.

    Responder

Noelia Brito

22 de julho de 2014 às 09h27

Olá, Miguel!
Quem é o marqueteiro de Eduardo que está te processando? Se for o Lavareda, Eduardo já mandou até prender jornalista (blogueiro) aqui em Pernambuco a pedido dele. Daí você tira como esse rapaz tem medo de exposição. Mas se for outro, aí já é pra começarmos a pensar que quem tem medo mesmo é o Chefe deles. Abs, Noelia
Ah! A Turma de Eduardo também tá me enchendo de processos e até inquéritos forjados. Eles são da mesma escola do Aécio. Diferença é nenhuma!

Responder

Márcio Gonçalves

21 de julho de 2014 às 21h52

Vocês tão vendo a m… que tá acontecendo? A mídia primeiro apoiou as ilegalidades do julgamento da AP 470 (“mensalão”) para estigmatizar o PT e a política (de esquerda) como criminosa. Depois quase incentivou o quebra-quebra nas manifestações, porque servia para desgastar Dilma e Cabral. Agora está descaradamente estigmatizando os manifestantes para queimar ainda mais qualquer movimento social.

Pelo que tenho lido, as prisões não são necessariamente ilegais, mas dificilmente não são abusivas. Se houvesse provas mais contundentes do que já há será que não teriam sido divulgadas? Que raio de inquérito sigiloso é esse que vaza áudios para a Globo com militantes falando em “líquidos” e “drinks” (“gasolina” e “coquetéis molotov”)? E por que só militantes de esquerda foram presos? Não tinha skinhead nem integralista quebrando nada?

Por outro lado, alguém aí coloca a mão no fogo que todos os acusados vão escapar da acusação de premeditação de atos violentos? Os erros da esquerda estão virando matéria-prima para a direita.

Resumindo: esquerda partidária e apartidária estão no mesmo barco e era melhor pensar em algum tipo de estratégia conjunta.

Responder

Miguel Do Rosario

21 de julho de 2014 às 22h17

Sim, Julia Camargo, rola essa armadilha, e temos sim que tomar cuidado.

Responder

Miguel Do Rosario

21 de julho de 2014 às 22h17

Sim, Julia Camargo, rola essa armadilha, e temos sim que tomar cuidado.

Responder

Rubens Machado

21 de julho de 2014 às 21h50

Mandou bem demais Julia Camargo. Não tenho lido sobre o assunto, difícil dar minha opinião. A ideia que tenho nesse momento é bem simplista, eu não confio na polícia, e não confio na Sininho.

Responder

Eduardo Jorge

21 de julho de 2014 às 18h08

Caro Miguel, me responda sinceramente, sem medo de patrulhamento: Voce entende que esses caras nao fizeram o que a promotoria os acusa ou voce entende que eles fizeram e nao devem ser punidos? So isso, sem rodeios , simples.

Responder

    Miguel

    21 de julho de 2014 às 18h21

    Acho que não fizeram aquilo de que são acusados.

    Responder

      Heleno

      21 de julho de 2014 às 19h39

      O Miguel já leu todo inquérito, como leu as cerca de 50.000 páginas do processo do mensalão; daí a certeza que os presos são anjinhos!

      Responder

        Luiza

        21 de julho de 2014 às 19h50

        Todos são inocentes até que se prove o contrário, não é mesmo Heleno? Essas pessoas estão sendo presas sem provas contundentes e isso não pode acontecer em um estado democrático.

        Responder

          Heleno

          22 de julho de 2014 às 01h39

          ô sujeitinho. Eu não vou pedir pra você ser idiota, porque você não vai deixar de ser. Para mandar alguém para o xilindró através com preventiva, não há necessidade de haver provas contundentes; basta haver indícios de autoria!

          Luiza

          22 de julho de 2014 às 21h18

          Sujeitinho não porque sou mulher! Por que o ódio?? Vc concorda com as acusações? Leu o inquérito? Não né, ng leu. Não estou falando da prisão preventiva em si e sim da investigação e perseguição a pessoas sem provas contundentes. Não podemos ter medo de sermos acusados de coisas que não fizemos amanhã sem um mínimo de coerência. Todos os brasileiros deveriam lutar pela justiça acima de qualquer opinião pessoal e não usar a internet para xingar os outros. Repito: os ativistas são inocentes até que se prove o contrário.

        Miguel do Rosário

        21 de julho de 2014 às 20h36

        Não confunda as coisas. O processo do mensalão, eu já li todo sim. Porque houve muito tempo. Esse aí, ainda não. Nem os advogados tiveram acesso, pelo que eu soube. O Judiciário liberou antes para a Globo, que iniciou uma campanha de difamação iniciada no Fantástico, o que é um absurdo. Sou contra linchamento de qq espécie.

        Responder

          Adriano

          21 de julho de 2014 às 21h44

          Verdade, só vale linchar o Aécio, como no caso do aeroporto (já avalizado pela ANAC). Diferentemente do terreno da união usado pela fundação Lula.
          O Aércio pede ajuda ao Titio e o Lulinha ao pai, sai de zelador de zoológico a mega empresário, um “fenômeno” segundo o pai coruja.

          Miguel do Rosário

          21 de julho de 2014 às 21h55

          Não fala bobagem. O Instituto Lula está instalado em terreno doado pelo Kassab. Melhor que o FHC, que fez reunião no Planalto antes de sair do governo, para arranjar dinheiro para seu Instituto, que até hoje vive de Lei Rouanet. O filho de Lula era colunista da Folha de games para celular, hoje um grande mercado, e quem investiu em sua empresa (na qual ele tinha 17% das ações) era uma outra companhia privada. Se for falar de filhos, vai sobrar para o filho de FHC (15 milhões pra fazer feira na Europa) e mais ainda para filha de Serra. Filho de Lula e Lula é que são perseguidos. Que linchar? Aécio e PSDB são blindados pela grande imprensa.

    renato

    22 de julho de 2014 às 18h19

    Vamos deixa-los soltos, e se vandalizarem alguma loja, cidade, patrimonio publico, escola, bancos. caixa eletronicos, assustarem as velhinhas na rua, ocuparem via publica por um determinado periodo, encobrir roubos,furtos e estupros que ocorrem quando há manifestações violentas..
    Voltamos a prende-los.. simples.

    Responder

luiz mattos

21 de julho de 2014 às 17h27

Piçol e PSTU nunca foram reprimidos pelos “ativistas”.
PT e P C do B tiveram bandeiras rasgadas e apanharam.

Responder

pedro gm

21 de julho de 2014 às 17h19

Ahhh!!! Mas q novidaaade!!! Achava q era soh o PT que roubava!!!! Agoooora vcs me pegaram!!! 6 tem tudo eh q ir dar meia hora de bunda!! Criem verfonha na cara seus vermes hipocritas!

Responder

    Miguel do Rosário

    21 de julho de 2014 às 19h09

    abriram a porta do hospício mais cedo?

    Responder

Diego Bunazar

21 de julho de 2014 às 19h37

Td mundo sabia que essa aliança black bloc – pig ia dar merda…

Responder

    Maria Aparecida Jube

    21 de julho de 2014 às 19h39

    Nem o PCC teve coragem de se aliar a essa quadrilha, foi considerada barra pesada demais.

    Responder

Ines

21 de julho de 2014 às 16h25

A estratégia do PIG é de clareza meridiana: se antecipar aos ataques que poderão vir por aí. Exatamente como aconteceu – dão bastante destaque às respostas, que passarão a ter o status de explicação oficial – qualquer fissura nela não terá a mínima atenção, averiguação. Os inefaveis Alvaro Dias, Carlos Sampaio e Imbassahi tem mais com o que preocupar do que “peraltices” do playboyzinho mineiro. Então para que o PIG irá incomodá-los.
Anecipar-se ao ataque, dando ampla repercussão aos pífios argumentos em contrário -esta é a forma eficiente de fazer a blindagem completa do Aecio Neves.
E os crédulos, idiotas que acreditam piamente naquele apocalipse em que vivemos segundo VEja e congeneres embarcarão nesta canoa furada.

Responder

Antonio Soaress

21 de julho de 2014 às 16h13

E quanto aos comerciantes que tiveram suas lojas arrombadas e saqueadas ? Eles foram ouvidos por alguém ? Faltou mais um pitaco.

Responder

    Miguel do Rosário

    21 de julho de 2014 às 19h10

    Tem que punir, sim, mas as pessoas certas, com provas. Não adianta usar ativista como bode expiatório.

    Responder

Marcoantonioalbuquerque Albuquerque

21 de julho de 2014 às 19h08

AÉCIO das “neves” e das trevas

Aécio Neves é filho do ex-deputado Aécio Cunha. De origem direitista, seu pai foi eleito pela ARENA sustentáculo maior pós Golpe Militar de 64. Mais tarde esta sucata partidária passou a se chamar; PDS, PFL e hoje de forma hilária, e não menos debochada, tem a audácia e atrevimento de querer ser chamada de DEMOCRATAS. É o mais retrógrado, fisiológico e oportunista dos partidos políticos, e é conhecido por “DEM”, que não é nada menos que as iniciais de demônios.
Aécio Neves sempre teve pronto nos lábios um sorriso para os ricos e poderosos, nunca trabalhou, sempre foi um “bon vivant”. Morou no Rio de Janeiro, depois governou Minas residindo na Cidade Maravilhosa. Quando chefe do governo mineiro mandou constuir com dinheiro público um aeroporto de 14 milhões de reais em terras de seu tio na cidade mineira de Cláudio para que pudesse visitar seis ou sete vezes no ano as fazendas de sua família. Aeroporto veementemente contestado pela população mineira, por já existir próximo e a 50 km na cidade de Divinópolis um aeroporto regional e de maior porte.
Passou a vida surfando nas praias de Ipanema e Leblon. Não sabe o que é pobreza, não sabe o que são ‘Os tem tetos’, não conhece os problemas sociais do país, exceto aqueles que são discutidos numa festa quaisquer nas mesas do Hotel Fasano. Sempre foi um riquinho sonhador. Hoje quer ganhar de presente o BRASIL, presente este que seus avôs, também políticos, fariam de tudo pra lhe dar, já que nunca lhe negaram nada. Sempre o deixou acreditar que poderia tudo. Corre pelos quatro cantos do país, e até no exterior, a fama de ser um drogado.
É odiado pelos professores de Minas Gerais. Protege corruptos do estipe de Eduardo Azeredo e suspeitos de tráficos como os Perrellas. Tem todos e quaisquer meios de comunicação de Minas sob seu controle, pois criou neste estado a “Lei da Mordaça” Em Minas a imprensa é expressa e rigorosamente proibida de falar mal dele. Outras sempre o encobrem para que ele tire vantagens. É uma invenção das empresas de publicidade, um produto sem conteúdo (um coxinha), porém maquiavélico. É um novo Collor de Melo criado pela mídia para tomar de assalto o país e entrega-lo novamente aos poderosos. É da mesma fôrma de onde saiu o “Caçador de Marajás”, porém mais inconsequente e mais ambicioso. Um bibelô frequentador de festas da alta sociedade.
Foi quem “inspirou” a criação da marchinha do carnaval belo-horizontino 2014; “A marcha do Pó Royal” (vide google enquanto é tempo)”. Um sujeito vazio e inoperante. É um playboyzinho alucinado da zona sul carioca que de Brasil só conhece aquele trecho ali do calçadão da av. Vieira Souto entre o Leblon e Ipanema no Rio de Janeiro. Nas noites cariocas costuma ser detido em Leis Secas dirigindo bêbado e com carteira de motorista vencida. Recusou-se a “soprar” (não deve saber soprar) o bafômetro em cumprimento da lei, e disse não ter conhecimento que sua Carteira de Habilitação estava vencida. Como crer num candidato a presidente que não consegue administrar nem seus próprios documentos?

Responder

Julia Camargo

21 de julho de 2014 às 19h06

Concordo com quase tudo. O grande problema é que os “ativistas” criaram uma situação, que se foi proposital foi muuuito esperta, de ou defendemos eles ou corremos o risco ser classificado como conservador (nos termos mais simpáticos). Ser absolutamente favorável à qualquer manifestação não me obriga a ser favorável à qualquer TIPO de manifestação… Fizeram protestos sem pauta. Dizendo-se democráticos, aceitaram qualquer um, memso de cara coberta… Qualquer coisa que pudesse “respingar” no PT. OK. Acho legítimo ser contra o PT, o problema é que criaram essa situação. Agora com a essa nova encenação de pedido de asilo… Tudo dentro de um script… Lá no começo, já acusavam o governo de ditadura… Acho que precisamos de uma análise muito séria, cuidadosa e corajosa. Algo pedagógico. Pq os adolescentes, que são muitos neste movimento, estão acreditando que ditadura é o governo do PT… O que seria a democracia? “Não concordo com o preço do ônibus então quebro o ponto?” Com esse pensamento passamos muito rapidamnete para “eu não concordo com vc então te dou um soco ( ou pior)”… Acho, pessoalmente, que essa “turma” criou uma situação péssima para o país. Legitimaram uma polícia truculenta e só.

Responder

    Vitor

    21 de julho de 2014 às 21h12

    Muito bom o comentário, Julia…

    Responder

JURIDICO

21 de julho de 2014 às 15h49

AVISO AOS NAVEGANTES— Recebi informe que o helicoptero nao saia de la… e so confirmar na cidade

Responder

Gabriel Moura

21 de julho de 2014 às 18h43

Uma advogada ativista, uma das 21 pessoas sobre as quais recai o pedido de prisão preventiva, está no consulado do Uruguai pedindo asilo político. Genial..

Responder

    Heleno

    22 de julho de 2014 às 01h42

    Genial, mas o pedido foi rejeitado!kkkkkkkk, genial!!

    Responder

Carlos Roberto

21 de julho de 2014 às 15h11

Notem Senhores o quão imparcial é o PIG 2008: O Ex Ministro Orlando Silva foi execrado pela folha, estadão, rádios que trocam a noticia e demais membro piguentos e qual o crime do Ministro: comer uma tapioca de R$ 8,30.

Em nossos dias o Sr Aécio Neves desperdiça R$ 15 milhões de reais na construção de um Aeroporto que virou pista para Aeromodelismo e o PIg passa a proteger Aécio com imprestáveis desculpas.

Responder

Ana Bianca Rocha

21 de julho de 2014 às 18h05

Excelente análise.

Responder

Deixe um comentário