Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Renan está certo. Dilma tem que dialogar

Por Miguel do Rosário

03 de março de 2015 : 21h51

renan-calheiros-senado


 

Bem, desta vez vou na contramão.

Acho que o presidente do Senado, Renan Calheiros, agiu corretamente em devolver a MP que punha fim à desoneração das folhas de pagamento.

A MP chega num momento delicado da economia, e pode afetar o emprego.

Possivelmente, Renan Calheiros prestou um inestimável auxílio à Dilma, porque ajudou a evitar a deterioração do mercado de trabalho.

Além disso, trata-se de uma MP intempestiva. Quando Dilma lançou o programa para desonerar a folha de pagamento, havia a impressão que seria uma medida definitiva.

Eu pelo menos tive essa impressão, e achei uma medida justa e inteligente. Quem emprega mais, paga um pouco menos imposto.

Não era então? Era uma coisa temporária, uma ação anticíclica?

De qualquer forma, a medida deu certo.

O emprego foi praticamente a única variável da economia brasileira que o governo pode brandir com orgulho durante o processo eleitoral.

Sou obrigado a ser repetitivo.

A presidenta peca, mais uma vez, pela falta de diálogo, comunicação, política.

Renan reclamou que a medida não foi discutida com o Legislativo.

Tinha que ser.

Dilma tem que sentar com Renan e Eduardo Cunha antes de mandar qualquer medida ao congresso.

Senão fizer isso, vai perder tudo. O governo vai sofrer um verdadeiro massacre no legislativo.

Assim como tinha de ser discutida com a população e as centrais.

É preciso explicar à população o que está acontecendo.

Usar a TV aberta, dar entrevista, abusar das redes sociais.

A presidente só usa seu twitter para repetir frases de seus discursos em inagurações ou necrológios.

Por que não usa para discutir política?

Por que não suas redes como canais de diálogo com a população, para monitorar como as pessoas estão se sentindo em relação ao governo e à presidenta?

Por que não as usa para fazer perguntas, para ouvir?

Depois que as ideias e projetos do governo tiverem sido discutidos com o senado, a câmara, partidos, sindicatos, empresários, a sociedade, a presidenta podia usar as redes para pedir o apoio da população para sua aprovação.

Mande email, whatsapp, facebook, twitter, use tudo para pedir à população engajamento numa luta em comum em prol do desenvolvimento nacional.

É assim que se faz.

A presidente nunca vai conseguir aprovar mais nada se continuar agindo dessa maneira fria, distante, expedindo burocraticamente MPs para o Congresso Nacional.

As medidas para anular a desoneração das folhas de pagamento implicarão em maior pressão tributária sobre as empresas que mais empregam?

Não seria melhor aplicar um imposto sobre grandes fortunas, ou adotar medidas mais rígidas para conter a nossa evasão fiscal, a maior do mundo?

Enfim, o governo precisa ouvir mais a sociedade.

Não foi a sociedade que elegeu Dilma?

Quem sabe ela – a sociedade – não pode lhe ajudar a governar?

Quanto à inclusão do nome de Renan Calheiros na lista de Janot, eu prefiro manter a coerência e não condená-lo previamente, como faz a mídia com petistas.

Renan e Cunha terão direito ao contraditório, à defesa, e são inocentes até prova em contrário.

Minha divergência com eles é política. Se eles tem problemas na justiça, preciso de provas para acusá-los.

Não vou entrar nessa onda de delação premiada.

Se eu ver, ouvir, tocar, essas provas, aí sim.

Além do mais, já estou escaldado. Setores espertos do MP adoram fazer esse jogo. Incluem alguns nomes da oposição para adensar um processo viciado e chancelar a sua farsa, depois tiram os nomes da oposição, e pronto, ganham um poder monárquico sobre a política brasileira.

E com apoio dos próprios petistas, ludibriados facilmente com a possibilidade de verem seus adversários saírem chamuscados no tribunal da mídia.

Temos que discutir política e desenvolvimento nacional, e não afundarmos todos num debate policialesco e moralista que só interessa aos vendilhões que lucram com as crises e com a instabilidade.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

34 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Eunice

06 de março de 2015 às 12h27

Agora elucidou. Isso estava confuso igual a Pec 37. Risos.

(Dupla negativa )Acabar com a desoneração é onerar.Então onerar não é bom.Então devolver é bom. Entendi.

Responder

Ana Oliveira

05 de março de 2015 às 20h34

Tá certo! é texto está certíssimo!

Responder

Fernando Moreno

05 de março de 2015 às 08h56

Prezado Miguel, bom dia. Você está correto mais uma vez. A Presidenta Dilma, infelizmente, não dialoga, não age politicamente, não busca tomar medidas para afastar a crise. Acabei de ver a notícia do aumento da SELIC. Antes aumentou a CIDE, fazendo o preço dos combustíveis estourarem. Aumentou a contribuição incidente sobre a folha de salários. Tudo num momento em que a única coisa que não poderia ser feito era isso. Não sei se é insensatez, pirraça ou ingenuidade. Deixou a oposição destruir a imagem da Petrobrás sem falar uma palavra sequer. Estou desistindo hoje de continuar brigando pela Dilma. Dia triste para mim.

Responder

Elma Rocha

05 de março de 2015 às 02h02

Ariane Maira Chaves Vilhena outro para beatificar no momento…

Responder

Messias Franca de Macedo

04 de março de 2015 às 15h02

… Ninguém duvide: os sabotadores da nação Eduardo Cunha &$ Renan Calheiros sairão maiores da patifaria anunciada que será o julgamento da Lista de Janot no STF!

A intuição do matuto ganha robustez ao tomar conhecimento de mais esta safadeza:

Eduardo Cunha chama ex-procurador-geral para defendê-lo na Lava Jato

ANDRÉIA SADI
DE BRASÍLIA

04/03/2015 08h01

O presidente da Câmara, deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deverá contratar o ex-procurador-Geral da República Antonio Fernando Souza para atuar em sua defesa quanto ao pedido de investigação feito contra ele e diversos outros parlamentares por conta da Operação Lava Jato; o ex-procurador-Geral abriu 141 inquéritos quando esteve à frente da PGR, o triplo da média dos antecessores, e a sua atuação foi decisiva para levar adiante a Ação Penal 470, mais conhecida como “escândalo do mensalão”

4 DE MARÇO DE 2015 ÀS 09:12

(…)

FONTE: http://www1.folha.uol.com.br/poder/2015/03/1597843-presidente-da-camara-chama-ex-pgr-para-defende-lo-na-lava-jato.shtml

Os golpistas estão assanhados!

Quem irá detê-los?!

E/ou o que irá deter a sanha fascista dessa gente truculenta e inescrupulosa?!

O povo está envolvida com a faina do dia-a-dia!

E desinformada!

E aí, já que o governo “não dá um muro na mesa nem tampouco aciona o freio de arrumação”?!

Responder

    Eunice

    06 de março de 2015 às 12h29

    Antonio Fernando de Souza é um antigo polêmico?

    Qual foi o caso dele mesmo? Alguém lembra?

    Responder

Marcelo

04 de março de 2015 às 14h25

O Renan está correndo pro titio Marinho…

Responder

Felipe Pinheiro

04 de março de 2015 às 15h44

Leopoldino Martins Marcela Guarani Kaiowá Costa Anselmo Braga

Responder

Carlos alberto de olival

04 de março de 2015 às 11h56

Que tal extinguir o poder judiciário (pense na economia para o Pais)criar tribunal superior da Midia, que julgaria de acordo com o tal de domínio de fato, não é uma idéia genial.

Responder

edmar

04 de março de 2015 às 10h40

Porra Miguel, até tu? Quando houve o “acabar com ‘desineracao da folha de pagamento’ por medida provisória”? Seria mera CORREÇÃO DE ALÍQUOTAS! Tua má vontade com a DILMA ta quase igual à dos tucanos. Já se filiou?

Responder

    Miguel do Rosário

    04 de março de 2015 às 11h02

    eu lancei a pergunta. não tenho má vontade nenhuma. mas se ela brigar também o presidente do senado, vai ficar ainda mais difícil.

    Responder

Ricardo Edmundo Cecconello

04 de março de 2015 às 13h11

POR QUE SERÁ QUE RENAN CANALHEIROS, ex ministro da inJustiça do PSDB/PFL está vociferando?

Será que está com saudades do tempo do ENGAVETADOR GERAL DA REPÚBLICA TUCANALHA, quando ministro da justiça, podia mandar e desmandar na Polícia Federal?

Afinal, por que a tal lista dos a serem “investigados” está sob sigilo absoluto no STF?

Ademais, a mais, POR QUE a operação “lava jato” do zé lozo juiz moro parece que provocou “dúvidas” no Janot, de um trabalho “mal feito”? Ou seria “incompleto”?

Mas a revista Veja e a rede Globo não tinham certeza absoluta de que membros do Governo Petista estavam embrulhados até o pescoço, como peixes podres, já com provas documentais vazadas pela “equipe” fascista do juiz em cima do moro?

Afinal, agora fica o dito pelo não dito, o certo pelo errado, e o Procurador Geral da República vai mandar recomeçar toda a novela FICHA ROSA, BANESTADO e LAVA JATO?

O trabalho tão elogiado pela Globoveja, da equipe de Delegados Federais de Curitiba, tão propalado cem por cento bem feito, não foi suficiente para as “denúncias?

Por que a “lista” de envolvidos envolve tanto sigilo? Por que o POVO BRASILEIRO, tanto tucano, quanto petistas, e demais partidos, não podem tomar ciência da lista dos investigados pela OPERAÇÃO PARANAENSE DO MORO & DELEGADOS?

Qual o motivo, agora que o cacicado político corrupto seria DESMASCARADO, qual o motivo de tanta esbulhação e desprezo ao trabalho do Juiz Moro? Teria sido, toda a OPERAÇÃO LAVA JATO, uma campanha eleitoral anti PT?

Pelo que me parece FOI. E ainda É.

http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/171972/Tijola%C3%A7o-mau-humor-de-Renan-com-Dilma-%C3%A9-a-lista.htm

Responder

S Rod

04 de março de 2015 às 09h36

Caro companheir@, quase oito meses depois de destruir a reputação do ex-ministro do Esporte Orlando Silva, a mídia divulgou a verdade: Orlando Silva é inocente. Porém, a notícia tão ou mais relevante do que a mentira criada pela revista Veja ficou longe de receber capas de revistas e inúmeras matérias nos principais telejornais e programas de rádio. No Jornal Nacional, por exemplo, recebeu apenas 28 segundos. Bem este é apenas um exemplo de muitos ministros da Presindenta Dilma que foram afastados ou pediram demissão sob falsas acusaçõees do PIG. Após dois anos, a Justiça arquivou o processo contra a ex-ministra Erenice Guerra. Sucessora de Dilma Rousseff na Casa Civil, a ex-ministra, que assumiu o cargo em março de 2010, não resistiu às denúncias de tráfico de influência e lobby envolvendo seu filho, Israel Guerra e o deixou em setembro de 2010. O Tribunal Regional Federal determinou o arquivamento do inquérito por total falta de provas. Seguindo esta lógica destes brasileiros honestos e injustiçados, esperamos que o Presidente do Senado Renan Calheiros e o Presidente da Camara dos Deputados Eduardo Cunha entreguem seus cargos até que sejam julgados inocentes. Nada mais nobre, se o cidadão sabe de sua inocência.

Responder

Santos

04 de março de 2015 às 09h32

E tem mais: vem aí o candidato à vaga deixada pelo joaquim barbosa no stf. Portanto, é bom mesmo dona Dilma aprender a dialogar. Não é legal pra ninguém – nem pro governo, nem pra sua “base” no congresso e nem pro eleitor – um ministo q se comporte de acordo com as vontades, desejos e imposições dos 3 irmãos… Já vimos q o PT é meio incosequente nesse assunto. Não dá pra aceitar, por exemplo, critérios futebolísticos que levem à indicação de um candidato q mate no peito.

Responder

Fabio

04 de março de 2015 às 09h23

Precisa de uma revolução que derrube todos, tanto esse PT, PSDB, PMDB e outros.
Dilma está afundando o Brasil.
Dilma traíra.

Responder

Vera Lucia Alves Milanez

04 de março de 2015 às 11h36

é claro que está certo e dialogar com o povo também!

Responder

Angela

04 de março de 2015 às 07h36

POR ISSO SEMPRE FUI A FAVOR DO PARLAMENTARISMO , EM OUTROS TEMPOS RENAM CALHEIROS , CUNHA E TODO DESSE CONGRESSO BANDIDO JA TERIA CAIDO !!!! AINDA CONFIO EM DILMA, MAS QUEM ESTA ENVOLTA DELA INFELISMENTE É MUITO BANDIDO ..

Responder

Maria Penha da Silva

04 de março de 2015 às 09h27

Contra a Presidente Dilma, esse Renan ou esse Eduardo… nunca estarão certos… Mas o povo votou neles… e em outros q tais…

Responder

Messias Franca de Macedo

04 de março de 2015 às 00h47

… [Mais] Um texto impecável escrito pelo iluminado jornalista Miguel do Rosário!

Enquanto isso, a presidente Dilma Rousseff deve estar ouvindo os discursos burocráticos e pragmáticos do Aloísio Mercadante!

Responder

Messias Franca de Macedo

04 de março de 2015 às 00h37

A presidente Dilma Rousseff precisa conversar com o povo!

E com a Fátima Bezerra!

Está faltando o Brizola neste país!

Mas, temos Fátima Bezerra, para dizer as verdades!

https://www.youtube.com/watch?v=Cz2S9ryqKSQ

No Senado, Fátima Bezerra rebate O Globo, diz que Veja “tem obsessão em destruir o PT” e que a mídia promove o ódio

publicado em 03 de março de 2015 às 21:34

(…)

FONTE: http://www.viomundo.com.br/denuncias/senado-fatima-bezerra-ataca-jornal-o-globo-e-lembra-os-mosqueteiros-da-veja.html

Responder

Maria Regina Novaes

04 de março de 2015 às 02h52

Dilma precisa conversar com o povo!

Responder

Pedro

03 de março de 2015 às 23h29

Muito bom! Cheguei à conclusão de que Dilma realmente não gosta de dialogar, ela possui esse lado autoritário. É esse o motivo de obras extraordinárias irem parar na justiça por falta de consulta às comunidades, é esse um dos bons motivos para a sua popularidade estar tão baixa. Fica difícil acreditar num governo com tanta dificuldade de se comunicar em pleno século XXI. É torcer pra melhorar.

Responder

    Miguel do Rosário

    04 de março de 2015 às 00h32

    pense de outra firma: a quem interessa que haja conflito entre dilma e renan?

    Responder

      Jaide

      04 de março de 2015 às 11h10

      A razão da birra do Renan não é falta de conversa antes do envio da MP de desoneração da folha. Foi noticiado o encontro com o governo para tratar desses ajustes. Aconteceram, portanto, reuniões, discussões prévias com congressistas. A questão é a Lava Jato com o nome do Senador. Dilma não pode ajudá-lo a sair da enrascada. O que fazer? Simples. Afronta a Presidente e tenta a proteção da mídia. Em especial da Globo que hj já saiu em defesa da desoneração, pelo menos da sua folha de pagamentos.

      Responder

Tadeu Vezzi

04 de março de 2015 às 02h26

Não tá não por que ele não foi no jantar ontem com os Senadores do PMDB ? Já está esperando Retaliações e pediu ajuda a Globo e ao PSDB.Já faz uma semana que foi anunciada a MP e bem no dia que o Janot solta a Lista,o CABELINHO se rebela.Pensa bem !Saudações,mas com o PMDB é sempre pouco,sempre querem mais.

Responder

Marcelo Santos

04 de março de 2015 às 02h19

igual a vc,,tem q interagir com a galera q escreve aqui,,e o superavit primario??,,o ajuste fiscal é pra isso

Responder

Nivania Lucia Battigaglia Leite

04 de março de 2015 às 01h49

O PAIS ESTA PRECISANDO DE UMA REVOLUÇÃO O POVO GADO ACEITA TUDO CALADO…….. VAI VAI FAZER ISTO EM UM PAIS SERIO TIRAR DIRETOS ADQUIRIDOS POR MEDIDA PROVISORA É UM TAPA NA CARA DO POVO Dilma Rousseff TRAIDORA DA NAÇÃO DEU UM TAPA NA CARA DE QUEM A ELEGEU.

Responder

Gervásio

03 de março de 2015 às 22h39

Tarde demais, Renan. Você está na lista e está até o pescoço nela. Vamos logo tentando fazer uma nova eleição para presidente do Senado. Não é possível que alguém esteja debaixo de severa investigação da polícia e ainda pretenda se manter no cargo como se nada estivesse acontecendo. Meu candidato é o próprio Randolfe, já que até o PSDB se diz tão amigo deste rapaz.

Responder

Ademir Barros

04 de março de 2015 às 01h23

Incrível como a Dilma só se cerca de gente incompetente.

Responder

Bruno Fonseca Gurão

04 de março de 2015 às 01h08

Ivan Silva, como havíamos falado agora pouco. Hahahaha

Responder

Rafaela Marques

04 de março de 2015 às 00h58

Mas e sobre isso? http://tijolaco.com.br/blog/?p=25108

Responder

    Pharaô

    03 de março de 2015 às 22h45

    A direita é composta por Vampiros! e zumbis. Vampiros são os politicos,e OS Chefões da midia.Zumbis, a massa de manobra,OS MARIONETES usadOS por Eles…Pelo menos Deus esta do nosso Lado!
    https://www.youtube.com/watch?v=wQmRF86v-Ro

    Responder

Roberto Otrebor

04 de março de 2015 às 00h53

90% da crise política atual foi causada pelo silêncio dela. Nem no primeiro mandato ela fez isso. É bom ela se livrar do Mercadoria-dante e da turma que aconselha ela pois só se ela seguir com esses caras vai ser duro defender esse governo por 4 anos (o desgaste que isso irá provocar).

Responder

Deixe um comentário